CINECLUBE 2017

 

Dezembro

 

Dia 01, sexta-feira, 19h | Cine Aliança Francesa

01 os olhos sem rostoOs olhos sem rosto

 (Les yeux sans visage) de Georges Franju. França/RU. 1960. 88min. Drama/Horror. Sem classificação.

Um cirurgião provoca um acidente que deixa sua filha desfigurada. Para tentar trazer-lhe a beleza novamente ele vai ao extremo.

 

Dia 04, segunda-feira, 19h | Mostra Sérgio Ricardo

04 juliana do amor perdidoJuliana do amor perdido

De Sérgio Ricardo. Brasil. 1969. 108min. Drama. Sem classificação. Com Maria do Rosário, Francisco Di Franco e Macedo Neto.

Bela jovem se apaixona por um forasteiro, maquinista de trem. Mas o pai dela, fanático religioso, intervém.

Comentarista: Adriano Denovac, mestrando no programa de pós-graduação em História (Udesc).

 

Dia 05, terça-feira, 19h | Mostra Sérgio Ricardo

05 esse mundo é meuEsse mundo é meu

De Sérgio Ricardo. Brasil. 1964. 79min. Drama. Sem classificação. Com Antônio Pitanga, Léa Bulcão e Sérgio Ricardo.

A história de dois homens vivendo na favela do Rio de Janeiro: um engraxate negro e um metalúrgico branco.

Comentarista: professor Rafael Hagemeyer, coordenador do Laboratório de Imagem e Som (LIS/Udesc).

 

Dia 06, quarta feira, 19h, Art 7

06 o boulevard do crimeO boulevard do crime – Parte I

(Les enfants du paradis) de Marcel Carné. França. 1945. 100min. Drama/Comédia. Sem classificação. Com Arletty, Jean-Louis Barrault e Pierre Brasseur.

Paris, 1830. O Boulevard du Temple é o local dos teatros, dos cabarés e da vida boêmia da capital francesa. É neste cenário que desenrola o tumultuado triângulo amoroso vivido pela atriz Garance, o ator Fréderick Lemaitre e o mímico Baptiste.

 

Dia 7, quinta-feira

Não haverá sessão. Abertura de exposições

 

Dia 08, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

08 é apenas o fim do mundoÉ apenas o fim do mundo

(Juste la fin du monde) de Xavier Dolan. Canadá/França. 2016. 99 min. Drama. 16 anos. Com Gaspard Ulliel, Nathalie Baye e Léa Seydoux.

Longe de casa há 12 anos, um escritor vai ao encontro da família para informá-los que irá morrer em breve. No entanto, o roteiro da reunião, idealizado por ele, sai de seu controle.

Comentaristas: Isabela do Valle e Thaisa Munhoz, psicanalistas.

 

Dia 11, segunda-feira, 19h, Cine Darma

​17h

11 quando o pássaro de ferro voarQuando o pássaro de ferro voar

(When the iron bird flies) de Victress Hitchcock, EUA/Índia/Nepal, 2012. 96min. Documentário. 12 anos.

Retrato da manifestação do budismo no ocidente após a invasão chinesa no Tibete em 1959, desde as cavernas do Tibete à cultura mainstream.

19h

viajantesViajantes e mágicos

(Travellers and magicians) de Khyentse Norbu. Butão. 2003. 108 min. Aventura. Livre. Com Tshewang Dendup, Lhakpa Dorji e Sonam Lhamo.

Dondup é um jovem funcionário do correio que vive num vilarejo no Butão e sonha com a vida no ocidente.

 

Dia 12, terça-feira, 19h, Cine Darma

17h

12 palavras do meu professorPalavras do meu professor perfeito

(Words of my perfect teacher) de Lesley Anne Patten. RU/Alemanha/Butão. 2003. 103min. Documentário. Livre.

Três estudantes em busca de sabedoria envolvem-se com um professor que os desafia a “acordar” de maneira pouco convencional.

 

 

19h

12 samsaraSamsara

de Ron Fricke. EUA. 2011. 102 min.  Documentário. 14 anos.

Conexões entre a humanidade e natureza representadas por meio de imagens de rituais sagrados, maravilhas da natureza e zonas de desastre, assumindo a forma de uma meditação não verbal.

 

Dia 13, quarta-feira, 19h, Art 7

13 o boulevard do crime pt IIO boulevard do crime – Parte II: O homem de branco

(L’homme blanc) de Marcel Carné. França. 1945. 90min. Drama/Comédia. Sem classificação. Com  Arletty, Jean-Louis Barrault e Pierre Brasseur.

Passados alguns anos, Garance descobriu que cometeu um erro ao se casar com o rico Conde Courtray. Enquanto isso, Lemaitre virou um astro famoso e Debureau também faz sucesso.

 

Dia 14, quinta-feira, 19h, Sessão Especial Parceria CIEE

14 nunca me sonharamNunca me sonharam

De Cacau Rhoden. Brasil. 2017. 90min. Aventura. Livre.

Os desafios do presente, as expectativas para o futuro e os sonhos de quem vive a realidade do Ensino Médio nas escolas públicas do Brasil.

 

 

Dia 15, sexta-feira, 19h, Psicanálise vai ao cinema

15 repulsaRepulsa ao sexo

(Repulsion) de Roman Polanski. Reino Unido. 1965. 104min. Drama/Terror. 18 anos. Com Catherine Deneuve, Yvonne Furneaux e Ian Hendry.

Carol é uma bela mulher sexualmente reprimida que vive com a irmã mais velha. Frequentemente resiste aos assédios do seu namorado e também desaprova o amante da irmã. Quando a irmã viaja, Carol fica sozinha entra em depressão e passa a ter uma série de alucinações.

 

Dia 18, segunda-feira, 19h, Foco em cinema

18 merlusseMerlusse

De Marcel Pagnol. França. 1938. 72min. Drama. Sem classificação. Com Henri Poupon, André Pollack e Annie Toinon.

Merlusse é um professor pouco respeitado pelos alunos. Mas, no Natal, essa situação irá mudar.

 

 

Dia 19, terça feira, 19h, Foco em cinema

19 ivan o terrívelIvan, o Terrível – Partes I e II

(Ivan Groznyy) de Sergei Eisestein. URSS. 1944, 1945. 183min. Épico. Sem classificação. Com Nikolay Cherkasov, Lyudmila Tserlikovskaya e Serafima Birmam.

A história do primeiro Tsar da Rússia, Ivan IV, de sua juventude heroica até sua velhice enlouquecida.

 

 

Dia 20, quarta feira, 19h, Foco em cinema

20 a morte num beijoA morte num beijo

(Kiss me deadly) de Robert Aldrich. EUA. 1955. 106min. Policial. Sem classificação. Com Ralph Meeker, Albert Dekker e Paul Stewart.

Detetive particular amoral encontra ao acaso uma mulher perdida na rua, fato que o leva a um grande mistério.

 

 

Dia 21, quinta feira, 19h, Foco em cinema

21 gertrudGertrud

De Carl Theodor Dreyer. Dinamarca. 1964. 116min. Drama. Sem classificação. Com Nina Pens Rode, Bendt Rothe e Ebbe Robe.

Vivendo num mundo de artistas e músicos, Gertrud termina seu longo casamento e se envolve com um homem mais novo.

 

Dia 22, sexta feira, 19h, Foco em cinema

22 a mãe e a putaA mãe e a puta

(La maman e la putaine) de Jean Eustache. França. 1973. 217min. Drama. Sem classificação. Com Jean-Pierre Léaud, Bernadette Lafont e Françoise Lebrun.

Alexandre, desempregado, chauvinista e dândi, começa um relacionamento intenso com duas mulheres.

Novembro

 

Dia 1, quarta-feira, 19h, Art 7 – Festival Fellini

1 - boas vidasOs Boas-vidas

(I vitelloni) de Federico Fellini. Itália. 1953. 103 min. Comédia. Sem classificação. Com Alberto Sordi, Franco Fabrizi, Franco Interlenghi.

Retrato biográfico sobre a juventude do diretor Federico Fellini na sua cidade natal Rimini, na Itália..

 

 

Dia 3, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

3 - under the skinSob a pele

(Under the skin) de Jonathan Glazer. RU, EUA. 2013. 108min. Ficção científica. 16 anos. Com  Scarlett Johansson, Jeremy McWilliams, Lynsey Taylor Mackay.

Uma mulher misteriosa seduz homens e os leva a locais remotos para atacá-los.

 

Dia 6, segunda-feira, 19h, Cine Africano

6 - à deriva sobre o niloÀ Deriva sobre o Nilo

(Thartharah fawq al-Nil) de Hussein Kamal. Egito. 1971. 120 min. Drama, Comédia. Sem classificação. Com Adel Adham, Mervat Amin, MMagda El-Khatib.

Aniss Zaki trabalha em uma repartição pública enfadonha. Sua rotina é transformada quando conhece um grupo de intelectuais.

 

Dia 7, terça-feira, 19h, Art 7 –  Festival Fellini

7 - estrada da vidaA estrada da vida

(La strada) de Federico Fellini. Itália. 1954. 108min. Drama. Sem classificação. Com Giulietta Masina, Anthony Quinn, Richard Basehart.

Gelsomina é vendida por sua mãe para um lutador exibicionista e passa a acompanhá-lo em suas viagens como ajudante.

 

Dia 8, quarta-feira,19h, Cinema Atual Espanhol

8 - felizes 140Felizes 140

(Felices 140) de Gracia Quereteja. Espanha. 2015. 98 min. Comédia, drama. 12 anos. Com Maribel Verdú, Antonio de la Torre, Eduard Fernández.

Mulher reúne amigos em uma casa luxuosa para dar a notícia de que ganhou na loteria.

 

Dia 9, quinta-feira,19h, Cinema Atual Espanhol

9 - minha grande noiteA minha grande noite

(Mi gran noche) de Álex de la Iglesia. Espanha. 2015. 93 min. Comédia. 18 anos. Com Raphael, Mario Casas, Pepón Nieto.

Centenas de pessoas passam mais de uma semana enclausuradas na gravação de um especial de ano novo, em agosto.

 

 

Dia 10, sexta-feira,19h, Cinema Atual Espanhol

10 - nem tudo é vigíliaNem tudo é vigília

(No todo es vigilia) de Heres Paralluelo. Espanha, Colômbia. 2015. 98 min. Documentário. Livre. Com Felisa Lou, Antonio Paralluelo.

Casal começa a ter dificuldades com a saúde frágil e enfrenta a perspectiva de mudar para um lar de idosos.

Dia 11, sábado, Cinema Atual Espanhol

15h

11 - noite de verão em BarcelonaNoite de verão em Barcelona

(Barcelona, nit d’estiu) de Dani de la Orden. Espanha. 2013. 96 min. Romance. 14 anos. Com Francesc Colomer, Jan Cornet, Joan Dausà.

Seis histórias de amor na noite em que o cometa Rose cruzou o céu de Barcelona, na Espanha.

 

17h

11 - trumanTruman

de Cesc Gay. Espanha, Argentina. 2015. 103 min. Drama, comédia. 14 anos. Com  Ricardo Darín, Javier Cámara, Dolores Fonzi.

Julián recebe a visita de um amigo que mora no Canadá e juntos lembram dos momentos emocionantes do passado.

 

Dia 13, segunda-feira, 19h, Ciência e ficção

13 - professor alopradoO professor aloprado

(The nutty professor) de Jerry Lewis. EUA. 1963. 107min. Comédia. Livre. Com Jerry Lewis, Stella Stevens, Del Moore.

Para conquistar a mulher de seus sonhos, professor tímido cria poção que o transforma em um mulherengo inveterado.

 

 

Dia 14, terça-feira, 19h, Ciência e ficção

14 - mosca da cabeça brancaA mosca da cabeça branca

(The fly) de Kurt Neumann. EUA. 1958. 94min. Terror. 12 anos. Com David Hedison, Patricia Owens, Vincent Price.

Cientista passa por terrível acidente ao testar sua nova máquina de transporte de matéria.

 

Dia 16, quinta-feira, 19h, Fundamentos da democracia

16 - europa 51Europa 51

de Roberto Rossellini. Itália. 1952. 118min. Drama. Sem classificação. Com Ingrid Bergman, Alexander Knox, Ettore Giannini.

Irene está acostumada a uma vida luxuosa. Após a morte de seu filho ela se sente compelida a ajudar os mais necessitados.

 

Dia 17, sexta-feira, 19h, Psicanálise vai ao Cinema

17 - história de adéle HA história de Adéle H.

(L’histoire d’Adéle H.) de François Truffaut. França. 1975. Drama. 96min. Sem classificação. Com Isabelle Adjani, Bruce Robinson, Sylvia Marriott.

Um louco amor mobiliza uma viagem intercontinental da filha mais jovem de Victor Hugo. Seguindo sua paixão, Adéle viaja até perder-se de si.

 

Dia 20, segunda-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

20 - Le méprisO desprezo

(Le mépris) de Jean-Luc Godard. França. 1963. Drama. 110min. Sem classificação. Com Michel Piccolli, Brigitte Bardot e Jack Palance.

Roteirista viaja a Itália com sua esposa para escrever um filme para Fritz Lang. A partir de um incidênte inócuo, a esposa passa a desprezar seu marido.

 

Dia 21, terça-feira, 19h, Cine NICA, AF

21 - jacquot de nantesJacquot de Nantes

de Agnés Varda. França. 1991. Documentário. 118min. Sem classificação.

Jacquot é apaixonado pelo cinema e pelo teatro e com apenas 8 anos começa a construir suas próprias peças com marionetes e pequenos filmes.

 

Dia 22, quarta-feira, 19h, Art 7 –  Festival Fellini

22 - noites de cabiriaNoites de Cabíria  

(Le notti di Cabiria) de Federico Fellini. Itália. 1957. 110min. Drama. Sem classificação. Com Giulietta Masina, François Périer, Amedeo Nazzari.

Cabíria é uma cortesã romântica e ingênua que sonha com o verdadeiro amor, mas sofre constantes desilusões amorosas.

Dia 23, quinta-feira, 19h,  Estreia

A procura de si

De Silvana Leal e Rogério Barros, SC, 2017. 8 min. Experimental. Vídeo arte.  Vídeo performance que traz à tona temas como devaneio, memória, infância, imaginação sustentada pelo texto “Poéticas do Devaneio” de Bachelard. Comentarista:, os diretores Silvana Leal e Rogério Barros.

 

Dia 24, sexta-feira, 19h Cinema, chá e cultura

24 - bagdad cafeBagda Café

de Percy Aldon. Alemanha, EUA. 1987. 95min.  Comédia, drama. 12 anos. Com Marianne Sägebrecht, CCH Pounder, Jack Palance.

Uma turista alemã briga com o marido vai parar num hotel em meio ao deserto do Arizona.

Comentaristas: Dra. Maria Teresa Collares, professora do IFSC, Coordenadora do IsF no IFSC, Coordenadora Operacional do DINTER IFSC/UFSC.

 

Dia 27, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema

27 - a descaradaA Descarada

(The revolt of Mamie Stover) de Raoul Walsh. EUA. 1956. 93min. Drama. Sem classificação. Com Jane Russell, Richard Egan, Joan Leslie.

Prostituta vai ao Havaí em busca de vida nova, mas o passado não demora a encontrá-la.

 

 

 

Dia 28, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

28 - showgirlsShowgirls

De Paul Verhoeven. EUA. 1995. 131min. Drama. 18 anos. Com Elizabeth Berkeley, Gina Gershon e Kyle MacLachlan.

Mulher desajustada vai a Las Vegas, Estados Unidos, com sonho de se tornar uma grande dançarina.

 

Dia 29, quarta-feira, 19h, Art 7 –  Festival Fellini

29 - julieta dos espíritosJulieta dos espíritos

(Giulietta degli spiriti) de Federico Fellini. Itália. 1965. 137min Drama, fantasia. Sem classificação. Com Giulietta Masina, Sandra Milo,Valentina Cortese.

Obra surrealista sobre uma mulher que, convencida por um psíquico, acredita que seu marido é infiel.

 

Dia 30, quinta-feira, 19h, Cine Delas [Floripa]

30 - women who run hollywoodE a mulher criou Hollywood

(Women who run Hollywood) de  Clara Kuperberg, Julia Kuperberg. França. 2016. 53min. Documentário. Sem classificação.

