Programação Cineclube março 2016

Confira a programação do Cineclube da Fundação Cultural Badesc de março de 2016

Dia 01, terça-feira, 19h, ABERTURA DE EXPOSIÇÃO

Não haverá sessão do Cineclube.

 

02 - ohomemquecaiunaterraDia 02, quarta-feira, 19h, ART 7

O Homem que Caiu na Terra

(The Man Who Fell to Earth) de Nicolas Roeg. Inglaterra. 1976. 139min. Drama, ficção. Sem classificação. Com David Bowie, Rip Torn e Candy Clark. Ciclo: David Bowie, uma homenagem.

Alienígena disfarçado de empresário vem à Terra em busca da salvação para seu planeta.

 

03 - badouboyDia 03, quinta-feira, 19h, Cine Africano

Badou Boy

de Djibril Diop Mambéty. Senegal. 1970. 56min. Comédia. 16 anos.

O menino Badou, um jovem delinquente, vive aprontando em sua cidade, perturbando a paz de todos que o cercam. Sua fama consagra-o como uma das figuras mais procuradas pela polícia, que nunca consegue alcançá-lo. Enquanto isso, um mendigo cego sobrevive de sua humilde música, denunciando através do canto uma série de injustiças sociais.

 

04 - perfumeDia 04, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

Perfume: A História de um Assassino

(Das Parfum – Die Geschichte eines Mörders) de Tom Tykwer. Alemanha. 2006. 147min. Drama. 16 anos. Com Ben Whishaw, Rachel Hurd-Wood e Dustin Hoffman.

Jean-Baptiste Grenouille nasceu com o olfato mais apurado do mundo. Por isso, encontrou uma prolífica – porém nada reconhecida – carreira como criador de perfumes. No entanto, sua constante busca pelo aroma perfeito o leva a caminhos perigosos.

Comentaristas: Prof. Dr. Carlos Maciel – Professeur émérite – Université de Nantes, membro pesquisador – Centre National de la Recherche Scientifique (Nice). Especialização em Direito (Strasbourg). Membro do IHG-SC e do IASC. Visitante na UFSC (NuPILL, Literatura brasileira, PGET). Presidente do Conselho Científico da Fundação Polo Mercosul (Montevidéu); Membro do Fórum do Campo Lacaniano de Florianópolis (em formação). Atualmente, mestrando pelo Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução – PGET.

 

07 - peixe grandeDia 07, segunda-feira, 19h, Imagens do Desejo

Peixe Grande e Suas Histórias Maravilhosas

(Big Fish) de Tim Burton. EUA. 2003. 125 min. Drama. Classificação: 12 anos. Com Ewan McGregor, Albert Finney e Jessica Lange

Sabendo que a morte está próxima, Ed Bloom (Albert Finney), um grande aventureiro e contador de histórias, tem a última chance de se aproximar do filho Will, um jovem jornalista que está prestes a se tornar pai. Longe da família há alguns anos, Will sente-se enganado, como se não conhecesse o seu verdadeiro pai, que confunde entre a ficção e a realidade de suas histórias.

Comentarista: Claudemir Pedroso Flores – Psicanalista membro de Maiêutica Florianópolis, com formação em Ciências Sociais (UFRGS) e Psicologia (UFSC) Mediadores: Vitor Werner e André Souza – Psicanalistas

 

08 - ogoioentransbordouDia 08, terça-feira, 19h, Estreia

O Goio-En Transbordou

de Cassemiro Vitorino e Ilka Goldschmidt. Brasil. 2014. 70 min. Documentário. Sem clasificação.

Entre as décadas de 20 e 70, os moradores do Goio-En, comunidade às margens do Rio Uruguai, se alegravam com a possibilidade de cheia no rio. Era sinal de trabalho, hora de largar no rio as balsas que transportavam madeira para a Argentina. Em 1965 o “Dilúvio” transformou o local. Hoje, uma “enchente” provocada pela construção da Usina Foz do Chapecó mudou definitivamente o destino da comunidade.

Haverá debate com a presença dos diretores.

 

09 - furyoemnomedahonraDia 09, quarta-feira, 19h, ART 7

Furyo, Em Nome da Honra

(Merry Christmas Mr. Lawrence) de Nagisa Oshima. Inglaterra, Japão, Nova Zelândia. 1983. 123min. Drama, guerra. Sem classificação. Com David Bowie, Tom Conti e Ryuichi Sakamoto. Ciclo: David Bowie, uma homenagem.

Prisioneiro inglês em campo de concentração provoca conflito quando decide não obedecer às rígidas regras do capitão.

 

10 - mostraaovitorDia 10, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

Mostra: Ao Vítor, pelo fim do Genocídio – Imagens Indígenas

KIKI – O Ritual da Resistência Kaingang

de Ilka Goldschmidt e Cassemiro Vitorino. Brasil. 2014. 34 min. Documentário. Classificação: Livre.

