Programação do Cineclube para dezembro de 2017

novembro 30, 2017 | CINECLUBE

Dia 01, sexta-feira, 19h | Cine Aliança Francesa

01 os olhos sem rostoOs olhos sem rosto

 (Les yeux sans visage) de Georges Franju. França/RU. 1960. 88min. Drama/Horror. Sem classificação.

Um cirurgião provoca um acidente que deixa sua filha desfigurada. Para tentar trazer-lhe a beleza novamente ele vai ao extremo.

 

Dia 04, segunda-feira, 19h | Mostra Sérgio Ricardo

04 juliana do amor perdidoJuliana do amor perdido

De Sérgio Ricardo. Brasil. 1969. 108min. Drama. Sem classificação. Com Maria do Rosário, Francisco Di Franco e Macedo Neto.

Bela jovem se apaixona por um forasteiro, maquinista de trem. Mas o pai dela, fanático religioso, intervém.

Comentarista: Adriano Denovac, mestrando no programa de pós-graduação em História (Udesc).

 

Dia 05, terça-feira, 19h | Mostra Sérgio Ricardo

05 esse mundo é meuEsse mundo é meu

De Sérgio Ricardo. Brasil. 1964. 79min. Drama. Sem classificação. Com Antônio Pitanga, Léa Bulcão e Sérgio Ricardo.

A história de dois homens vivendo na favela do Rio de Janeiro: um engraxate negro e um metalúrgico branco.

Comentarista: professor Rafael Hagemeyer, coordenador do Laboratório de Imagem e Som (LIS/Udesc).

 

Dia 06, quarta feira, 19h, Art 7

06 o boulevard do crimeO boulevard do crime – Parte I

(Les enfants du paradis) de Marcel Carné. França. 1945. 100min. Drama/Comédia. Sem classificação. Com Arletty, Jean-Louis Barrault e Pierre Brasseur.

Paris, 1830. O Boulevard du Temple é o local dos teatros, dos cabarés e da vida boêmia da capital francesa. É neste cenário que desenrola o tumultuado triângulo amoroso vivido pela atriz Garance, o ator Fréderick Lemaitre e o mímico Baptiste.

 

Dia 7, quinta-feira

Não haverá sessão. Abertura de exposições

 

Dia 08, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

08 é apenas o fim do mundoÉ apenas o fim do mundo

(Juste la fin du monde) de Xavier Dolan. Canadá/França. 2016. 99 min. Drama. 16 anos. Com Gaspard Ulliel, Nathalie Baye e Léa Seydoux.

Longe de casa há 12 anos, um escritor vai ao encontro da família para informá-los que irá morrer em breve. No entanto, o roteiro da reunião, idealizado por ele, sai de seu controle.

Comentaristas: Isabela do Valle e Thaisa Munhoz, psicanalistas.

 

Dia 11, segunda-feira, 19h, Cine Darma

​17h

11 quando o pássaro de ferro voarQuando o pássaro de ferro voar

(When the iron bird flies) de Victress Hitchcock, EUA/Índia/Nepal, 2012. 96min. Documentário. 12 anos.

Retrato da manifestação do budismo no ocidente após a invasão chinesa no Tibete em 1959, desde as cavernas do Tibete à cultura mainstream.

19h

viajantesViajantes e mágicos

(Travellers and magicians) de Khyentse Norbu. Butão. 2003. 108 min. Aventura. Livre. Com Tshewang Dendup, Lhakpa Dorji e Sonam Lhamo.

Dondup é um jovem funcionário do correio que vive num vilarejo no Butão e sonha com a vida no ocidente.

 

Dia 12, terça-feira, 19h, Cine Darma

17h

12 palavras do meu professorPalavras do meu professor perfeito

(Words of my perfect teacher) de Lesley Anne Patten. RU/Alemanha/Butão. 2003. 103min. Documentário. Livre.

Três estudantes em busca de sabedoria envolvem-se com um professor que os desafia a “acordar” de maneira pouco convencional.