As cineastas que produziram filmes nas décadas de 1910 e 1920 e que foram esquecidas pela história do cinema.

Comentaristas: Dra. Giovana Zimmermann, cineasta e artista visual, e Dra Daniela Novelli, professora do curso de Moda (UDESC) e pesquisadora do Instituto de Estudos de Gênero (IEG/UFSC).

Outubro

 

Dia 2, segunda-feira, 19h, Cine Africano

02 - a deriva sobre o niloÀ Deriva sobre o Nilo

(Thartharah fawq al-Nil) de Hussein Kamal. Egito. 1971. 120 min. Drama, Comédia. Sem classificação. Com Adel Adham, Mervat Amin, MMagda El-Khatib.

Aniss Zaki trabalha (ou fica sentado) em uma repartição pública enfadonha, divagando sobre sua existência sob o efeito do haxixe. Sua rotina é transformada quando conhece um círculo de intelectuais, onde alguns flertaram com ideais revolucionárias na juventude, mas agora, às vésperas da Guerra dos Seis Dias (1967), eles apenas desejam o escape da realidade.

 

Dia 3, terça-feira, 19h, Estreia

03 - sob o signo de escorpiãoSob O Signo do Escorpião
de Nathan Luchina. Brasil. 2017. 16 min. Suspense. 14 anos. Com Angélica Mahfuz, Lorenzo Lombardi.
Virgínia levanta, faz um drinque, escreve. Um envelope sem remetente e de conteúdo misterioso perturba o seu dia. Na carta, o símbolo de um escorpião.

Comentaristas: Nathan Luchina, graduando em Cinema (UFSC). Atua como ator, montador, 1º assistente de direção, e estreia como diretor; Daniela Colossi, concluindo o curso de Cinema. Atua como roteirista, cinegrafista e editora de vídeo em projetos experimentais.

 

Dia 4, quarta-feira, 19h, Art 7 – Ciclo F. W. Murnau

04 - a última gargalhadaA última gargalhada

(Der letzte Mann) de F. W. Murnau. Alemanha. 1924. 101 min. Drama. Sem classificação. Com Emil Jannings, Maly Delschaft, Max Hiller.

Um idoso que trabalha carregando malas em um hotel e, em virtude de sua idade, é forçado a mudar de cargo e sofre uma crise de identidade.

 

 

 

Dia 5, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

5 - ken saro iwaKen Saro-Wiwa, PRESENTE!

de Elisa Dassoler. Brasil. 2017. 80 min. Documentário. Livre.

A história de Ken Saro-Wiwa, escritor e ativista nigeriano que liderou um movimento de resistência pacífica contra práticas de racismo ambiental, genocídio de minorias e a exploração abusiva de petróleo por multinacionais.

Comentaristas: Profª Dr. Fátima Costa de Lima – Coordenadora do Grupo Imagens Políticas e Coordenadora do PPGT – UDESC.

 

Dia 6, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

06 - tomboyTomboy

de Céline Sciamma. França. 2011. 82 min. Drama. 10 anos. Com Zoé Héran, Malonn Lévana, Jeanne Disson.

Laure, recém- chegada em uma nova cidade, usa cabelo curto e roupas masculinas. Na turma de crianças, ao ser confundida com um menino, aceita a confusão e passa a se apresentar dessa forma.

Comentarista: Michele Brofman, psicanalista, membro do Fórum do Campo Lacaniano de Florianópolis (em formação).

 

Dia 9, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema

9 - viagem a italiaViagem à Itália

(Viaggio in Italia) de Roberto Rosselini. Itália, França. 1954. 85 min. Drama. Sem classificação. Com  Ingrid Bergman, George Sanders, Maria Mauban

Casal descontente faz uma viagem de férias para a Itália que aumenta a distância entre eles.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 10, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

10 - a aventuraÀ Aventura

(À L’aventure) de Jean-Claude Brisseau. França. 2008. 104 min. Drama. Sem classificação. Com  Carole Brana, Arnaud Binard, Nadia Chibani.

Garota começa uma série de experimentações sexuais a partir da hipnose.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 11, quarta-feira, 19h, Art 7 – Ciclo F. W. Murnau

11 - faustoFausto

(Faust) de F. W. Murnau. Alemanha. 1926. 85 min. Drama. Sem classificação. Com Emil Jannings, Gösta Ekman, Camilla Horn.

Disputando o poder sobre a terra, Deus e Satã apostam a alma de Fausto, um alquimista erudito.

 

Dia 13, sexta-feira, 19h, Psicanálise Vai ao Cinema

13 - enigma de kaspar hauserO enigma de Kaspar Hauser

(Jeder für sich und Gott gegen alle) de Werner Herzog. Alemanha Ocidental. 1974. 110min. Drama. 16 anos. Com Bruno Schleinstein, Walter Ladengast, Brigitte Mira.

Depois de crescer sozinho em um porão, Kaspar se vê repentinamente confrontado com um mundo de palavras e convenções.

 

Dia 16, segunda-feira, 19h, Art 7 – Ciclo F. W. Murnau

16 - o pão nosso de cada diaO Pão Nosso de Cada Dia

(City Girl) de F. W. Murnau. EUA. 1930. 80 min. Drama. Sem classificação. Com Charles Farrell, Mary Duncan, David Torrence.

Jovem garçonete sonha com uma vida tranquila, longe da cidade grande. Até o dia em que ela conhece um jovem camponês.

 

Dia 17, terça-feira, Festival Planeta.Doc

17h

17 - ilhaIlha

de Daniel de la Calle. Espanha, Brasil. 2016. 55 min. Documentário. Livre.

Um dia na pequena ilha brasileira de Boipeba. Seus pescadores locais ainda vivem de modo tradicional, porém a mudança parece inexorável.

 

 

 

19h

17 - MurosMuros

de Pablo Iraburu, Migueltxo Molina. Espanha. 2015. 83 min. Documentário. Sem classificação.

Quando caiu o Muro de Berlim, deixamos de lado a ideia dos muros de separação como parte do passado. A realidade é o oposto. Esse filme narra histórias reais de pessoas que vivem em ambos os lados de paredes muito diferentes.

 

Dia 18, quarta-feira, Festival Planeta.Doc

17h

18 - damocracyDamocracy

de Todd Southgate. Brasil. 2013. 35 min. Documentário. Sem classificação.

Uma viagem desconstruindo o mito das barragens como a energia “verde”. Em foco, a discussão de dois projetos gigantescos: Belo Monte no Brasil e Ilisu na Turquia

19h

18 - os dias afogadosOs Dias Afogados

de César Souto, Luís Avilés. Espanha. 2015. 86 min. Documentário. Sem classificação.

Em 1992, a construção da barragem do Lindoso (Portugal) inundou para sempre os povoados de Aceredo e Buscalque (Ourence, Espanha). Seus habitantes não podiam fazer nada para salvar suas terras e seus lares, e pegaram suas câmeras domésticas e começaram a gravar.

 

Dia 19, quinta-feira, Festival Planeta.Doc

17h

19 - naquela época e hojeNaquela Época e Hoje

de Luiz Adelmo. Brasil. 2015. 80 min. Documentário. Livre.

Quanto o aspecto qualidade de vida tem sido levado em conta nas metrópoles brasileiras nas últimas décadas?

 

19h

19 - lagrimas de óleoLágrimas de Óleo

(Lágrimas de Aceite) de Marc Gavaldà. Espanha. 2017. 60 min. Documentário. Sem classificação.

A história das comunidades indígenas que sofreram com os resíduos da contaminação petroleira do Oleoduto Norteperuano , operado pela empresa estatal Petroperu.

 

Dia 20, sexta-feira, Festival Planeta.Doc

17h

20 - contagem regressivaContagem Regressiva

de Luíz de Alencar. Brasil. 2015. 92 min. Série de documentário. Livre.

As violações e injustiças que marcaram todo o processo de preparação do Rio de Janeiro para a realização dos Jogos Olímpicos de 2016.

19h

Seleção de curtas-metragens

Esperança

(Esperanza) de Álvaro Longoria. Espanha, 2016. Documentário.

A vida a bordo do barco do Greenpeace. Através de conversas com a tripulação, descobrimos suas motivações para arriscar sua vida defendendo o planeta tão longe de casa.

20 - curta-metragem Costas de OránAs Costas de Orán

(Las Costas de Orán) de Alfonso G. Cañadas. Espanha. 2016. 8 min. Documentário

Nos anos 60, durante a ditadura franquista, o “Vale de Escombreras” foi uma das zonas mais prósperas do país. Hoje só existem recordações de um passado melhor.

 

20 - curta-metragem Minas del HorcajoMinas do Horcajo

(Minas del Horcajo) de Alberto Gutiérrez. Espanha. 2015. 6 min. Documentário.

Quem disse que as pedras não falam?

 

 

Toxicity Underwater

de Jon Bazo. Espanha. 2016. 4 min. Animação.

A humanidade vive em um refúgio submarino. A superfície terrestre deixou de ser habitável faz muitos anos devido a uma glaciação e qualquer aproximação a superfície seria mortal.

La Folie

de Ricard López. Espanha. 2016. 6 min. Francês.

A loucura e o absurdo da guerra farão que o grande pintor Pablo Picasso realize uma das obras mais importantes do século 20, mesmo que o processo para chegar a ideia final não será fácil.

20 - curta-metragem LixeiraLixeira

(Basura) de Juan Silva. Espanha. 2016. 5 min. Ficção.

Dois personagens imersos no mundo do crime, no qual o que parece ser um dia a mais dentro de suas habituais e escuras rotinas, cometem o erro de se desfazer de um corpo num lugar equivocado.

Marcados

de Alex Montserrat. Espanha. 2016. 8 min. Ficção.

Num futuro próximo, os analógicos são separados da sociedade digital.

 

Dia 23, segunda-feira, 19h, Mostra de Cinema AF

Diálogos entre França e África

C’était il y a quatre ans

de Paulin Soumanou Vieyra. França. 1955. 9 min. Ficção.

Neste filme para conclusão do curso no IDHEC (Instituto de Altos Estudos Cinematográficos), Paulin Vieyra retrata o “entre-lugar” de um estudante africano e aborda a sua subjetividade moderna.

23 - afrique sur seineAfrique sur Seine

De Paulin Soumanou Vieyra. Senegal. 1955. 21 min. Documentário.

A África fora dela, às margens do rio Sena em Paris, é o foco deste filme que interpela uma geração de jovens africanos em busca de sua identidade, de sua cultura e de seu futuro.

 

23 - une africaine sur seineUne Africaine sur Seine

De Ndeye Marame Gueye. Senegal. 2015. 10 min. Documentário.

Uma jovem senegalesa em Paris evoca Afrique-sur- Seine (1955) 60 anos depois. Homenagem intimista a um dos grandes cineastas da primeira geração do cinema africano.

 

 

Lamb

de Paulin Soumanou Vieyra. França. 1963. 18 min. Documentário.

Lamb (luta em wolof) é apresentado como um “esporte nacional” no Senegal. Paulin S. Vieyra identifica a luta tradicional senegalesa como um evento de coesão social e unidade nacional.

Comentarista: Stepháne Vieyra – presidente da PSV-Films.

 

Dia 24, terça-feira, 19h, Mostra de Cinema AF

Diálogos entre França e África

24 - une nation est néeUne nation est née

de Paulin Soumanou Vieyra. Senegal. 1961. 17 min. Documentário.

A alegoria do nascimento de um país africano, da colonização francesa à soberania nacional.

 

 

 

 

Sindiely

de Paulin Soumanou Vieyra. Senegal. 1965. 12 min. Ficção.

Um pai quer casar a filha contra a sua vontade. A jovem recusa seu pretendente, um rico comerciante, pois ela ama um jovem rapaz. A tensão entre as convenções de uma tradição familiar e os desejos individuais acirra o drama da jovem.

Ndiongane

De Paulin Soumanou Vieyra. Senegal. 1965. 18 min. Ficção.

Baseado no conto “Petit mari”, do escritor senegalês Birago Diop. Um caçador, morto por um leão, deixa mulher e duas crianças. O filho se torna Ndion Gane, o “pequeno marido”. Mas sua nova condição não evita a tragédia familiar.

Mol

de Paulin Soumanou Vieyra. Senegal. 1966. 26 min. Ficção.

Um jovem pescador sonha com uma barca motorizada. Seu sonho torna-se realidade. Mas o jovem pescador se vê num conflito entre tradição e modernidade.

Comentarista: Stepháne Vieyra – presidente da PSV-Films.

 

Dia 25, quarta-feira, 19h, Art 7 – Ciclo F. W. Murnau

25 - tabuTabu

(Tabu: A Story of the South Seas) de F. W. Murnau. EUA. 1931. 86 min. Aventura. Sem classificação. Com Anne Chevalier, Matahi, Hitu.

Pescador se apaixona por uma garota. Só que ela é considerada “tabu” depois de ser condenada pelos deuses a não se apaixonar ou se entregar a qualquer homem.

 

Dia 26, quinta-feira, 19h, ABERTURA DE EXPOSIÇÃO

Não haverá sessão no cineclube.

 

Dia 27, sexta-feira, 19h, Mostra de Cinema AF

Diálogos entre França e África

27 - barcelona ou a morteBarcelona ou a Morte

(Barcelone ou la Mort) de Idrissa Guiro. França. 2007. 50 min. Documentário. Sem classificação.

Com a falência da cultura da pesca e a dificuldade de encontrar sustento, migrantes senegaleses partem de Dakar para uma arriscada jornada em direção à Europa.

 

Dia 30, segunda-feira, 19h, Mostra de Cinema AF

30 - suzanneSuzanne

Jovens diretoras

de Katell Quillévéré. França. 2013. 94 min. Drama. Sem classificação. Com  Sara Forestier, François Damiens, Adèle Haenel.

Garota vive com o pai e sua irmã, da qual é inseparável, até que se apaixona por um jovem infrator que muda a sua vida.

 

Dia 31, terça-feira, 19h, Mostra de Cinema AF

Jovens diretoras

31 - a batalha de solferinoA Batalha de Solferino

(La Bataille de Solférino) de Justine Triet. França. 2013. 94 min. Drama. Sem classificação. Com  Laetitia Dosch, Vincent Macaigne, Arthur Harari.

No dia do 2º turno das eleições na França, jornalista está atrasada para ir cobrir o evento quando seu ex-marido aparece em sua casa para visitar as duas filhas do casal.

Setembro

 

Dia 1, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

01 - feito gente grandeFeito Gente Grande

(Du Vent dans mes Mollets) de Carine Tardieu. França. 2011. 89min. Comédia. 12 anos. Com Agnès Jaoui, Denis Podalydès e Isabelle Carré.

Raquel tem poucos amigos e recebe uma educação autoritária por parte de seus pais. Sua rotina muda quando conhece Valérie.  

Comentaristas: Isabela do Valle, psicanalista do Fórum do Campo Lacaniano de Fpolis (em formação) e Patrícia Romani, psicanalista.

 

Dia 4, segunda-feira, 19h,

04 - fragmentos de um filme esmolaFragmentos de um Filme-Esmola: A Sagrada Família

de João César Monteiro. Portugal. 1972. 75 min. Comédia. 16 anos. Com Manuela de Freitas, João Perry, Dalila Rocha

O cotidiano de uma estranha família é filmado por uma garota com uma câmera de película 8mm.

 

 

Dia 5, terça-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

05 - conto de verãoConto de Verão

(Conte D’Été) de Eric Rohmer. França. 1996. 113 min. Drama, romance. 10 anos. Com  Melvil Poupaud, Amanda Langlet, Gwenaëlle Simon.

Jovem de férias espera a chegada de sua namorada e conhece duas garotas. Ele acaba envolvido com as três e dividido entre elas.

 

Dia 6, quarta-feira, 19h, Art 7 – Ciclo Filmes de Culto

Publicação1O Pão Nosso

(Our Daily Bread) de King Vidor, EUA, 1934, 80 min. Drama. Sem classificação. Com Barbara Pepper, Karen Morley, Tom Keene.

Durante a Grande Depressão, um grupo de pessoas luta contra a adversidade, formando uma cooperativa para trabalhar a terra.

 

 

Dia 8, sexta-feira, 19h, Psicanálise vai ao Cinema

08 - leoloLéolo, porque eu sonho…

(Léolo, parce que moi je rêve…) de Jean-Claude Lauzon. França, Canadá. 1992. 110min. Drama. 16 anos. Com Julien Guiomar, Gilbert Sicotte, Maxime Collin.