Aborda o mais importante ritual da etnia indígena kaingang, o Kiki, realizado em 2011 na Aldeia Condá, no oeste de Santa Catarina (Brasil). Através de uma abordagem cronológica são mostrados os preparativos na mata e na aldeia. A construção das casas na mata, a chegada dos pajés, a preparação da bebida que levou mais de dez dias para ficar pronta, a pintura das marcas nos rostos definindo as duas metades: kamé e kainru-kré.

Mbyá Reko Pyguá, a luz das palavras

de Kátia Klock e Cinthia Creatini da Rocha. Brasil. 2012. 18 min. Documentário. Classificação: Livre.

A sensibilidade do povo Guarani em educar as crianças permanece viva mesmo com todas as influências da sociedade contemporânea. Mas os caminhos e esforços dos líderes espirituais e professores indígenas são marcados por dilemas, buscas, encontros e desencontros. Gravado na Aldeia Yynn Moroti Wherá, em Biguaçu, é o primeiro documentário realizado em guarani com recursos do Edital Prêmio Cinemateca Catarinense 2012.

Guarani Resiste!

do Coletivo Vira Lata. Brasil. 10 min. Documentário. Classificação: Livre

Os Guarani das 6 aldeias existentes na cidade de São Paulo, ocuparam a Avenida Paulista, centro financeiro da capital. Eles exigem a assinatura do Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que irá regularizar, de uma vez por todas, a demarcação de suas terras na cidade.

Convidados: Cassemiro Vitorino, jornalista e produtor; Cinthia da Rocha, antropóloga e diretora; Lígia Marina, do Grupo Imagens Políticas; Prof. Indígena Geraldo Karai Moreira – Aldeia Yynn Moroti Wherá. Moderadora: Emanuele Mattiello, do Cine Imagens Políticas.

 

11 - fale com elaDia 11, sexta-feira, 19h, Psicanálise Vai ao Cinema

Fale com Ela

(Hable con Ella) de Pedro Almodóvar. Espanha. 2002. 112 min. Drama. Classificação: 14 anos. Com Jávier Cámara, Darío Grandinetti e Geraldine Chaplin.

Dois homens cujas vidas se cruzam no hospital onde estão internadas, em coma, as mulheres que eles amam. Há muitos tipos de amor em jogo, mas eles não passam mais pelo registro do parentesco. É antes um amor entre amigos e um aprendizado do amor: como é possível amar uma mulher fora unicamente do registro sexual?

Comentaristas: Laureci Nunes – Psicanalista da Associação Mundial de Psicanálise e da EBP/SC; Diego Cervelin – Doutorando pela UFSC.

 

14 - trianguloamorosoDia 14, segunda-feira, 19h, Cine Alemão Instituto Goethe

Triângulo Amoroso

(3) de Tom Tykwer. Alemanha. 2010. 119 min. Comédia, Drama. Classificação: 16 anos. Com Sophie Rois, Devid Striesow e Sebastian Schipper.

Hanna e Simon são casados e, apesar de viverem bem, fantasiam aventuras com outras pessoas. Quando Hanna conhece Adam, logo se sente atraída. Não demora muito para que iniciem um caso. Após passar por uma cirurgia, Simon vai a uma piscina pública e lá conhece Adam. Pela primeira vez na vida ele se sente atraído por um homem.

les demoiselles de Rochefort 1967 Réal. : Jacques Demy et Agnès Varda Catherine Deneuve Françoise Dorléac Collection Christophel

Dia 15, terça-feira, 19h, Cine Francês Aliança Francesa

Duas Garotas Românticas

(Les Demoiselles de Rochefort) de Jacques Demy. França. 1967. 120min. Musical. Sem classificação. Com Catherine Deneuve,  Danielle Darrieux e Michel Piccoli. Ciclo: Catherine Deneuve.

Delphine e Solange são duas irmãs gêmeas encantadoras. Elas vivem então da música e sonham ir para Paris e ter uma vida de fantasias. Alguns empresários chegam à cidade e passam a frequentar o bar que é da mãe delas. Uma grande feira é promovida e um marinheiro sonhador está à procura da mulher ideal…

16 - fomedeviverDia 16, quarta-feira, 19h, ART 7

Fome de Viver

(The Hunger) de Tony Scott. Inglaterra, EUA. 1983. 97min. Romance, fantasia, horror. 18 anos. Com Catherine Deneuve, David Bowie e Susan Sarandon. Ciclo: David Bowie, uma homenagem.

Namorado de vampira, com expectativa de vida de 24 horas, procura ajuda de médica especialista em envelhecimento precoce.

 

17 - omeninoeomundoDia 17, quinta-feira, 19h, CineSesc

O Menino e o Mundo

de Alê Abreu. Brasil. 2013. 80 min. Animação. Classificação: Livre. Com Vinicius Garcia, Marco Aurélio Campos e Lu Horta.