 

 

19h

12 samsaraSamsara

de Ron Fricke. EUA. 2011. 102 min.  Documentário. 14 anos.

Conexões entre a humanidade e natureza representadas por meio de imagens de rituais sagrados, maravilhas da natureza e zonas de desastre, assumindo a forma de uma meditação não verbal.

 

Dia 13, quarta-feira, 19h, Art 7

13 o boulevard do crime pt IIO boulevard do crime – Parte II: O homem de branco

(L’homme blanc) de Marcel Carné. França. 1945. 90min. Drama/Comédia. Sem classificação. Com  Arletty, Jean-Louis Barrault e Pierre Brasseur.

Passados alguns anos, Garance descobriu que cometeu um erro ao se casar com o rico Conde Courtray. Enquanto isso, Lemaitre virou um astro famoso e Debureau também faz sucesso.

 

Dia 14, quinta-feira, 19h, Sessão Especial Parceria CIEE

14 nunca me sonharamNunca me sonharam

De Cacau Rhoden. Brasil. 2017. 90min. Aventura. Livre.

Os desafios do presente, as expectativas para o futuro e os sonhos de quem vive a realidade do Ensino Médio nas escolas públicas do Brasil.

 

 

Dia 15, sexta-feira, 19h, Psicanálise vai ao cinema

15 repulsaRepulsa ao sexo

(Repulsion) de Roman Polanski. Reino Unido. 1965. 104min. Drama/Terror. 18 anos. Com Catherine Deneuve, Yvonne Furneaux e Ian Hendry.

Carol é uma bela mulher sexualmente reprimida que vive com a irmã mais velha. Frequentemente resiste aos assédios do seu namorado e também desaprova o amante da irmã. Quando a irmã viaja, Carol fica sozinha entra em depressão e passa a ter uma série de alucinações.

 

Dia 18, segunda-feira, 19h, Foco em cinema

18 merlusseMerlusse

De Marcel Pagnol. França. 1938. 72min. Drama. Sem classificação. Com Henri Poupon, André Pollack e Annie Toinon.

Merlusse é um professor pouco respeitado pelos alunos. Mas, no Natal, essa situação irá mudar.

 

 

Dia 19, terça feira, 19h, Foco em cinema

19 ivan o terrívelIvan, o Terrível – Partes I e II

(Ivan Groznyy) de Sergei Eisestein. URSS. 1944, 1945. 183min. Épico. Sem classificação. Com Nikolay Cherkasov, Lyudmila Tserlikovskaya e Serafima Birmam.

A história do primeiro Tsar da Rússia, Ivan IV, de sua juventude heroica até sua velhice enlouquecida.

 

 

Dia 20, quarta feira, 19h, Foco em cinema

20 a morte num beijoA morte num beijo

(Kiss me deadly) de Robert Aldrich. EUA. 1955. 106min. Policial. Sem classificação. Com Ralph Meeker, Albert Dekker e Paul Stewart.

Detetive particular amoral encontra ao acaso uma mulher perdida na rua, fato que o leva a um grande mistério.

 

 

Dia 21, quinta feira, 19h, Foco em cinema

21 gertrudGertrud

De Carl Theodor Dreyer. Dinamarca. 1964. 116min. Drama. Sem classificação. Com Nina Pens Rode, Bendt Rothe e Ebbe Robe.

Vivendo num mundo de artistas e músicos, Gertrud termina seu longo casamento e se envolve com um homem mais novo.

 

Dia 22, sexta feira, 19h, Foco em cinema

22 a mãe e a putaA mãe e a puta

(La maman e la putaine) de Jean Eustache. França. 1973. 217min. Drama. Sem classificação. Com Jean-Pierre Léaud, Bernadette Lafont e Françoise Lebrun.

Alexandre, desempregado, chauvinista e dândi, começa um relacionamento intenso com duas mulheres.

Tags:

Deixe seu comentário

Blogspot Twitter