Léolo, porque sonha, e por intermédio da escrita, como um pequeno poeta e à sua maneira, talvez procure alterar uma realidade familiar marcada pela loucura.

 

Dia 11, segunda-feira, 19h, Mostra João César Monteiro

11 - a flor do marÀ Flor do Mar

de João César Monteiro. Portugal. 1986. 143 min. Drama. Sem classificação. Com Laura Morante, Philip J. Spinelli, Manuela de Freitas.

Viúva resgata homem em bote na beira da praia e dá-lhe abrigo. As notícias da morte de um líder palestino e do aparecimento de um barco pirata à deriva levantam dúvidas sobre a identidade dele.

 

Dia 12, terça-feira, 19h, Sessão Especial

12 - martirioMartírio

de Vincent Carelli. Brasil. 2016.162 min. Documentário. 12 anos. Com Celso Aoki, Myriam Medina Aoki, Oriel Benites.

A insurgência pacífica e obstinada dos povos Guarani Kaiowá frente ao poderoso aparato do agronegócio.

 

 

 

Dia 13, quarta-feira, 19h, Art 7Ciclo Filmes de Culto

13 - as diabólicasAs Diabólicas

(Les Diaboliques) de Henri-Georges Clouzot. França. 1955. 116 min. Suspense. Sem classificação. Com Noël Roquevert, Simone Signoret, Vera Clouzot.

A esposa e a amante assassinam o marido, jogando-o na piscina do colégio onde ele trabalhava. Quando a piscina é limpa, o corpo não está mais lá.

 

Dia 14, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

14 - cine imagens políticasMostra Histórias do Santinho

Farinhada

de Gaivota & Maçarico Filmes. Brasil. 2007. 29 min. Documentário. Livre.

A fabricação artesanal de farinha de mandioca em um dos poucos engenhos ainda existentes na Praia do Santinho.

O boi de campo e o boi de pano

de Gaivota & Maçarico Filmes. Brasil. 2007. 34 min. Documentário. Livre.

A polêmica farra do boi – gravada durante a Semana Santa em 2003 – e a confecção das alegorias e primeiras apresentações do grupo de Boi de Mamão da Praia do Santinho.

Comentarista: Valéria Binatti – Produtora-colaboradora do espaço Engenho do Zé, uma das idealizadoras do projeto Histórias do Santinho.

 

Dia15, sexta-feira, 19h, ABERTURA DE EXPOSIÇÃO

Não haverá sessão no cineclube.

 

Dia 18, segunda-feira, 19h, Mostra João César Monteiro

18 - recordações da casa amarelaRecordações da Casa Amarela

de João César Monteiro. Portugal. 1989. 122 min. Comédia, drama. 16 anos. Com  João César Monteiro, Manuela de Freitas, Ruy Furtado.

Homem de meia-idade admirador de Schubert é expulso da pensão onde vive e vai para hospício, de onde sai para criar problemas.

 

 

Dia 19, terça-feira, 19h, Cine Africano

19 - bastaBasta!

(Barakat!) de Djamila Sahraoui.  Argélia, França. 2006. 95 min. Drama. Sem classificação. Com Rachida Brakni, Fattouma Ousliha Bouamari, Zahir Bouzerar.

Na Guerra Civil da Argélia, duas mulheres procuram pelo marido da mais jovem delas. Ignorando a ameaça de ataque pelas milícias, as duas desafiam os homens que encontram a ajudá-las em sua busca.

 

Dia 20, quarta-feira, 19h, Art 7Ciclo Filmes de Culto

20 - o rioO Rio Sagrado

(The River/Le Fleuve), de Jean Renoir, EUA/França/Índia, 1951, 92 min. Drama. Sem classificação. Com Patricia Walters, Radha, Adrienne Corri, Thomas E. Breen

O filme conta a história de três garotas inglesas vivem em Bengala, perto de um grande rio na Índia.

 

Dia 21, quinta-feira, 19h, Sessão Programadora Brasil

21 - lira do delirioA Lira do Delírio

de Walter Lima Jr. Brasil. 1978. 102 min. Drama. 16 anos. Com Anecy Rocha, Claudio Marzo, Paulo César Peréio.

Durante o carnaval carioca, o filho de uma dançarina é sequestrado. Com a ajuda de um jornalista, ela se embrenha no submundo para recuperar seu bebê.

 

Dia 22, sexta-feira, 19h, Cinema, Chá e Cultura

22 - amores divididosAmores Divididos

(Eve’s Bayou) de Kasi Lemmons. EUA. 1997. 110min. Drama. 14 anos. Com Samuel L. Jackson, Lynn Whitfield, Debbi Morgan.

O cotidiano de uma família negra americana dos anos 60 pela perspectiva da filha de 10 anos em suas lembranças.

Comentarista: Maristela Campos – Doutora em Literatura de Língua Inglesa. Professora do Colégio de Aplicação. Membro do Grupo Alteritas – Pesquisa e Estudos em Diferença, Arte e Educação.

 

Dia 25, segunda-feira, 19h, Mostra João César Monteiro

25 - ultimo mergulhoO Último Mergulho

de João César Monteiro. Portugal, França. 1992. 88 min. Drama. Sem classificação. Com Fabienne Babe, Canto e Castro, Francesca Prandi.

Jovem prestes a cometer suicídio é salvo por velho marinheiro que então o conduz pela vida dos clubes noturnos de Lisboa.

 

 

 

Dia 26, terça-feira, 19h, Cine Instituto Goethe

26 - solo sunnySolo Sunny

de Konrad Wolf. Alemanha Oriental. 1980. 144 min. Drama, musical. Sem classificação. Com Renate Krößner, Alexander Lang, Dieter Montag.

Na Alemanha Socialista, jovem operária tenta fazer carreira como cantora, percorrendo o interior do país com sua banda.

 

 

 

Dia 27, quarta-feira, 19h, Art 7

27 - salário do medoO Salário do Medo

(Le Salaire de la peur) de Henri-Georges Clouzot. França. 1953. 151 min. Suspense. Sem classificação. Com Yves Montand, Charles Vanel, Peter van Eyck.

Três estrangeiros, recebem proposta tentadora para que transportem um carregamento de nitroglicerina em dois caminhões por estradas esburacadas.

 

Dia 28, quinta-feira, 19h, Foco em Cinema

28 - les enfants terriblesLes Enfants Terribles

de Jean-Pierre Melville. França. 1950. 105min. Drama. Sem classificação. Com Nicole Stéphane, Edouard Dermithe, Renée Cosima.

Quatro jovens se mudam para o apartamento luxuoso do marido falecido da garota mais velha, onde criam relacionamentos e jogos peculiares.

 

 

Dia 29, sexta-feira, 19h, Foco em Cinema

Em parceria com CineSesc

29 - os malditosOs Malditos

(These are the Damned) de Joseph Losey. Reino Unido. 1962. 87 min. Drama, horror. 16 anos. Com Macdonald Carey, Shirley Anne Field, Viveca Lindfors.

Turista de meia-idade e dois jovens delinquentes descobrem um experimento secreto do governo com crianças.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Editor da Foco – Revista de Cinema.

Agosto

 

Dia 1, terça-feira, 19h, Cine Alemão Instituto Goethe

01 - master of the universeMaster of the Universe

De Marc Bauder. Áustria, Alemanha. 2013. 88 min. Documentário. Sem classificação. Com Rainer Voss, Angela Merkel.

Um dos maiores banqueiros de investimentos da Alemanha, agora aposentado, fala sobre os bastidores da economia financeira internacional, desvelando aspectos e princípios do mercado.

 

Dia 2, quarta-feira, 19h, Art 7 –  Ciclo: Vida dos pintores

02 - rembrandtRembrandt

de Alexander Korda. Reino Unido. 1936. 85min. Biografia / Drama. Sem classificação. Com Charles Laughton, Elsa Lanchester, Gertrude Lawrence.

No ano de 1642, em Amsterdam, o pintor Rembrandt Van Rijin desfruta de uma vida cheia de fama e fortuna. Com a morte de sua esposa e musa, no entanto, seu trabalho encontra a escuridão.

 

 

Dia 3, quinta-feira, 19h, ABERTURA DE EXPOSIÇÃO

Não haverá sessão no cineclube.

 

Dia 4, sexta-feira, 19h, CineSesc

04 - era uma vez em nova yorkEra Uma Vez em Nova York

(The Immigrant) de James Gray. EUA. 2013. 120 min. Drama. 14 anos. Com  Marion Cotillard, Joaquin Phoenix, Jeremy Renner.

Jovem imigrante chega aos Estados Unidos e se vê obrigada a trabalhar num cabaré enquanto tenta encontrar sua irmã.

 

Dia 7, segunda-feira, 19h, Conexões Cinematográficas

 

08-beira-da-loucuraÀ Beira da Loucura

(In the mouth of madness) de John Carpenter. EUA. 1994.115min. Terror. 14 anos. Com Sam Neill, Jürgen Prochnow e Julie Carmen.

Perito de seguros investiga como o sumiço de um escritor famoso e os efeitos bizarros causados por seus livros podem estar conectados.

 

Dia 8, terça-feira, 19h, Conexões Cinematográficas

07-noite-do-demônio

(Night of the demon) de Jacques Tourneur. EUA. 1957. 95min. Terror. Sem classificação. Com Dana Andrews, Peggy Cummins e Niall MacGinnins.

Professor americano vai a Londres para uma conferência, apenas para se encontrar investigando um perigoso adorador do demônio.

 

Dia 9, quarta-feira, 19h, Art 7 –  Ciclo: Vida dos pintores

09 - vincent & theoVan Gogh – Vida e Obra de um Gênio

(Vincent & Theo) de Robert Altman. Reino Unido/Países Baixos. 1990. 135min.Biografia / Drama. 16 anos. Com Tim Roth, Paul Rhys, Johanna ter Steege.

A história dos irmãos Theo e Vincent Van Gogh. Num retrato diferente da habitual imagem do artista, Van Gogh é um homem solitário, que fala uma outra língua, um criador obsessivo e exigente com sua arte.

Dia 10, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

Arte Ingovernável

De Eduardo Benaim e Jorge Saad Jafet. Brasil. 2015. 52 min. Documentário. Livre.

Dimensões entre ativismo político e arte de rua. A dissolução de fronteiras e catracas que surgem no relacionamento entre arte, artista e público.

Comentaristas: Pedro Bennaton, diretor do ERRO Grupo, e Bárbara Teles, integrante do ETC e do coletivo Ocupa Obarco.

 

Dia 11, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

11 - o fim de um cicloO Fim de um Ciclo

De Douglas Rodrigues Barros. Brasil. 2017. 70min. Documentário. Livre. ComTales Ab’Saber e Vladimir Safatle.

Dois intelectuais, reconhecidos pelo seu trabalho e intervenção no debate público, discutem significados de viver sob as circunstâncias atuais e para onde a bússola política aponta.

Comentadores:Thor Veras, filósofo, mestrando  em Filosofia na UFSC, Leojorge Panegalli, psicanalista membro do Fórum do Campo Lacaniano de Florianópolis (em formação).

 

Dia 14, segunda-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

14 - mercenaireMercenaire

de Sacha Wolff. França. 2015. 104 min. Drama. 12 anos. Com Iliana Zabeth, Laurent Pakihivatau, Toki Pilioko.

Jovem caledônio sonha em tornar-se um jogador de rúgbi. Para isso ele precisa deixar o seu lar para trás e se mudar para a metrópole, algo que deixa o seu pai, uma figura autoritária, pouco feliz.

 

Dia 15, terça-feira, 19h, Retrato do Cineasta Enquanto Jovem

15 - sou autosuficienteEu sou Autossuficiente

de Nanni Moretti. Itália. 1976. 95 min. Comédia. Sem classificação. Com Luciano Agati, Lorenza Codignola, Simona Frosi.

Jovem se adapta à nova vida, após ser deixado pela mulher e filho, passando os dias com seu grupo de teatro.

 

 

 

Dia 16, quarta-feira, 19h, Art 7 – Ciclo: Vida dos pintores

16 - moulin rougeMoulin Rouge

De John Huston. Reino Unido. 1952. 120 min. Biografia/Drama. Sem classificação. Com José Ferrer, Zsa Zsa Gabor, Suzanne Flom.

Toulouse-Lautrec é contratado para produzir um novo cartaz publicitário para o cabaré Moulin Rouge.Tal cartaz o torna célebre da noite para o dia

 

 

Dia 17, quinta-feira, 19h, Economia do Cinema

17 - noite do espantalhoA Noite do Espantalho

de Sérgio Ricardo. Brasi. 1974. 93 min. Drama musical. 14 anos. Com Geraldo Azevedo, Fátima Batista, Ana Lúcia Castro.

No miserável nordeste brasileiro, um rico coronel quer expulsar uma família de sua propriedade, e um vaqueiro inicia uma revolta contra ele.

Comentarista: Felipe Maciel, músico e graduando em Ciências Econômicas (UFSC). Bolsista de cultura do Instituto de Estudos Latino-Americanos (IELA-UFSC) onde organiza o Circuito de Cinema Latino-Americano e Caribenho Ali Primera (CIRCULA). Pesquisador do projeto “A Câmara Acústica de Sérgio Ricardo” (LIS-UDESC).

 

Dia 18, sexta-feira, 19h, Psicanálise vai ao Cinema

18 - miss violenceMiss Violence

de Alexander Avranas. Grécia. 2013. 98min. Drama. 18 anos. Com Themis Panou, Reni Pittaki, Eleni Roussinou.

Um segredo familiar levado às últimas consequências. Miss violence retrata um cotidiano familiar marcado por relações bastante violentas.

Comentarista: Gustavo Ramos, doutorando em Literatura (UFSC), participante das atividades da EBP/SC.

 

Dia 21, segunda-feira, 19h, Cine Africano

21 - yesterdayYesterday

de Darrell Roodt. África do Sul. 2004. 98min. Drama. 16 anos. Com Kenneth Khambula, Leleti Khumalo, Harriet Lenabe.

Yesterday é uma moça do Sul da África que vem a adoecer e a descobrir que é portadora do vírus da Aids. A doença faz com que seu marido a rejeite, e, em meio a tanto sofrimento, que ela lute para sobreviver e ver sua filha indo para a escola.

 

Dia 22, terça-feira, 19h, Retrato do Cineasta Enquanto Jovem

22 - ecce bomboEcce Bombo

de Nanni Moretti. Itália. 1978. 103 min. Comédia, drama. Sem classificação. Com Nanni Moretti, Luisa Rossi, Lina Sastri.

Grupo de amigos que participou dos movimentos estudantis da década de 60 se reúne em restaurante para jogar conversa fora e divagar sobre sua situação.

 

Dia 23, quarta-feira, 19h, Art 7 –  Ciclo: Vida dos pintores

23 - schieleEgon Schiele – Excesso e Punição

(Exzesse) de Herbert Vesely. Alemanha. 1981. 95min. Biografia / Drama. Classificação 18 anos. Com Mathieu Carrière, Jane Birkin, Christine Kaufmann.

Os amores e as polêmicas na vida do austríaco Egon Schiele, que sofreu críticas por conta de suas obras, consideradas “pornográficas” para a época.

 

Dia 24, quinta-feira, 19h, Foco em Cinema

24 - mideraruTormento

(Midareru) de Mikio Naruse. Japão. 1964. 98 min. Drama. Sem classificação. Com Hideko Takamine, Yûzô Kayama, Mitsuko Kusabue.

Viúva trabalha para manter a loja da família do marido morto, enquanto os sogros planejam fechar o negócio e abrir um supermercado no lugar.

 

Dia 25, sexta-feira, 19h, Foco em Cinema

25 amantesAmantes

(Two Lovers) de James Gray. EUA, França. 2008. 110 min. Drama, romance. 14 anos. Com Joaquin Phoenix, Gwyneth Paltrow, Vinessa Shaw.

Após tentativa de suicídio, homem se vê dividido entre duas mulheres com estilos de vida muito diferentes.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 28, segunda-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

28 - lumumbaLumumba

de Raoul Peck. França, Bélgica, Alemanha. 2000. 116 min. Biografia, histórico. Sem classificação. Com Eriq Ebouaney, Alex Descas, Théophile Sowié.

A história da ascensão ao poder e do assassinato de Patrice Lumumba, primeiro ministro do Congo quando este se tornou independente, que foi vilanizado pela imprensa internacional graças a interesses econômicos da Bélgica e Estados Unidos.