Um garoto mora com o pai e a mãe, em uma pequena casa no campo. Diante da falta de trabalho, no entanto, o pai abandona o lar e parte para a cidade grande. Triste e desnorteado, o menino faz as malas, pega o trem e vai descobrir o novo mundo em que seu pai mora.

18 - orlandoDia 18, sexta-feira, 19h, Cinema, Chá e Cultura

Orlando, a Mulher Imortal

(Orlando) de Sally Potter. EUA, Rússia, Itália, França, Holanda. 1992. 93 min. Drama. Classificação: 14 anos. Com Tilda Swinton, Billy Zane e Lothaire Bluteau.

O nobre Orlando é condenado pela Rainha Elizabeth I a permanecer eternamente jovem. A maldição se cumpre e Orlando atravessa os séculos experimentando vidas, parceiros, sentimentos e mudanças de gênero. Baseado na obra de Virginia Woolf.

Convidada: Profª Drª Ramayana de Sousa – PPG em Ciências da Linguagem, UNISUL.

 

21 - antonieta

Dia 21, segunda-feira, 19h, Cine Catarina

Antonieta

de Flavia Person. Brasil. 2015. 14 min. Documentário. Sem classificação.

Antonieta de Barros foi professora, cronista e deputada estadual. Primeira mulher a ingressar na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, primeira negra eleita deputada no Brasil.

Comentaristas: Flávia Person – Diretora e pesquisadora; Cristiane Silva – Unegro e Comitê Impulsor de SC da Marcha de Mulheres Negras; Flavia de Lima – Coordenadora Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial/PMF

 

22 - guardachuvasdoamorDia 22, terça-feira, 19h, Cine Francês Aliança Francesa

Os Guarda-chuvas do Amor

(Les Parapluies de Cherbourg) de Jacques Demy. França. 1964. 91 min. Musical. Sem classificação. Com Catherine Deneuve e Nino Castelnuovo. Ciclo: Catherine Deneuve

Geneviève, cuja mãe possui um comércio de guarda-chuvas, é uma adolescente de 17 anos que se vê obrigada a decidir entre esperar por seu amor, um mecânico de 20 anos que foi servir ao exército na Argélia, ou se casar com um comerciante de diamantes, que se propõe a criar o bebê que ela espera como se fosse seu.

 

WINTER SLEEPERS, (aka WINTERSCHLAFER), Floriane Daniel, Heino Ferch, 1997, (c) Winstar Cinema

Dia 24, quinta-feira, 19h, Cine Alemão Instituto Goethe

Inverno Quente

(Winterschläfer) de Tom Tykwer. Alemanha. 1997. 140 min. Drama. Sem classificação. Com Ulrich Matthes, Marie-Lou Sellem e Floriane Daniel.

Rebecca vive com Marco num chalé nas montanhas. Rene rouba o automóvel de Marco e provoca um acidente, no qual perde a memória e faz uma vítima. Enquanto Marco procura o ladrão e Theo procura o assassino de sua filha, Rene recupera a memória.

 

Dia 28, segunda-feira, 19h, LANÇAMENTO DO CATÁLOGO DA FUNDAÇÃO

Não haverá sessão no Cineclube.

 

PIG2009008G0218-1802Dia 29, terça-feira, 19h, Cine Francês Aliança Francesa

Catherine Deneuve: Bela e Bem Aqui

(Catherine Deneuve: Belle et Bien Là) de Anne Andreu. França. 2009. 51 min. Documentário. Sem classificação. Com Catherine Deneuve, André Téchiné e Gérard Depardieu. Ciclo: Catherine Deneuve

Catherine Deneuve zomba da fama, mas faz muito tempo que a glória faz dela um ícone que ocupa o nosso imaginário. Se sua carreira narra meio século de cinema, ela testemunha também a força de uma geração que conheceu as mais fortes transformações do mundo.

 

30 - duelodeforasteirosDia 30, quarta-feira, 19h, ART 7

Duelo de Forasteiros

(Il Mio West) de Giovanni Veronesi. Itália. 1998. 87min. Western, drama, comédia. Sem classificação. Com David Bowie, Leonardo Pieraccioni, Harvey Keitel. Ciclo: David Bowie, uma homenagem.

Forasteiro chega à cidade para matar legendário pistoleiro.

 

31 - brutaaventuraemversosDia 31, quinta-feira, 19h, Cine Brasileiro

Bruta Aventura em Versos

de Letícia Simões. Brasil. 2011. 74 min. Documentário. Classificação: Livre. Com Ana Cristina César, Paulo José e Alice Sant’Anna.

Resgata a trajetória da poetisa e tradutora Ana Cristina Cesar, ícone da Geração Mimeógrafo e Poesia Marginal. Com a apropriação de sua obra por outros artistas, o filme procura captar a beleza e originalidade de sua escrita através do olhar de atores, dançarinos, poetas e amigos.

Comentarista: Prof. Dr. Jair Fonseca – Doutor em Estudos Literáros pela UFMG, professor do departamento de Letras da UFSC.

 

Tags:

Blogspot Twitter