Fundação Cultural Badesc promove Mostra Cinema Catástrofe

julho 2, 2018 | CINECLUBE

Fundação Cultural Badesc promove Mostra Cinema Catástrofe

Durante as quintas-feiras do mês de julho o Cineclube da Fundação Cultural Badesc promove a Mostra Cinema Catástrofe. Quatro filmes produzidos nos anos 1970, considerada a era de ouro do disaster movies ou filmes-catástrofe, serão exibidos gratuitamente a partir das 19h.

As narrativas audiovisuais que abordam desastres naturais ou acidentes de grandes proporções se transformaram em um dos gêneros mais explorados pelo cinema hollywoodiano . Permeadas por cenas de ação e drama, estas produções exploram aspectos políticos e psicológicos dos indivíduos e da sociedade, sobretudo frente à necessidade de sobrevivência em cenários de desastre.

A Mostra Cinema Catástrofe é uma parceria com o Projeto Cinema Mundo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Sinopses

Dia 05
Inferno na Torre (The Towering Inferno) de John Guillermin. EUA. 1974. 165 min. Ação/Drama/Thriller. 14 anos. Com Paul Newman, Fred Astaire e Steve McQueen.
Na noite de inauguração de um prédio comercial, um incêndio gigantesco ameaça destruir o edifício e matar a todos os convidados.

Dia 12
O destino de Poseidon
(The Poseidon adventure) de Ronald Neame. EUA. 1972. 117 min. Ação/Drama. Livre. Com Gene Hackman, Ernest Borgnine e Shelley Winters.
Um terremoto submarino produz uma onda gigantesca que vira o transatlântico de luxo Poseidon, deixando apenas 10 sobreviventes.

Dia 19
Aeroporto
(Airport) de George Seaton. EUA. 1970. 115 min. Ação/Drama. 12 anos. Com Burt Lancaster, Dean Martin e George Kennedy.
Um piloto tenta um pouso forçado frente à ameaça de um psicopata em explodir o avião enquanto uma grande nevasca atrapalha o funcionamento do aeroporto.

Dia 26
O dirigível Hindenburg
(The hindenburg) de Robert Wise. EUA. 1975. 125 min. Drama/Catástrofe. Sem classificação. Com George C. Scott, Anne Bancroft e William Atherton.
Em 1937, o dirigível Hindenburg, um dos símbolos do poderio nazista, pega fogo a caminho dos Estados Unidos e a maioria de sua tripulação sobrevive.

Tags:

Deixe seu comentário

Blogspot Twitter