 

Dia 29, terça-feira, 19h, Retrato do Cineasta Enquanto Jovem

29 - doces sonhosBons Sonhos

(Sogni D’Oro) de Nanni Moretti. Itália. 1981. 105 min. Comédia, drama. Sem classificação. Com Nanni Moretti, Piera Degli Esposti, Remo Remotti.

Diretor de cinema prepara seu próximo filme, que será sobre Sigmund Freud. Enquanto isso, enfrenta a sua vida diária alternada com sonhos cada vez mais reais e absurdos.

 

Dia 30, quarta-feira, 19h, Art 7 –  Ciclo: Vida dos pintores

30 - FridaFrida

de Julie Taymor. EUA. 2002. 123min. Biografia / Drama. Sem classificação. Com Salma Hayek, Alfred Molina, Antonio Banderas.

A vida da pintora Frida Kahlo (1907-1954) desde a sua adolescência até a morte.

 

Dia 31, quinta-feira, 19h, O Filme que eu Gostaria de ter Feito

31 - O fardo dos sonhosO Fardo dos Sonhos

(Burden of Dreams) de Les Blank. EUA. 1982. 95 min. Documentário. Sem classificação. Com  Werner Herzog, Klaus Kinski, Claudia Cardinale

Relato das gravações do épico Fiztcarraldo, que Werner Herzog filmou na selva amazônica, onde a equipe encontrou problemas com o clima e com as tribos locais.

Comentarista: Prof. Dra. Patricia Iuva – Bacharel em Publicidade e Propaganda (UFSM). Mestre em Ciência da Comunicação (UNISINOS). Doutorado em Comunicação e Informação (UFRGS). Professora Adjunta e subcoordenadora do Curso de Cinema da UFSC.

 

Julho

 

Dia 3, segunda-feira, 19h, Cine Africano

03 - wend kuuniWend Kuuni

De Gaston Kaboré. Burkina Faso. 1983. 75 min. Drama. Sem Classificação. Com Serge Yanogo, Boucare Ouedraogo e Colette Kaboré.

Em tempos pré-coloniais, um vendedor ambulante encontra uma criança inconsciente, deitada no meio do mato. O vendedor o deixa com uma família na vila mais próxima. Depois de uma procura pelos seus pais, a família o adota, dando-lhe o nome Wend Kuuni (dom de Deus) e uma irmã amorosa, com quem ele cria laços.

 

Dia 4, terça-feira, 19h, Estreia

04 - Danado-de-BomDanado de bom

De Deby Brennand. Brasil. 2016. 75min. Documentário. Sem Classificação. Com Dominguinhos, Elba Ramalho, Gilberto Gil e Alcione.

A trajetória do compositor João Silva em uma viagem pelo sertão nordestino até sua cidade natal, Arcoverde, no agreste de Pernambuco. João relembra sua jornada, de menino andarilho, semianalfabeto, até se tornar compositor de sucesso e um dos principais parceiros de Luiz Gonzaga. Mestre João compôs mais de 3 mil músicas e faleceu antes de ver o documentário finalizado.

 

Dia 5, quarta-feira, 19h, Art 7

05 - piafPiaf  – Um Hino ao Amor

(La môme) de Olivier Dahan. França. 2007. 120 min. Biografia. 12 anos. Com Marion Cotillard, Emmanuelle Seigner, Gérard Depardieu. Ciclo: cinebiografias musicais.

Cinebiografia que retrata a vida da cantora Édith Piaf (1915-1963), desde sua infância até seu leito de morte.

 

Dia 6, quinta-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

06 - demonio das onze horasO Demônio das Onze Horas

(Pierrot le Fou) de Jean-Luc Godard. França, Itália. 1965. 112 min. Drama policial. Sem classificação. Com Jean-Paul Belmondo, Anna Karina, Graziella Galvani.

Homem encontra antiga namorada e os dois resolvem escapar em direção ao Mediterrâneo. Na estrada, são perseguidos por gangsters ligados ao passado da garota.

Comentarista: Jair T. da Fonseca – Professor de Teoria Literária na UFSC; pesquisador de Literatura, Cinema e outras artes; Doutor em Literatura Comparada pela UFMG.

 

Dia 7, sexta-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

07 - baia dos anjosA Baía dos Anjos

(La Baie des Anges) de Jacques Demy. França. 1962. 89 min. Comédia dramática. Sem classificação. Com Claude Mann, Jeanne Moreau, Paul Guers.

Parisiense de meia idade deixa seu marido e filhos para se aventurar no mundo das apostas em Nice, onde estará em jogo não apenas o frenesi das roletas do cassino, mas também o do ciclo da sedução.

 

Dia 10, segunda-feira, 19h, Conexões Cinematográficas

10 - duble de corpoDublê de Corpo

(Body Double) de Brian de Palma. EUA. 1984. 114 min. Suspense, thriller. 14 anos. Com Craig Wasson, Melanie Griffith, Gregg Henry.

Jovem fica obcecado por sua vizinha quando vê ela se despindo na janela e acaba se envolvendo em uma trama perversa.

 

Dia 11, terça-feira, 19h, Conexões Cinematográficas

11 - janela indiscretaJanela Indiscreta

(Rear Window) de Alfred Hitchcock. EUA. 1954. 112 min. Suspense. 12 anos. Com James Stewart, Grace Kelly, Wendell Corey.

Fotógrafo confinado em casa por ter quebrado a perna começa a espionar a vida de seus vizinhos para passar o tempo. Uma cena que presencia lhe deixa convencido de que sua vizinha foi assassinada.

 

Dia 12, quarta-feira, 19h, Art 7

12 - esta terra e minha terraEsta Terra é Minha Terra

(Bound for Glory) de Hal Ashby. EUA. 1976. 147 min. Biografia. Sem classificação. Com David Carradine, Ronny Cox, Melinda Dillon. Ciclo: cinebiografias musicais.

Durante a Grande Depressão, o cantor Woody Guthrie se torna o principal representante classe trabalhadora americana através de suas músicas de protesto.

 

Dia 13, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

13 - Terra em TranseTerra em Transe

De Glauber Rocha. Brasil. 1967. 106min. Drama. 14 anos. Com Paulo Autran, Jardel Filho e Glauce Rocha.

Uma revolução política toma conta do país Eldorado. A luta pelo poder deixa o jornalista Paulo Martins bem no centro de todos os acontecimentos.

Comentarista: Fátima Costa de Lima, artista e professora da UDESC.

 

Dia 14, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

14 - a professora de pianoA Professora de Piano

(La Pianiste) De Michael Haneke. Alemanha, França, Áustria. 2002. 130min. Drama. 18 anos. Com Susanne Lothar, Georg Friedrich e Isabelle Huppert.

Uma professora de piano inicia um relacionamento com um de seus alunos, com quem realiza vários jogos perversos.

Comentaristas: Sérgio Scotti e Maria Cecília Fritsche, psicanalistas do Fórum do Campo Lacaniano de Florianópolis

 

Dia 17, segunda-feira, 19h, Terrore All’Italiana

17 - os vampirosOs Vampiros

(I Vampiri) de  Riccardo Freda, Mario Bava. Itália. 1957. 82 min. Terror. Sem classificação. Com Gianna Maria Canale, Carlo D’Angelo, Dario Michaelis.

Jornalista investiga o assassinato de garotas que aparecem mortas sem sangue e descobre que elas estão sendo usadas para manter a vida eterna de uma duquesa.

 

Dia 18, terça-feira, 19h, Terrore All’italiana

18 - seis mulheres para o assassinoSeis Mulheres Para o Assassino

(Sei Donne per L’assassino) de Mario Bava. Itália, França, Mônaco. 1964. 88 min. Terror, Mistério. Sem classificação. Com Cameron Mitchell, Eva Bartok, Thomas Reiner.

Homem mascarado persegue e mata as modelos de um ateliê de moda.

 

 

 

Dia 19, quarta-feira, 19h, Art 7

19 - o ocaso de uma estrelaO Ocaso de uma Estrela

(Lady Sings the Blues) de Sidney J. Furie. EUA. 1972. 144 min. Biografia. Sem classificação. Com Diana Ross,Billy Dee Williams, Richard Pryor. Ciclo: cinebiografias musicais.

O filme revela a turbulenta história de vida da lenda do jazz, Billie Holiday. Sua infância, as primeiras turnês, os casamentos e o vício das drogas.

 

Dia 20, quinta-feira, 19h, Terrore All’italiana

20 - preludio para matarPrelúdio Para Matar

(Profondo Rosso) de Dario Argento. Itália. 1975. 126 min. Terror, mistério. Sem classificação. Com  David Hemmings, Daria Nicolodi, Gabriele Lavia.

Após testemunhar o assassinato de uma famosa médium, pianista investiga o crime com a ajuda de uma repórter, enquanto os dois são perseguidos pelo assassino que quer silenciá-los.

 

Dia 21, sexta-feira, 19h, Psicanálise Vai ao Cinema

21 - a teta e a luaA Teta e a Lua

(La teta y la luna) De Bigas Luna e Carmen Frias. Espanha, França. 1994. 90min. Comédia, Romance. Sem classificação. Com Mathilda May, Biel Durán e Miguel Poveda.

Uma história de amor e uma teoria sexual infantil narradas por Tete, um menino catalão de nove anos.

 

Dia 24, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema

24 - os novos centurioesOs Novos Centuriões

(The New Centurions) de Richard Fleischer. EUA. 1972. 103 min. Ação, crime. Sem classificação. Com George C. Scott, Stacy Keach, Jane Alexander.

A rotina e os dramas internos de dois policiais, um novato e um veterano, em patrulha por Los Angeles.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 25, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

foto dia 25O Ano do Dragão

(Year of the Dragon) de Michael Cimino. EUA. 1985. 143 mi. Ação, crime. 16 anos. Com Mickey Rourke, John Lone, Ariane.

Policial assume a chefia do distrito de Chinatown e começa uma guerra contra a máfia chinesa.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 26, quarta-feira, 19h, Art 7

ClocloMy Way – O Mito Além da Música

(Cloclo) de Florent Siri. França. 2012. 148 min. Biografia. 12 anos. Com Jérémie Renier, Benoît Magimel, Monica Scattini. Ciclo: cinebiografias musicais.

A história de Claude François, ícone da música popular francesa, que co-escreveu a canção My Way.

 

Dia 27, quinta-feira, 19h, Terrore All’italiana

27 - sete portas do infernoAs Sete Portas do Inferno

(…E tu vivrai nel terrore! L’aldilà) de Lucio Fulci. Itáia. 1981. 87 min. Terror. Sem classificação. Com  Catriona MacColl, David Warbeck, Cinzia Monreale.

Garota herda antigo hotel nos Estados Unidos e descobre que ele está construído sobre uma das portas do inferno.

 

Dia 28, sexta-feira, 19h, Cinema, Chá e Cultura

28 - a bea do palcoA Bela do Palco

(Stage beauty) de Richard Eyre. Reino Unido/EUA/Alemanha. 2004. 106 min. Drama. 16 anos. Com Claire Danes, Billy Crudup, Rupert Everett.

Em 1660, os papéis femininos no teatro eram representados por homens. Ned Kynaston é o ator inglês mais conhecido por interpretar mulheres e se desilude quando o rei Charles II ordena que as mulheres também integrem as companhias teatrais.

Comentarista: Leon de Paula, doutor e mestre em teatro (UDESC), Professor Assistente da Universidade Federal de Tocantins (UFT) no curso de Licenciatura em Educação Do Campo: Artes Visuais e Música. É ator  e diretor de teatro. Atualmente realiza seus estudos de pós-doutorado na UDESC.

 

Dia 31, segunda-feira, 19h, CineSesc

31 - eles voltamEles Voltam

de Marcelo Lordello. Brasil. 2012. 100 min. Drama. 12 anos. Com Maria Luiza Tavares, Geórgio Kokkosi, Elayne de Moura.

Durante viagem de carro, garota e seu irmão são deixados pelos pais no acostamento da estrada. Depois de separar do irmão, a jovem tenta sozinha encontrar o caminho para casa.

 

 

Junho

 

Dia 1, quinta-feira, Festival de Cinema Europeu

17h

01 - Da sua janela a minha 3De sua janela à minha

(De tu ventana a la mía) de Paula Ortiz. Espanha. 2011. 107 min. Drama. Livre.

Violeta, Inês e Luisa são mulheres de idades diferentes, cujos dias transcorrem em aparente placidez do outro lado da janela.

19h

01 - Nossa estrangeiraNossa Estrangeira

(Notre Etrangère) de Sarah Bouyain. França, Burkina Faso. 2010. 82 min. Drama. Livre.

Jovem sai de Paris e retorna a sua terra natal, Burkina Fasso, procurando sua mãe, da qual foi separada aos 8 anos. Paralelamente, uma burquinense procura desesperadamente por sua filha em Paris.

 

Dia 2, sexta-feira, Festival de Cinema Europeu

15h

02 - o primeiro cargoO primeiro cargo

(Il primo incarico) de Giorgia Cecere. Itália. 2011. 90 min. Drama. Livre.

Em 1953, jovem professora assume cargo em um vilarejo da Puglia, onde encontra uma realidade hostil e quase arcaica.

 

 

17h

MARCELAMarcela

de Helena Trestíková. Rep. Tcheca. 2007. 80 min. Documentário. 12 anos.

A vida de uma cidadã tcheca ao longo de várias décadas, mostrando sua luta diária e as tragédias vividas.

 

 

19h

02 - mamae e outras figuracas da familia 2Mamãe e outras figuraças da família

(Anyám és más futóbolondok a családból) de Ibolya Fekete. Hungria. 2015. 108 min. Drama. 12 anos.

A história de quatro gerações de mulheres durante o século XX na Hungria, passando pelas mudanças que o país atravessou, entre elas, guerras mundiais, tratados de paz, revolução.

 

Dia 3, sábado, Festival de Cinema Europeu

14h

03- excentrica AntoniaA Excêntrica Família de Antônia

(Antonia) de Marleen Gorris. Países Baixos. 1995. 102 min. Comédia dramática. Livre.

Comandada por Antônia, uma saga familiar atravessa três gerações, falando de força, de beleza e de escolhas que desafiam o tempo.

 

 

16h

03 - amaliaAmália – O Filme

De Carlos Coelho da Silva. 2008. 127 min. Drama / Biografia. 12 anos.

Retrato romanceado de um período longo da vida da fadista Amália Rodrigues, figura fundamental na história do século XX português.

 

 

 

18h30

CAMINHO DA HALIMAO Caminho de Halima

(Halimin put) de Arsen Anton Ostojić. Croácia. 2012. 83 min. Drama. Livre.

Corajosa e forte mulher muçulmana tenta encontrar os restos mortais de seu filho morto na Guerra da Bósnia. Para isso, ela precisa reviver dores e mistérios do passado.

 

 

Dia 05, segunda-feira, 19h, Cine Africano

05 - cine africanoLições do Lixo

(Nyamanton) De Cheick Oumar Sissoko. Mali.1987. 90min. Drama. Sem classificação. Com Chaka Diarra, Alikaou Kanté e Maciré Kanté.

Em Bamako, Kalifa e Fanta, expulsos da escola, começam a trabalhar meio expediente, como catador de lixo e vendedora de laranjas, para auxiliar no orçamento doméstico e continuar na escola. As chagas sociais de um país em transição são mostradas no dia a dia das crianças e sua família.

 

Dia 06, terça-feira. 19h, Imagens do Desejo

6 - o filho da noivaO filho da noiva

(El Hijo de la Novia) De Juan José Campanella. Espanha, Argentina. 2001. 123 min. Comédia dramática.

Sem classificação.Com: Ricardo Darín, Norma Aleandro e Héctor Alterio.

Aos 42 anos Rafael Belvedere está em crise. Em meio a todas as suas responsabilidades, sofre um ataque cardíaco que faz com que se encontre novamente com Juan Carlos, um amigo de infância, que o ajuda a reconstruir seu passado e ver o presente com outros olhos.

 

Dia 07, quarta-feira, 19h, Art 7

07 - por onde os anjos nao passamPor Onde os Anjos Não Passam  

(Where Angels Fear to Tread) de Charles Sturridge. Reino Unido. 1991. 116min. Drama/Romance. Sem classificação. Com Barbara Jefford, Helen Mirren, Helena Bonham Carter

Vinda de uma abastada família inglesa, uma viúva viaja à Itália para um período de férias. Em apenas onze dias, ela se apaixona e se casa com um jovem de classe social inferior.

 

Dia 08, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

08 - GuatahaGuataha

De Clarissa Knol. Brasil. 2014. 52min. Documentário. Livre. Com Guilherme Tupã Nhevangaju Rocha, Cassemiro Pereira Centurião e Delia Takua Yju Martines Rocha.

As narrativas míticas Ava-Guarani da Destruição e da Criação do mundo são contadas pelo xamã da aldeia Ocoy, relacionando-as aos resquícios do alagamento da aldeia Jacutinga pela Usina Hidrelétrica de Itaipu e à jornada de Délia, neta do xamã, pela fronteira entre o Brasil e o Paraguai.

Comentarstas: Alai Diniz, professora e roteirista de Guataha, e Henrique Finco, professor do curso de Cinema da UFSC.

 

Dia 09, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

INTROInto eternity: A film for the future

De Michael Madsen. Dinamarca, Finlândia, Suécia, Itália. 2010. 75min. Documentário. Sem classificação.

Documentário sobre segurança de armazenamento nuclear.

Comentaristas: Julian Alexander Brzozowski, doutorando em Cinema na UFSC e Leojorge Panegalli, psicanalista.

 

Dia 12, segunda-feira, 19h, Cine Aliança Francesa – Festival Varilux

12 - amanhãAmanhã

(Demain) de Cyril Dion e Mélanie Laurent. França. 2015. 118min. Documentário. Sem classificação.

A respeito das mudanças climáticas, especialistas propõem soluções.

Comentarista: Eduardo Rodrigues Maneira (Global Shapers).

 

Dia 13, terça-feira, 19h, Sessão Oficina do Vinho

13 - o julgamento de parisO Julgamento de Paris

(Bottle Schck) de  Randall Miller. EUA. 2018. 110min. Comédia.

História dos primórdios da indústria de vinho californiana. 

 

 

 

 

Dia 14, quarta-feira, 19h, rt 7

14 - janela para amorUma Janela para o Amor

(A Room with a View) de James Ivory. Reino Unido. 1985 117min. Drama/Romance. Sem classificação. Com Helena Bonham Carter, Daniel Day-Lewis, Maggie Smith

Uma jovem inglesa aristocrática que não aceita ser controlada. Em viagem à Florença, conhece um jovem libertário, e começa um relacionamento com ele que choca a sociedade.

 

Dia 16, sexta-feira, 19h, Psicanáise vai ao Cinema

16 - nome de famíliaNome de família

(The Namesake) De Mira Nair. Índia, EUA. 2006. 116min. Drama. 12 anos. Com Irfan Khan, Tabu e Kal Penn.

Um nome perpassa os acontecimentos de uma família indiano-estadunidense. Ele desenlaça tradições e promove aberturas.

 

 

Dia 19, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema

19 - scenario du film passionScénario du film “Passion”

De Jean-Luc Godard. França. 1982. 54min. Documentário. Sem classificação.

Godard fala sobre o cinema.

 

 

 

19 - 23rd psalm branch23rd Psalm Branch

De Stan Brakhage. EUA. 1968. 63min. Experimental. Sem classificação.

Relações entre diferentes modos de imagens.

 

 

 

Dia 20, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

20 - hercules conquista atlantidaHércules na conquista da Atlântida

(Ercolle alla conquista di Atlantide) de Vittorio Cottafavi. Itália, França. 1961. 101min. Aventura. Sem classificação. Com Reg Park, Fay Spain e Ettore Manni.

Hércules descobre um complô da Rainha de Atlântida para dominar o mundo.

 

Dia 21, quarta-feira, 19h, Art 7

21 - retorno a horwards endRetorno a Howard’s End

(Howards End) de James Ivory. Reino Unido. 1992. 140min. Drama/Comédia dramática. Sem classificação. Com Anthony Hopkins, Emma Thompson, Helena Bonham Carter

Irmãs que vivem de herança travam amizade com família de rico comerciante. Quando a esposa morre, ele propõe casamento à mais velha, criando um forte conflito entre ambas as famílias.

 

Dia 23, sexta-feira, 19h, O filme que eu gostaria de ter feito

23 - non ou a vã glória de mandarNon, ou a Vã Glória de Mandar

De Manoel De Oliveira. Portugal, Espanha, França. 1990. 110min. Drama. Sem classificação. Com Luis Miguel Cintra, Diogo Dória e Miguel Guilherme.

Episódios da história militar de Portugal narradas por um soldado.

Comentarista: Alfredo Manevy, professor doutor em audiovisual pela USP. Foi presidente da SPCine.

 

Dia 26, segunda-feira, 19h, Art 7

26 - passagem pra índiaPassagem para a Índia

(A Passage to India) de David Lean. EUA/Reino Unido.  1984. 164min. Drama/Ficção histórica. Sem classificação. Com Alec Guinness, Ann Firbank, Antonia Pemberton

Duas inglesas fazem uma viagem pela Índia nos anos 1920, imersa em intensos problemas raciais.

 

Dia 27, terça-feira, 19h, Os Fundamentos da Democracia

27 - socratesSócrates

(Socrate) de Roberto Rossellini. Itália, Espanha, França. 1971. 120min. Drama. Sem classificação. Com Jean Sylvère, Anna Caprile e Guiseppe Mannajuolo.

Os últimos dias da vida de Sócrates, seus ensinamentos finais, e o julgamento que determinou sua morte.

Comentarista: Gabriel Geller Xavier – doutorando em Filosofia na UFSC.

 

Dia 28, quarta-feira, 19h, Art 7

28 - mauriceMaurice

De James Ivory . Reino Unido. 1987. 140min. Drama. Sem classificação. Com Hugh Grant, James Wilby, Rupert Graves

No início do século, jovem e atraente executivo inglês confronta sua conduta sexual com os preconceitos da sociedade aristocrática.

 

 

 

Dia 29, quinta-feira, 19h, Sessão Especial

29 - asas do desejoAsas do Desejo

(Der Himmel über Berlin) de Win Wenders. Alemanha Ocidental, França. 1987. 128min. Livre. Com Bruno Ganz, Solveig Dommartin e Otto Sander.

Anjo deseja tornar-se humano após apaixonar-se por uma mulher.

Comentarista: Leopoldo Comitti – poeta, escritor, ensaísta e pós-doutor em literatura comparada.

 

Dia 30, sexta-feira, 19h, Estreia

A arte que me habita

De Mara Salla. Brasil. 2017. 15min. Documentário. Sem classificação.

Filmado durante a produção da exposição A PELE, acompanha a rotina da artista Albertina Prates.

Sessão Especial

30 - pele que habitoA pele que habito

(La piel que habito) de Pedro Almodóvar. Espanha. 2011. 120min. Drama. 16 anos. Com Antônio Bandeiras, Elena Alaya e Jan Cornet.

Cirurgião plástico sequestra jovem para fins macabros.

 

 

 

Maio

 

Dia 2, terça-feira, 19h, Cine Africano

2 - os silêncios do palacioOs Silêncios do Palácio

(Samt el qusur) De Moufida Tlatli. Tunísia,França. 1994. 128 min. Drama. 16 anos. Com Amel Hedhili, Najia Ouerghi, Hend Sabri.

A vida de Alia muda com a notícia da morte do príncipe, em cujo palácio sua mãe fora criada. No funeral, ela recorda sua infância no imenso palácio, onde observou todas as formas de opressão impostas às mulheres e sua relação proibida com a filha do príncipe.

 

Dia 3, quarta-feira, 19h, Art 7

3 - 19841984

de Michael Anderson. Reino Unido. 1956. 90 min. Drama, Ficção científica. Sem classificação. Com Edmond O’Brien, Jan Sterling, Michael Redgrave.

Em uma sociedade futurística totalitária, controlada pelo “Big Brother”, o amor é proibido. Um funcionário do Estado, responsável por reescrever a história, se apaixona e passa a ser visto como rebelde, sofrendo tortura e lavagem cerebral pelo seu crime.

 

Dia 4, quinta-feira, 19h, Estreia

4 - GuerrilhaGuerrilha – A trajetória da Dorsal Atlântica

de Frederico Neto, Alexander Aguiar. Brasil. 2015. 74 min. Documentário. 14 anos. Com Carlos Lopes, Alexandre Farias, André Barcinski.

o filme documenta o retorno da formação clássica da banda  Dorsal Atlântica, separada há mais de 20 anos, para abordar as polêmicas da música extrema nas décadas de 80 e 90.

Haverá debate com a presença do diretor: Frederico Neto, gestor cultural e ocupante da cadeira de audiovisual do Conselho Municipal de Cultura do Rio de Janeiro.

 

Dia 5, sexta-feira, 19h, Os Diretores Apresentam

5 - meu pai adonaiMeu Pai Adonai – Pré-estreia

de Luiz Fernando F. Machado. Brasil, Itália. 2017.14 min. Ficção experimental. 16 anos. Com Adonai Supi Machado e Luiz F. F. Machado

A explosiva história de Adonai, um dos maiores jogadores brasileiros de futebol de todos os tempos que no auge de sua carreira envolveu-se com a máfia italiana e com o consumo de drogas. Adonai terminou sua vida vendendo lanches num trailer em Veneza.

18198404_1276051545846920_7810528562705419080_nPontilhismo

De Eduardo Ceron. Brasil. 2015. 6min. Experimental. Sem classificação.

Como a técnica de pontilhismo usada nas pinturas do impressionismo francês, o filme Pontilhismo, do diretor Eduardo Ceron, busca compor uma forma através de pontos luminosos em movimento. Um diálogo entre cinema e pintura que permite um olhar renovado sobre o real.

Haverá debate com a presença dos diretores Luiz F. F. Machado, realizador da Boanova Filmes; Eduardo Ceron, artista visual e estudante de Cinema. Já trabalhou como diretor de fotografia, diretor e tatuador.

 

Dia 8, segunda-feira, 19h, Sessão Divã

8 - estive em lisboa e lembrei de voceEstive em Lisboa e lembrei de você

de José Barahona. Brasil,Portugal. 2015. 94 min. Drama. 16 anos. Com Paulo Azevedo, Renata Ferraz, Amanda Fontoura.

Depois de um casamento frustrado, Sérgio resolve emigrar de Cataguases, no Brasil, para Lisboa, na tentativa de fazer um bom pé de meia para depois retornar à terra natal. Chegando lá, é confrontado com a realidade da imigração, bem diferente daquilo que sonhou.

Comentaristas: Leomaris W. Aires – licenciada em Língua Francesa e Literaturas (UFSC), mestre e doutoranda em Estudos da Tradução (UFSC). Mª Cecília Fritsche – psicóloga e psicanalista, membro da associação FCL-Fpólis em formação, bacharela em Letras e Literatura Francesa (UFSC).

 

Dia 9, terça-feira, 19h, Foco em Cinema – David Wark, Pioneiro

9 - griffithMusketeers of Pig Alley

De D. W. Griffith. EUA. 1912. 17min. Crime. Sem classificação. Com Elmer Booth, Lillian Gish e Clara T. Bracy.

Casal pobre se vê em meio a guerra de gangues rivais.

An unseen enemy

De D. W. Griffith. EUA. 1912. 17min. Suspense. Sem Classificação. Com Lillian Gish, Dorothy Gish e Elmer Booth.

Duas irmãs são mantidas reféns em um quarto mediante o uso de uma arma num buraco na parede.

Mothering heart

De D. W. Griffith. EUA. 1913. 29min. Drama. Sem classificação. Com Lillian Gish, Walter Miller e Kate Bush.

Mulher abandona marido infiel, mas se descobre grávida.

A corner in wheat

De D. W. Griffith. EUA. 1909. 14min. Drama. Sem classificação. Com Frank Powell, Grace Henderson e James Kirkwood.

Magnata malvado aumenta o preço do trigo no mercado, destruindo a vida de fazendeiros humildes.

 

Dia 10, quarta-feira, 19h, Art 7

10 - planeta dos macacosO Planeta dos Macacos

(Planet of the Apes) de Franklin J. Schaffner. EUA. 1968. 112min. Aventura, Ficção científica. Sem classificação. Com Charlton Heston, Roddy McDowall, Kim Hunter.

Um astronauta americano viaja por séculos em estado de hibernação. Ao acordar, ele e seus companheiros se vêem em um planeta dominado por macacos, no qual os humanos são tratados como escravos e nem mesmo têm o dom da fala.

 

Dia 11, quinta-feira, 19h, Imagens Políticas

11 - filme mashi trasiFilme MashiTrasi que Trasi

de Eduardo J. Alter. Palestina/Espanha. 2009. 52min. Documentário. Sem classificação.

Uma caravana de palhaços vai a Palestina com a missão de derrubar o Muro da vergonha com a sua única força: o riso.

Cápsula Festclown Palestine- West Bank 2014

de Pallasos en Rebeldía e Traço Cia de Teatro. Brasil, Palestina. 2014. 8 min. Documentário. Sem classificação.

Um pouco da intervenção dos palhaços da Traço Cia de Teatro na Palestina.

Comentaristas: integrantes dos Pallasos en Rebeldía no Brasil.

 

 

 

Dia 12, sexta-feira, 19h, Psicanálise Vai ao Cinema

12 - dente caninoDente Canino

(Kynodontas) de Yorgos Lanthimos. Grécia. 2009. 96min. Drama. 16 anos. Com Christos Stergioglou, Aggeliki Papoulia, Christos Passalis.

Com uma lei de ferro bastante singular, um pai educa seus filhos privados dos usuais laços sociais, até o imprevisto de um encontro.

Comentarista: Laureci Nunes, psicanalista, membro EBP-SC/AMP.

 

Dia 15, segunda-feira, 19h, Cinema, Chá e Cultura

15 - nao estou la horizontalNão Estou Lá

(I’m not there) de Todd Haynes. EUA, Alemanha. 2007. 135 min. Drama. 12 anos. Com Cate Blanchett, Richard Gere, Heath Ledger.

Seis atores interpretam versões de distintas fases da vida de Bob Dylan.

Comentarista: Ana Lúcia da Silveira Machado, assessora de relações internacionais (IFSC), graduada em Português-Inglês (FESC), com especialização em Educação para a Diversidade (IFSC).

 

Dia 16, terça-feira, 19h, O Filme que eu Gostaria de Ter Feito

16 - quanto mais quente melhorQuanto Mais Quente Melhor

(Some Like it Hot) de Billy Wilder. EUA. 1959. 121 min. Comédia, romance. Livre. Com Marilyn Monroe, Tony Curtis, Jack Lemmon.

Após testemunhar um assassinato de gângsters, uma dupla de músico se disfarça de mulheres para poder fugir da cidade.

Comentarista: José Geraldo Couto, crítico de cinema, jornalista e tradutor; escreve regularmente sobre cinema para a revista Carta Capital e mantém uma coluna de cinema no blog do Instituto Moreira Salles.

 

Dia 17, quarta-feira, 19h, Art 7

17 - fahrenheit 451Fahrenheit 451

de François Truffaut. Reino Unido. 1966. 112min. Ficção científica, Fantasia. Sem classificação. Com Oskar Werner, Julie Christie, Cyril Cusack.

Em um futuro próximo, os “bombeiros” têm como função queimar qualquer material impresso, pois a literatura é vista como propagadora da infelicidade. Um homem questiona tal raciocínio quando vê uma mulher preferir ser queimada com sua biblioteca ao invés de permanecer viva.

 

Dia 18, quinta-feira, 19h, Cine Alemão

18 - pais do silencio e da escuridaoO País do Silêncio e da Escuridão

(Land des Schweigens und der Dunkelheit) de Werner Herzog. Alemanha ocidental. 1971. 85 min. Documentário. Sem classificação.

Acompanha a vida de surdos-cegos: alguns encontraram refúgio num asilo; outros estão abandonados. Num plano mais profundo, o espectador descobre um ensaio fílmico e sensorial sobre a comunicação

 

Dia 19, sexta-feira, 19h, Cine Aliança Francesa


19 - a permanenciaA permanência

(La permanence) de Alice Diop. França. 2016. 97min. Documentário. Livre.

No Hospital Público de Avicenne são atendidos os pacientes imigrantes sem documentos. Há o que se parece com uma ilha de abandonados: homens doentes, marcados na carne por uma dor que é sua sentença de exílio. Ali ainda encontram a única maneira de levantar-se e resistir.

 

Dia 22, segunda-feira, 19h, Múltipla Dança

22Mostra de Vídeo-dança: parceria com o dança em foco – Festival internacional de Vídeo & Dança

 

COROEDIÇÕES AMÉRICAS

A Árvore do Esquecimento de  Vinícius Cardoso. Brasil. 2015. 3 min. Coreografia: Jorge Garcia

3 Conversations de Tara Knight e Rebecca Salzer. Estados Unidos. 2015. 4 min. Coreografia: Rebecca Salzer

Right Here de Tara Knight e Rebecca Salzer. Estados Unidos. 2015. 3 min. Coreografia: Rebecca Salzer

Fall de Paulina Rutman. Chile. 2015. 6 min. Coreografia: Paulina Rutman.

Apartes de Alexandre Veras e Ernesto Gadelha. Brasil. 2015. 8 min. Coreografia: Ernesto Gadelha

 

EXPERIMENTOS

Fel i cidade de Paulo Cavalcanti. Brasil. 2014. 3 min. Coreografia: Maíra Alves

De água nem tão doce de Laura Virgínia e Shirley Farias. Brasil. 2006. 8 min. Coreografia: Laura Virgínia e Shirley Farias

Além da maré escura de Pedro Ventura. Brasil. 2014. 4 min. Coreografia: Sara Marchezini

Além da maré clara de Pedro Ventura. Brasil. 2014. 3 min. Coreografia: Sara Marchezini

Vindinós de Joana Laranjeira. Portugal. 2015. 11 min. Coreografia: Joana Laranjeira

Território feminino de Sarah Ferreira. Brasil. 2015. 4 min. Coreografia: Monica Pimenta

 

Dia 23, terça-feira, 19h, Múltipla Dança

23 - mostra videodancaMostra de Vídeo-dança: parceria com o dança em foco – Festival internacional de Vídeo & Dança

CURTAS INTERNACIONAIS

[blind]agem de Vinícius Costa. Brasil. 2015. 3 min. Coreografia: Grupo LAUT

Hundred sculptures of sembah de Yulius Seto. Java/Indonésia, 2015.10 min. Coreografia: Elsa Montenegro

2412 de John T. Williams. Estados Unidos. 2013. 8 min. Coreografia: Lisa K. Lock

Estancados de Ana Cecília Moreno. Bolívia. 2014. 8 min. Coreografia: Ana Cecília Moreno, Andrea Garnica, Lucia Alem, María Laura Sanz e Esteban Aranda.

Birds flying from my skull de Olivia Orthof. Estados Unidos. 2013. 5 min. Coreografia: Olivia Orthof

Finca de Larissa Paraguassú. Brasil. 2015. 5 min. Coreografia: Gabriela Gorges e Juarez Moniz

Plow plant reap de Marta Renzi. Estados Unidos. 2015. 13 min. Coreografia: Marta Renzi

Poroso de Yuri Tripodi. Brasil. 2015. 2 min. Coreografia: Yuri Tripodi

 

Dia 24, quarta-feira, 19h, Art 7

24 - no mundo de 2020No Mundo de 2020

(Soylent Green) de Richard Fleischer. EUA. 1973. 97min. Aventura, Ficção científica. Sem classificação. Com Charlton Heston, Edward G. Robinson, Leigh Taylor-Young.

Em 2022, Robert Thorn investiga o assassinato de um executivo cuja companhia produz uma comida sintética nutritiva. Mas, no processo de rastrear o assassino, Thorn desvenda várias informações chocantes sobre os ingredientes do produto.

 

Dia 25, quinta-feira, 19h, Estreia

25 - mirarMirar

de Alejandro P. D. Medina. Bolívia. 2014. 90 min. Drama. Sem classificação.

Bolívia, final dos anos 80: um menino de nove anos vive num equilíbrio delicado entre tristeza e alegria. Seu mundo é feito de pequenos eventos, dentre os quais a chuva é o mais adorado e misterioso.

 

Dia 26, sexta-feira, 19h, Dois Dias de Psicose

26 - a permanenciaPsicose

(Psycho) de Alfred Hitchcock. EUA. 1960. 109 min. Terror, crime. 14 anos. Com Anthony Perkins, Janet Leigh, Vera Miles.

Secretária impulsivamente rouba dinheiro de um cliente de seu chefe e terá que lidar com as consequências.

 

Dia 27, sábado, 15h, Dois Dias de Psicose

27 - psicosePsicose

(Psycho) de Gus Van Sant. EUA. 1998. 109 min. Terror, crime. 14 anos. Com  Vince Vaughn, Anne Heche, Julianne Moore.

Jovem foge com dinheiro de um cliente de seu chefe e se esconde num motel à beira da estrada.

Comentarista: Mauro Pommer – Jornalista pela PUC-MG, Mestre em Filosofia pela UFMG, Doutor em Cinema pela Universidade de Paris 1 – Sorbonne. Lecionou Jornalismo, depois Cinema na UFSC até 2013.

 

Dia 29, segunda-feira, Festival de Cinema Europeu

17h

29 - hannah arendtHannah Arendt

de Margarethe von Trotta. Alemanha.  2012. 112 min. Drama, Biografia. 12 anos.

A história da filósofa e cientista política Hannah Arendt, especificamente sua cobertura sobre o julgamento do oficial nazista Adolf Eichmann na Nova Iorque da década de 50.

19h

29 - belleville babyBelleville Baby

de Mia Engberg. Suécia. 2013. 75 min. Drama. 15 anos.

Um amante do passado liga para uma diretora de cinema e diz a ela que passou vários anos na prisão. Com isso ela se recorda de diversas lembranças, inclusive do dia em que ele desapareceu.

 

Dia 30, terça-feira, Festival de Cinema Europeu

17h

30 - menino na ponteO Menino na Ponte

(Boy on the Bridge) de Petros Charalambous. Chipre. 2016. 85 min. Drama. Sem classificação.

Sócrates, de doze anos, passa os dias em sua bicicleta pelas ruas de sua vila, brincando e atormentando os residentes locais. Sua vida despreocupada chega ao fim quando descobre que sua tia e primo sofrem violência doméstica por parte de seu tio.

19h

30 - panicoPânico

(Panika) de Barbara Zemljič. Eslovênia. 2013. 103 min. Drama, comédia. 15 anos.

Vera, uma quarentona reprimida, entediada e presa em sua rotina, torna-se obcecada com a ideia de que nunca mais vai se apaixonar. Ao ler a sua sorte na borra de uma xícara de café ela descobre que sua vida irá mudar repentinamente.

 

Dia 31, quarta-feira, Festival de Cinema Europeu

17h

31 - tigres na cidadeTigres na Cidade

(Tigre v meste) de Juraj Krasnohorský. Eslováquia. 2012. 100 min. Comédia, drama. 16 anos.

Uma tentativa de retratar aqueles que estão na faixa dos trinta anos e começam a ver a vida de uma forma séria.

 

 

19h

31 - marie kroyerMarie Krøyer

de Bille August. Dinamarca. 2012. 103 min. Drama, romance.

Marie Krøyer foi pintora, casada com o também pintor dinamarquês P.S. Krøyer. No auge do seu casamento, a doença mental dele fica cada vez mais grave e Marie tem de se dividir entre os cuidados com a família e a arte.

 

Abril

 

Dia 3, segunda-feira, 19h, Estreia

03 - pegadaA Pegada

de Coletivo Filmes. Brasil. 2017. 8 min. Livre. Ação, drama. Com Mc Gra, Eliane Dias e Roberta Estrela D’Alva.

Grupo de mulheres se une para acabar com um esquema de exploração infantil e salvar o projeto social de sua comunidade.

Haverá debate com a artista Mc Gra.

 

Dia 4, terça-feira, 19h, Imagens do Desejo

4 - abrigoO Abrigo

(Take Shelter) de Jeff Nichols. EUA. 2011. 121 min. Drama. 12 anos. Com Michael Shannon, Jessica Chastain, Tova Stewart.

Homem que vive em pequena cidade de Ohio, onde é fácil perceber uma tempestade chegando, começa a ser atormentado por uma série de visões apocalípticas e não sabe se deve proteger sua família daquilo que se aproxima ou dele mesmo.

Comentarista: Alana D. Fantin, psicóloga e psicanalista, mestre em psicologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), onde realizou pesquisa sobre a temática da clínica psicanalítica da psicose.

 

Dia 5, quarta-feira, 19h, Art 7


5 - face ocultaA Face Oculta

(One Eyed Jacks) de Marlon Brando. EUA. 1961. 141min. Drama. Sem classificação. Com Marlon Brando, Karl Malden, Slim Pickens

Rio é um líder de uma quadrilha de ladrões. O seu mentor, Dad Longworth, o trai e ele decide se vingar. Mas tudo pode dar errado, pois Rio se apaixona pela enteada de Dad.

 

Dia 6, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

6poptransPoptrans

(Webdocumentário Poptrans) de Renato Oliveira. Brasil. 2017. 40 min. Documentário. Livre. Com Eric Seger, Gloria Crystal, Cristiany Beatriz.

Seis pessoas trans e travestis relatam suas experiências, a relação com a transformação em seu corpo e o enfrentamento ao preconceito.

Comentaristas: Lirous K´yo Fonseca Ávila, presidente da ADEH e artista; Christian Mariano, ACONTECE Arte e Política LGBT, educador socioambiental; Mediação: Renato Acosta, ETC e Coletivo Peabiru Teatro.

 

Dia 7, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

7 - três homens noite friaTrês Homens e uma Noite Fria

(Kolme Viisasta Miestä) de Mika Kaurismäki. Finlândia. 2008. 110 min. Drama. 12 anos. Com Irina Björklund, Kari Heiskanen, Pertti Sveholm.

Longe de suas famílias, três amigos se reúnem num bar para afogar as mágoas em plena véspera de Natal.

Comentarista: Michele Brofman, psicóloga, membro do Fórum do Campo Lacaniano de Florianópolis (em formação).

 

Dia 10, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema

10 - um punhado de bravosUm Punhado de Bravos

(Objective, Burma!) de Raoul Walsh. EUA. 1945. 142 min. Guerra, drama. 12 anos. Com Errol Flynn, James Brown, William Prince.

Tropa de paraquedistas americanos é designada para destruir base japonesa no sul da ásia. O ataque é um sucesso, mas retornar para casa se revela um missão mais difícil.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 11, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

11 - amargo reencontroAmargo Reencontro

(Big Wednesday) de John Millius. EUA. 1978. 120 min. Drama. Sem classificação. Com Jan-Michael Vincent, William Katt, Gary Busey.

A vida de três amigo surfistas ao longo da década de 60 e começo de 70, passando pelos suas amizades, relacionamentos e o impacto da Guerra do Vietnã.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 12, quarta-feira, 19h, Art 7

12 - pagador de promessasO Pagador de Promessas

de Anselmo Duarte. Brasil. 1962. 97min. Drama. Sem classificação. Com Leonardo Villar, Glória Menezes, Dionísio Azevedo

Zé do Burro é um homem humilde que enfrenta a intransigência da Igreja ao tentar cumprir a promessa feita em um terreiro de candomblé de carregar uma pesada cruz de madeira por um longo percurso.

 

Dia 13, quinta-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

13Ascensor para o Cadafalso

(Ascenseur pour l’échafaud) de Louis Malle. França. 1958. 91 min. Drama, Crime. Sem classificação. Com Jeanne Moreau, Maurice Ronet, Georges Poujouly.

Homem leva a cabo o assassinato de seu chefe com a ajuda da esposa dele, que é também sua amante. Ao retornar ao local do crime para buscar um objeto esquecido, ele fica preso no elevador do prédio.

 

Dia 17, segunda-feira, 19h, Cine Africano

17 - bye bye Áfrca.Bye Bye Africa

de Mahamet-Saleh Haroun. Chade. 1998. 86 min. Documentário, drama. 16 anos. Com Aïcha Yelena, Garba Issa, Mahamet-Saleh Haroun.

Após a morte de sua mãe, cineasta que mora na França retorna para o Chade e se choca com o estado lamentável em que seu país se encontra, assim como sua indústria cinematográfica. Decide, então, dirigir um filme em homenagem à sua mãe, “Bye Bye Africa”.

 

Dia 18, terça-feira, 19h, Os Fundamentos da Democracia


18 - a mocidade de lincolnA Mocidade de Lincoln

(Young Mr. Lincoln) de John Ford. EUA. 1939. 100 min. Drama, biografia. Sem classificação. Com Henry Fonda, Alice Brady, Marjorie Weaver.

A juventude de Abraham Lincoln enquanto atuava como advogado, no momento em que enfrenta um difícil caso.

 

Dia 19, quarta-feira, 19h, Art 7

19Ouro de Nápoles

(L’Oro di Napoli) de Vittorio De Sica. Itália. 1954. 131 min. Comédia. Sem classificação. Com Silvana Mangano, Totó, Sophia Loren

Seis histórias incomuns descrevem um pouco a cidade de Nápoles.

 

Dia 20, quinta-feira, 19h, As Diretoras Apresentam

20 - mãesMães – A boa mãe (Episódio 1)
de Daniela Geisler e Tamar Georg Bender. Brasil. 2016. 28min. Documentário. Livre. Com Flora Bazzo,  Natália Pinheiro e Patrícia Azzolini.
Através de um mergulho na experiência de diversas mulheres, a série MÃES questiona a romantização da maternidade.  

20 - SUPERSuper

De Lara Koer e Leonardo Gatt. Brasil. 2017. 18min. Ação, Comédia.12 anos. Com Giulia Pamina, T. Alvez, Bubah Machado e Bárbara Martins.

SUPER é uma micro-websérie que narra a trajetória de jovens mulheres que descobrem ter poderes e que não estão sozinhas.

Haverá debate com a presença das realizadoras: Daniela Geisler, formada em Cinema pela UFSC, dirigiu dois curtas de ficção vencedores de editais; Tamar Bender, formada em Cinema pela UFSC, trabalhou como editora na microssérie da RBS Joinville do Alto; Lara Koer, Maria Fernanda Bin, Carol Mariga e Viviane Mayumi, criadoras da websérie SUPER e sócias na produtora cultural Calamavina Movimento Criativo.

 

Dia 24, segunda-feira, 19h, Estreia

24 - clarice batailleO casamento de Clarice e Bataille

de Aline Dias e Julia Amaral. Brasil. 2017. 58 min. Ficção. Livre. Com Jo Willerding e Emil Blisset

O cotidiano cuidadosamente construído de um casal é atravessado por elementos dissonantes, explorando os silêncios e (não)encontros no plano fílmico.

Haverá debate com as realizadoras: Aline Dias, artista e pesquisadora, professora adjunta da UFES; Julia Amaral, artista e professora substituta da UDESC.

 

Dia 25, terça-feira, 19h, Médicos sem Fronteiras


25 - fogo nas veiasFogo nas Veias

(Fire in the Blood) de Dylan Mohan Gray. Índia. 2012. 84 min. Documentário. Sem classificação. Com William Hurt, Zackie Achmat, Edwin Cameron.

Em 1996, o surgimento dos medicamentos antirretrovirais mudou radicalmente a perspectiva das pessoas com o vírus da aids. Para milhões de doentes na África, no entanto, esses medicamentos continuaram fora de alcance devido aos altos valores impostos pela indústria farmacêutica. Bill Clinton e Desmond Tutu, entre outros entrevistados, mostram como se deu a luta para superar o monopólio criado pela indústria de remédios.

Comentarista: Renato Souza, formado em Enfermagem e Obstetrícia, trabalhou com Médicos Sem Fronteiras em 13 ocasiões, em países como Moçambique e Sudão do Sul, entre outros.

 

Dia 26, quarta-feira, 19h, Art 7

26 - perversa paixãoPerversa Paixão

(Play Misty for Me) de Clint Eastwood. EUA. 1971. 102min. Suspense. Sem classificação. Com Clint Eastwood, Jessica Walter, Donna Mills

Homem começa a ser perseguido por mulher psicótica com quem teve um rápido caso numa noite.

 

Dia 27, quinta-feira, 19h, Cinema ao Vivo

27 - velho e novoVelho e Novo

(Staroye i Novoye) de Sergei Eisenstein. URSS. 1929. 131 min. Drama. Sem classificação. Com Marfa Lapkina, M. Ivanin, Konstantin Vasilyev.

Camponesa pobre e sem recursos transforma o modo de plantação em suas terras e nas de seus vizinhos através da agricultura cooperativa, revolucionando a produção e as vidas nessas fazendas.

Comentarista: Rafael N. Coelho, graduado em Cinema (UFSC), sua pesquisa de mestrado em Literatura (UFSC) é sobre a imagem e a montagem, estudando principalmente Eisenstein.

Músico convidado: Luiz Felipe G. Soares é professor do Curso de Graduação em Cinema e do Programa de Pós-Graduação em Literatura da UFSC.

 

Dia 28, sexta-feira, 19h, Psicanálise Vai ao Cinema

28 - tudo sobre mãeTudo sobre minha mãe

(Todo sobre mi madre) de Pedro Almodóvar. Espanha, França. 1999. 101min. Drama. 14 anos. Com Cecilia Roth, Marisa Paredes, Penélope Cruz.

Manuela, Rosa, Huma e Agrado apresentam arranjos familiares não tradicionais atravessados pelo acaso e pelo amor, próprios do encontro.

 

Março

 

Dia 1, quarta-feira, 19h, Art 7

1 - a morte cansadaA Morte Cansada

(Der müde Tod) de Fritz Lang. Alemanha. 1921. 105min. Drama/Fantasia. Sem classificação. Com  Lil Dagover, Bernhard Goetzke, Rudolf Klein-Rogge.

Vidas humanas são representadas por uma vela, a Morte dá a uma mulher três chances de salvar seu amado e provar que o amor realmente triunfa sobre a morte.

 

Dia 2, quinta-feira, 19h, Cine Africano

Delwende, lve-toi et marche Delwende 2005 Real : S.Pierre Yameogo Blandine Yameogo COLLECTION CHRISTOPHEL

Delwende, lve-toi et marche
Delwende
2005
Real : S.Pierre Yameogo
Blandine Yameogo
COLLECTION CHRISTOPHEL

Levante-se e Ande

(Delwende) de S. Pierre Yameogo. Burkina Faso, França. 2005. 96min. Drama. 16 anos. Com Blandine Yaméogo, Claire Ilboudo e Célestin Zongo.

O que era um surto de meningite, que trouxe a morte a muitas pessoas de uma aldeia, transforma-se literalmente numa caça às bruxas. De acordo com as tradições, um “siongho” apontará quem é o culpado, ou quase sempre culpada, pela desgraça que ocorre.

 

 

Dia 3, sexta feira, 19h, Mestres Japoneses

3 - nuvens dispersas

Nuvens Dispersas

(Midaregumo) de Mikio Naruse. Japão. 1967. 108 min. Drama. Sem classificação. Com Yûzô Kayama, Yôko Tsukasa, Mitsuko Kusabue.

De volta ao Japão após a 2ª Guerra, mulher retoma o romance que teve com um homem que conheceu na Indochina. Entretanto, agora ele tem uma esposa que não está disposto a abandonar.

 

Dia 6, segunda-feira, 19h, Mestres Japoneses

06 - rotina tem seu encantoA Rotina Tem seu Encanto

(Sanma no aji) de Yasujiro Ozu. Japão. 1962. 112 min. Drama. Sem clasificação. Com Chishû Ryû, Shima Iwashita, Keiji Sada.

Viúvo de meia-idade buscar arranjar o casamento de sua filha mais velha para que ela não precise ficar cuidando dele.

 

Dia 7, terça feira, 19h, Mestres Japoneses

7 - a rotina tem seu encantoA Rua da Vergonha

(Akasen chitai) de Kenji Mizoguchi. Japão. 1956. 87 min. Drama. Sem classificação. Com Machiko Kyô, Aiko Mimasu, Ayako Wakao.

As histórias, sonhos e dramas  de cinco prostitutas de um bordel em Tóquio, enquanto o governo japonês discute a criminalização da prostituição.

 

Dia 8, quarta-feira, 19h, Art7

8 - mM – O Vampiro de Düsseldorf

(M – Eine Stadt sucht einen Mörder) de Fritz Lang. Alemanha. 1931. 117min. Suspense. Sem classificação. Com Peter Lorre, Otto Wernicke, Gustaf Gründgens.

Marginais de uma cidade alemã se unem para caçar um assassino de crianças procurado pela polícia. Capturado, ele é julgado por um tribunal de criminosos e acusado de ter quebrado a ética do submundo.

 

Dia 9, quinta-feira, 19h, Cine Imagens Políticas

9 - limiaresLimiares: com Anderson João Gonçalves

de Sandra Meyer. Brasil. 2013. 56 min. Documentário. 12 anos. Com Anderson João Gonçalves.

A visão de mundo e experiências de Anderson (1964-2010) por meio de uma narrativa conduzida pelo próprio artista em último depoimento. Por meio de um discurso falado e dançado, ora delicado, ora contundente, o bailarino revela sua inventividade.

Comentaristas: Sandra Meyer – professora da UDESC e bailarina; Lucas Viapiana – Coletivo Imagens Políticas.

 

 

 

Dia 10, sexta-feira, 19h, Sessão Divã

10 - stellaStella

De Sylvie Verheyde. França. 2008. 103min. Comédia dramática. 16 anos. Com Karole Rocher, Benjamin Biolay e Guillaume Depardieu.

Stella é uma jovem de 11 anos, recém admitida em uma famosa escola da cidade, onde conhece Gladys, filha de um judeu intelectual. Essa amizade a fará conhecer um mundo novo.

Comentaristas: Michele  Olinger Brofman e Leojorge Panegalli da Rocha, psicanalistas membros do Fórum do Campo Lacaniano de Florianópolis (em formação)

 

Dia 13, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema

13 - da nuvem a resistenciaDa Nuvem à Resistência

(Dalla Nube Alla Resistenza) de Jean Marie Straub e Danièle Huillet. Itália, Alemanha Ocidental, Reino Unido, França. 1977. 104min. Drama. Sem classificação. Com Olimpia Carlisi, Guido Lombardi e Gino Felici.

Filme em duas partes, as duas adaptadas de textos de Cesare Pavese, uma, sobre mitologia, e a outra sobre o retorno à casa após a segunda guerra mundial.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 14, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

dalilaSansão e Dalila

(Sanson and Delilah) de Cecil B. DeMille. EUA. 1949. 131min. Drama. Livre. Com Victor Mature, Hedy Lamarr e George Sanders.

Rejeitada por Sansão, homem mais forte do mundo, a bela Dalila jura vingança, com consequências desastrosas para ambos.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

Dia 15, quarta-feira, 19h, Art 7

15 - almas perversasAlmas Perversas

(Scarlet Street) de Fritz Lang. EUA. 1945. 103min. Drama. Sem classificação. Com Edward G. Robinson, Joan Bennett, Dan Duryea.

Um homem na crise da meia idade se aproxima de uma mulher mais nova, e o noivo dela a convence a enganá-lo de forma que ambos consigam um pouco da suposta fortuna dele.

 

Dia 16, quinta feira, 19h, Sessão Catarina


16 - caim e abelCaim e Abel

De Guilherme Pozzibon. Brasil. 2016. 79 min. Ficção. Livre. Com Diogo Vaz e Oto Henrique Pinto.

Gen, 4:8 E falou Caim com Abel, o seu irmão/E enquanto estavam no campo/Ergueu-se Caim sobre Abel, o seu irmão/e o matou.

Haverá debate com a presença dos realizadores.

 

Dia 17, sexta-feira, 19h, Psicanálise Vai ao Cinema

17 - eu matei minha maeEu Matei Minha Mãe

(J’ai tué ma mère) de Xavier Dolan. Canadá. 2010. 100min. Drama. 14 anos. Com Xavier Dolan, Anne Dorval e Suzanne Clément.

Marcado pelos afetos ambivalentes que nutre por sua mãe, Hubert, de 17 anos, experimenta os impasses da adolescência.

Comentarista: Renata Dabori, psicanalista e participante da EBP/SC.

Dia 20, segunda feira, 19h, Cine Aliança Francesa

20 - obrigado patraoObrigado, Patrão!

(Merci patron!) de François Ruffin. França. 2016. 93 min. Documentário. Livre.

Casal perde o emprego quando a fábrica em que trabalham se muda para a Polônia. Endividados, correm o risco de perder sua casa, mas quando o fundador do jornal Fakir bate em sua porta, a esperança da salvação surge

 

Dia 21, terça feira, 19h, Sessão Curtas

Quando os Diretores Vão à Guerra!

bon voyageBon Voyage

De Alfred Hitchcock. Reino Unido. 1944. 26min. Guerra. Sem classificação. Com John Blythe.

Oficial da RAF narra como conseguiu escapar das linhas inimigas.

 

 

 

a cara do fuherA face do Führer

(Der fuehrer’s face) de Jack Kinney. EUA. 1943. Animação. 8min. Sem classificação. Com Clerence Nash.

Pato Donald é um cidadão ativo na Alemanha nazista: será que ele enlouqueceu?

 

batalha de midwayA batalha de Midway

(The battle of Midway) de John Ford. EUA. 1942. 18min. Documentário. Sem classificação.

O ataque japonês em Midway, filmado enquanto ocorria.  

 

 

 

Dia 22, quarta-feira, 19h, Art 7

22 - maldiçaoMaldição

(House by the River) de Fritz Lang. EUA. 1950. 98min. Suspense. Sem classificação. Com Louis Hayward, Jane Wyatt, Lee Bowman.

Escritor fracassado tenta seduzir a empregada da família e a estrangula depois de ela o ter rejeitado. Para se livrar do crime, tentará envolver o irmão para encobrir o crime e construir seu álibi.

 

Dia 24, sexta-feira, 19h, Cinema, Chá e Cultura


24- as horas
As Horas

(The Hours) de Stephen Daldry. Inglaterra, EUA. 2002. 114 min. Drama. 16 anos. Com Nicole Kidman, Julianne Moore, Meryl Streep.

Três mulheres em diferentes épocas têm suas vidas conectadas de alguma forma através do livro Mrs Dalloway.

Comentarista: Leon de Paula, Doutor em teatro, também atua como diretor e, desde 1997, é ator da companhia “Teatro, Sim… Por Quê Não?”.

 

Dia 27, segunda-feira, 19h, Estreia

27 - atingidos somos nósAtingidos Somos Nós

de Carmem Regina Giongo. Brasil. 2017. 38 min. Documentário. Livre.

As histórias de vida e os impactos socioambientais produzidos pela construção da Hidrelétrica de Itá, entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A hidrelétrica entrou em operação em 2000 e atingiu cerca de 3500 famílias, das quais muitas foram reassentadas, mas grande parte permaneceu nas comunidades rurais atingidas.

Haverá debate com a presença da diretora Carmem Regina Giongo, psicóloga, mestre em psicologia, doutora em psicologia social e institucional, professora na universidade Feevale e pesquisadora do Núcleo de Estudos em Saúde e Trabalho (NEST) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

 

Dia 28, terça-feira, 19h, CineSesc

28 - jornada ao oesteJornada ao Oeste

(Xi You) de Ming-Liang Tsai. França. 2014. 56 min. Drama. Livre. Com Kang-Sheng Lee, Denis Lavant.

Retoma o personagem apresentado do filme “Walker”, um monge budista que caminha extremamente devagar em meditação pelas ruas de Marselha. Em certo momento, um seguidor começa a acompanhá-lo.

 

Dia 29, quarta-feira, 19h, Art 7

29 - os corruptosOs Corruptos

(The Big Heat) de Fritz Lang. EUA. 1953. 89min. Suspense. Sem classificação. Com Glenn Ford, Gloria Grahame, Lee Marvin.

O suicídio de um colega coloca o sargento Bannion num caso de corrupção que ameaça sua carreira e a segurança dele e de sua família: sua esposa e uma filha pequena.

 

Dia 30, quinta-feira, 19h, ABERTURA DE EXPOSIÇÃO

Não haverá sessão no cineclube.

 

Dia 31, sexta-feira, 19h, O Filme que Eu Gostaria de Ter Feito

31 - a hora da estrelaA Hora da Estrela

de Suzana Amaral. Brasil. 1985. 96 min. Drama. 12 anos. Com Marcélia Cartaxo, José Dumont, Tamara Taxman.

Jovem nordestina se muda para a cidade grande, onde vive uma vida sem entusiasmo trabalhando como datilógrafa. Um relacionamento com outro migrante do interior muda o seu cotidiano, mas o romance não dura muito tempo.

Comentarista: Alessandra Brandão – professora do curso de cinema da UFSC e vice-presidente da Socine – Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual.

Fevereiro

 

Dia 1, quarta-feira, 19h, Art 7

1 - boa noite boa sorteBoa Noite e Boa Sorte

(Good Night, and Good Luck) de George Clooney. EUA. 2006. 93min. Drama, Histórico. Sem classificação. Com David Strathairn, George Clooney e Robert Downey Jr. Ciclo: Imprensa

Âncora de TV, em plena era do macarthismo, luta para mostrar em seu jornal os dois lados da questão. Ele revela as táticas e mentiras usadas por Joseph McCarthy em sua caça aos supostos comunistas, iniciando um confronto público que trará consequências à recém-implantada TV nos Estados Unidos.

 

Dia 2, quinta-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

2 - bodybuilderBodybuilder

de Roschdy Zem. França. 2014. 100 min. Drama. Livre. Com Marina Foïs, Vincent Rottiers e Yolin François Gauvin.

Jovem envolvido em pequenas gangues, após entrar em conflito com o chefe de uma destas, é obrigado a fugir. Ele vai para a casa de seu pai, um fisiculturista com quem não tem contato algum há muitos anos.

 

Dia 3, sexta-feira, 19h,

3 - meu amigo totoroMeu Amigo Totoro

(Tonari no Totoro) de Hayao Miyazaki. Japão. 1988. Animação. Livre. Com Hitoshi Takagi, Noriko Hidaka, Chika Sakamoto.

Quando duas irmãs se mudam para uma casa de campo com seu pai, a última coisa que elas esperavam era que a floresta em torno fosse habitada por criaturas mágicas, entre elas, o amigável e fofo Totoro.

 

Dia 6, segunda-feira, 19h, Vida de Artista

6 - a ponte das artesA Ponte das Artes

(Le Pont des Arts) de Eugène Green. França. 2004. 126 min. Drama. Sem classificação. Com Adrien Michaux, Natacha Régnier e Alexis Loret.

A vida de dois personagens se cruza de maneira enviesada: uma cantora lírica talentosa entra em crise ao sofrer constantes críticas do maestro do seu grupo musical; enquanto isso, um estudante de filosofia perde cada vez mais o interesse pelo seu objeto de estudo e busca apenas o prazer da música e da literatura.

 

Dia 7, terça-feira, 19h, CineSesc

7 - caverna dos sonhos esquecidosA Caverna dos Sonhos Esquecidos

(Cave of Forgotten Dreams) de Werner Herzog. Canadá, EUA, França, Alemanha, Reino Unido. 2010. 90 min. Documentário. Livre. Com Werner Herzog, Jean Clottes e Julien Monney.

A Caverna de Chauvet, sul da França, reúne as mais antigas criações pictóricas da humanidade. O diretor obteve acesso exclusivo para filmar dentro da caverna e revelar pinturas intocadas, suscitando questões sobre a humanidade e seu desejo de comunicação.

 

Dia 8, quarta-feira, 19h, Art 7

8 - embriaguez do sucessoA Embriaguez do Sucesso

(Sweet Smell Of Success) de Alexander Mackendrick. EUA. 1957. 96min. Drama. 12 anos. Com Burt Lancaster, Tony Curtis e Martin Milner. Ciclo: Imprensa

Influente colunista de Nova York deseja impedir o casamento de sua irmã com um músico. Para isso, convence um inescrupuloso assessor de imprensa a destruir o relacionamento da jovem.

 

Dia 9, quinta-feira, 19h, Cinema Brasileiro Antes e Depois

9 - serras da desordemSerras da Desordem

De Andrea Tonacci. Brasil. 2006. 135 min. Documentário. 12 anos.

Mistura de documentário e reencenação da vida de Carapirú, índio nômade que escapa de um ataque de fazendeiros nos anos 70. Depois de andar sozinho por anos, é capturado a 2 mil quilômetros de seu ponto de partida e vira centro de uma polêmica entre antropólogos e linguistas quanto a sua origem e identidade.

 

Dia 10, sexta-feira, 19h, Cinema Brasileiro Antes e Depois

10 - cabra marcadoCabra Marcado pra Morrer

de Eduardo Coutinho. Brasil. 1984. 119 min. Documentário. 12 anos. Com Eduardo Coutinho, Tite de Lemos e Ferreira Gullar.

Reconstrução da vida de João Pedro Teixeira, líder camponês da Paraíba assassinado em 1962, ocasião em que o filme começa a ser feito. Em razão do golpe de 64, as filmagens são interrompidas e retomadas 17 anos depois, com a ajuda da viúva, dos filhos de João e dos camponeses que estavam nas primeiras filmagens.

 

Dia 13, segunda-feira, 19h, Cine Africano

13 - o colar perdido da pombaO Colar Perdido da Pomba

(Tawk al Hamama al Mafkoud) de Nacer Khemir. França, Tunísia. 1991. 87 min. Fantasia. 16 anos. Com Navin Chowdhry, Walid Arakji e Ninar Esber.

Estudante de caligrafia árabe encontra fragmento de manuscrito e sai em busca de peças, acreditando que elas os levarão aos segredos do amor. Ele encontra a Princesa de Samarkand e descobre que uma vida inteira não será suficiente para desvendar as reais dimensões do amor.

 

Dia 14, terça-feira, 19h, Sessão Catarina

14 - ilhadosIlhados: Cuba e Estados Unidos, do Bloqueio à Reaproximação

de Michele de Mello. Cuba, Brasil. 2016. 40 min. Documentário. Livre. Com Jorge Bolaños, Juana Carrasco e Omar Everleny.

Três famílias cubanas contam a história da relação política entre a ilha e os EUA, desde 1962 até a retomada de relações diplomáticas, em 2014.

Haverá debate com a presença da diretora: Michele de Mello – jornalista pela UFSC, estudou jornalismo em Cuba por 6 meses, quando gravou este documentário que foi seu trabalho de conclusão de curso.

 

Dia 15, quarta-feira, 19h, Art 7

15 - profissao reporterProfissão: Repórter

(Professione: reporter) de Michelangelo Antonioni. França, Espanha e Itália. 1975. 125min. Suspense, Drama. Sem classificação. Com Jack Nicholson, Maria Schneider e Jenny Runacre. Ciclo: Imprensa

Jornalista em viagem ao Saara conhece um homem muito parecido com ele que morre repentinamente. Querendo livrar-se dos seus problemas e mudar sua vida, David resolve assumir a identidade do falecido.

 

Dia 16, sexta-feira, 19h, Cinema Brasileiro Antes e Depois

16 - avanti popoloAvanti Popolo

de Michael Warmann. Brasil. 2012. 72 min. Drama. 12 anos. Com André Gatti, Carlos Reichenbach e Eduardo Valente.

Homem encontra uma série de películas Super 8mm, filmadas por seu irmão durante a ditadura militar dos anos 1970. Com estas imagens, ele se lembra das histórias vividas por seu pai, um homem que até hoje espera pelo filho, desaparecido há mais de 30 anos.

 

Dia 17, sexta-feira, 19h, Cinema Brasileiro Antes e Depois

17 - sao paulo saSão Paulo, Sociedade Anônima

de Luis Sérgio Person. Brasil. 1965. 107 min. Drama. 12 anos. Com Walmor Chagas, Eva Wilma e Ana Esmeralda.

No contexto de desenvolvimento econômico graças à indústria de automóveis, jovem aproveita para subir de vida e formar uma família, mas segue permanentemente insatisfeito.

 

Dia 20, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema


20 mediterraneo
Mediterrâneo

(Méditerranée) de Jean-Daniel Pollet. França. 1963. 44 min. Filme-ensaio. Sem classificação.

Experimento com texto e imagem: planos soltos pela bacia do Mediterrâneo intercalados com uma narração em forma de comentário, construindo uma conexão entre presente e passado, além de meditações sobre a ação irreversível do tempo.


20 - homem que luta soO Homem que Luta Só

(Ride Lonesome) de Budd Boetticher. EUA. 1959. 73 min. Faroeste. Sem classificação. Com Randolph Scott, Karen Steele e Pernell Roberts.

Caçador de recompensas captura o irmão do chefe de uma quadrilha. Rumando a Santa Cruz, ele cruza com dois fora-da-lei e uma mulher.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 21, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

21 bassaeBassae

de Jean-Daniel Pollet. França.1964. 9 min. Filme-ensaio. Sem classificação.

As estruturas de um pequeno templo perdido no meio de um vale acompanhadas por um texto que introduz a ideia da permanência e da eternidade prevalecendo sobre a presença da destruição material e as ruínas do tempo.

 

21 - cavalgada tragicaCavalgada Trágica

(Comanche Station) de Budd Boetticher. EUA.1960. 74 min. Faroeste. Sem classificação. Com Randolph Scott, Nancy Gates e Claude Akins.

Forasteiro resgata uma mulher raptada por índios e leva-a de volta a seu marido. No caminho, eles são abordado por um fora-da-lei que deseja se unir a ele por causa da quantia oferecida como recompensa pelo resgate da mulher.

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 22, quarta-feira, 19h, Art 7

22 - a primeira paginaA Primeira Página

(The Front Page) de Billy Wilder. EUA. 1975. 105min. Comédia. Livre. Com Jack Lemmon, Walter Matthau e Susan Sarandon. Ciclo: Imprensa

Quando o principal repórter do jornal de Chicago resolve deixar o trabalho para poder se casar, seu implacável editor-chefe o obriga a cobrir o enforcamento de um assassino. Só que o preso escapa e vai se refugiar justamente na redação do jornal.

 

Dia 23, quinta-feira, 19h, Cinema Brasileiro Antes e Depois

23 - branco sai preto ficaBranco Sai, Preto Fica

de Adirley Queirós. Brasil. 2014. 90 min. Drama. 12 anos. Com Marquim do Tropa, Shockito e Dilmar Durães.

Tiros em um baile de black music na periferia de Brasília ferem dois homens, que ficam marcados para sempre. Um terceiro vem do futuro para investigar o acontecido e provar que a culpa é da sociedade repressiva.

 

Dia 24, sexta-feira, 19h, Cinema Brasileiro Antes e Depois

24 - alma corsariaAlma Corsária

de Carlos Reichenbach. Brasil. 1993. 112 min. Drama. 16 anos. Com Bertrand Duarte, Jandir Ferrari e Andrea Richa.

Dois poetas e amigos de infância lançam um livro numa pastelaria do centro de São Paulo e convidam a mais variada fauna humana para o evento, incluindo um suicida em potencial, cafetões, prostitutas e desocupados.

 

Janeiro

 

Dia 9, segunda-feira, 19h, Vida de Artista

09-cronica-de-anna-magdalena-bachCrônica de Anna Magdalena Bach

(Chronik der Anna Magdalena Bach) de Danièle Huillet e Jean-Marie Straub. Alemanha Ocidental, Itália. 1968. 94 min. Biografia. Sem classificação. Com Gustav Leonhardt, Christiane Lang e Paolo Carlini.

A vida de Johann Sebastian Bach narrada por sua segunda esposa, com diversos excertos de suas obras.

 

Dia 10, terça-feira, 19h, Cine Alemão

10-todos-os-outrosTodos os Outros

(Alle Anderen) de Maren Ade. Alemanha. 2009. 124 min. Drama. Sem classificação. Com Birgit Minichmayr, Lars Eidinger e Nicole Marischka.

Durante férias na Sardenha, dois jovens  fazem amizade com outro casal, o que os faz perceber questões mal-resolvidas de seu relacionamento.

 

Dia 11, quarta-feira, 19h, Art 7

11-investigacao-sobre-um-cidadao-acima-de-qualquer-suspeitaInvestigação sobre um Cidadão Acima de Qualquer Suspeita

(Indagine su un cittadino al di sopra di ogni sospetto) de Elio Petri. EUA. 1970. 112min. Drama, policial. 14 anos. Com Gian Maria Volonte, Florinda Bolkan e Massimo Foschi. Ciclo: Cinema Político.

Inspetor com fama de incorruptível mata a amante e testa se a polícia irá incriminá-lo, deixando pistas óbvias.

 

Dia 12, quinta-feira, 19h, Cine Aliança Francesa

12-o-batedor-de-carteirasO Batedor de Carteiras

(Pickpocket) de Robert Bresson. França. 1959. 75 min. Drama. Sem classificação. Com  Martin LaSalle, Marika Green e Jean Pélégri.

Jovem começa a realizar pequenos furtos para sobreviver e acaba por tornar-se um exímio batedor de carteiras. Seu talento lhe incentiva a desafiar a inteligência da polícia.

 

Dia 13, sexta-feira, 19h, Estreia

13-involucroInvólucro

de Caroline Oliveira. Brasil. 2015. 63 min. Documentário. 14 anos. Com Carol, Dudha, Astrid e Izabella.

Durante sua primeira gravidez, a diretora entrevista diferentes mulheres que optaram por não ter filhos.

Comentaristas: Adriane Canan –  formada em jornalismo e com mestrado em literatura pela UFSC. Trabalha em documentário em temas ligados às mulheres. O último documentário “Arpilleras: bordando a resistência”. trata de histórias de mulheres atingidas por barragens de todo o país; Paula Guimarães – Jornalista e idealizadora do Portal Catarinas. Gerencia o portal e faz coberturas jornalísticas sobre gênero, feminismos e direitos das mulheres.

 

Dia 16, segunda-feira, 19h, Vida de Artista

16-retrato-de-jennieO Retrato de Jennie

(Portrait of Jennie) de William Dieterle. EUA. 1948. 86 min. Drama, Romance. Sem classificaçã. Com Jennifer Jones, Joseph Cotten e Ethel Barrymore.

Artista conhece ao acaso uma misteriosa mulher que irá inspirar seu trabalho, mas ela lhe permanece inacessível.

 

Dia 17, terça-feira, 19h, Sessão Curtas

17-cidades-latinoamericanasCidades Latino-americanas

Valparaíso

(…A Valparaiso) de Joris Ivens. Chile, França. 1964. 28 min. Documentário. Sem classificação.

Descreve a cidade de Valparaíso, Chile, cujas escadas e funiculares marcam a geografia íngreme.

Brasília, Contradições de uma Cidade Nova

de Joaquim Pedro de Andrade. Brasil. 1968. 23 min. Documentário. Sem classificação.

Seis anos após a construção de Brasília, percebe-se o descompasso entre o ideal de seu projeto e o resultado real.

Saudações, Cubanos

(Salut les Cubains) de Agnès Varda. França, Cuba. 1963. 30 min. Documentário. Sem classificação. Com Michel Piccoli, Nelson Rodríguez e Agnès Varda.

Foto-montagem sobre a vida na capital cubana quatro anos após a Revolução.

Comentarista: Guilherme Llantada – Mestre em Urbanismo, História e Arquitetura da Cidade, professor do curso de Arquitetura da UNIVALI, fotógrafo de arquitetura.

 

Dia 18, quarta-feira, 19h, Art 7

18-sacco-e-vanzettiSacco e Vanzetti

(Sacco & Vanzetti) de Giuliano Montaldo. França, Itália. 1971. 120 min. Drama, policial, biografia. Sem classificação. Com Gian Maria Volonte, Cyril Cusac e Milo O’Shea. Ciclo: Cinema Político.

Julgamento de imigrantes italianos em Boston, por assassinato, ganha contornos políticos pela origem dos envolvidos.

 

Dia 19, quinta-feira, 19h, O Filme que Eu Gostaria de Ter Feito

19-anti-heroi-americanoAnti-Herói Americano

(American Splendor) de Shari Springer Berman. EUA. 2003. 101 min. Biografia, Drama. 14 anos. Com Paul Giamatti, Shari Springer Berman e Harvey Pekar.

Mistura entre ficção e realidade dramatiza a vida de Harvey Pekar, autor de histórias em quadrinhos .

 

Dia 20, sexta-feira, 19h, Estreia

15578391_1151093838342692_5341635863427347455_nTime Will Burn – O Rock Underground Brasileiro do Começo dos Anos 90

de Marko Panayotis e Otavio Sousa. Brasil. 2016. 80 min. Documentário. Livre. Com Banda Pin Ups, Fábio Massari e Gastão Moreira.

Um capítulo quase esquecido do rock brasileiro estrelado por Pin Ups, Killing Chainsaw e Second Come e que aconteceu entre o rock dos anos 80 (Titãs, Paralamas) e o da segunda metade dos 90 (Raimundos, Planet Hemp).

Comentaristas: Fabio Bianchini – banda Superbug e Cassim – bandas Magog, Bad Folks e Cassim & Barbária.

 

Dia 23, segunda-feira, 19h, Vida de Artista

23-van-goghVan Gogh

De Maurice Pialat. França. 1991. 158min. Drama. Sem classificação. Com Jacques Dutronc, Alexandra London e Bernard Le Coq.

Um exame da vida de Vincent Van Gogh, em seus últimos 67 dias de vida.

 

Dia 24, terça-feira, 19h, Cine Africano


24-andarilhos-do-deserto
Andarilhos do deserto

(El-haimoune) de Nacer Khemir. Tunísia, França. 1986. 95 min. Drama. 16 anos. Com Nacer Khemir, Soufiane Makni e Noureddine Kasbaoui.

Filme influenciado pelas histórias das Mil e Uma Noites: em uma escola no meio do deserto, figuras lendárias se materializam, crianças correm por labirintos, e o professor desaparece misteriosamente.

 

Dia 25, quarta-feira, 19h, Art 7

25A Classe Operária Vai ao Paraíso

(La Classe Operaia Va in Paradiso) de Elio Petri. Italia. 1971. 125 min. Drama. Sem classificação. Com Gian Maria Volonte, Mariangela Melato e Gino Pernice. Ciclo: Cinema Político

Operário exemplar que não participa de greves sindicais muda de postura ao sofrer acidente de trabalho.

 

Dia 26, quinta-feira, 19h, Foco em Cinema

26-testamento-mabuseO Testamento do Dr. Mabuse

(Das Testament des Dr. Mabuse) de Fritz Lang. Alemanha. 1933. 122 min. Crime, mistério. Sem classificação. Com Rudolf Klein-Rogge,  Otto Wernicke e Gustav Diessl.

Investigação policial leva a um único suspeito: um paciente preso em um hospital psiquiátrico.

Comentarista: Mauro PommerEx-professor do curso de Cinema da UFSC, jornalista, mestre em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e doutor em Cinema pela Universidade de Sorbonne (Paris).

 

Dia 27, sexta-feira, 19h, Foco em Cinema

27-1000-olhos-mabuseOs Mil Olhos do Dr. Mabuse

(Die 1000 Augen des Dr. Mabuse) de Fritz Lang. França, Itália, Alemanha Ocidental. 1960. 103 min. Crime, mistério. Sem classificação. Com Dawn Addams, Peter van Eyck e Gert Fröbe.

Fatos misteriosos, violentos e aleatórios parecem apontar apenas para uma coisa: teria o Dr Mabuse retornado dos mortos?

Comentarista: Bruno Andrade, Crítico e pesquisador. Colaborou para publicações nacionais e internacionais, em mídia impressa e online. Editor da Foco – Revista de Cinema.

 

Dia 30, segunda-feira, 19h, Vida de Artista

30-um-filme-para-nickUm Filme Para Nick

(Lightning Over Water) de Nicholas Ray, Wim Wenders. Suécia, Alemanha Ocidental. 1980. 91 min. Documentário. 12 anos. Com  Gerry Bamman, Ronee Blakley e Pierre Cottrell.

Nicholas Ray, grande diretor americano, deseja fazer um último filme antes de morrer. Acompanhamos o planejamento para as filmagens durante seus dias finais de vida.

Comentaristas: André Barcellos, Lucian Chaussard, Thiago Santana e Vitor Vianna, integrantes do podcast de cinema A Conversação – http://aconversacao.tumblr.com.

 

Dia 31, terça-feira, 19h, Sessão Catarina

31-sessao-catarinaO Mundo da Nóia – por trás da pedra a realidade que ninguém vê

de Vinícius Billy e Luiz F. F. Machado. Brasil. 2016. 37 min. Documentário. Sem classificação.

A o consumo de crack no município de Laguna é o ponto de partida para abordar essa problemática com depoimentos de profissionais, familiares e viciados.

Redução é a Chibata – uma reflexão sobre a redução da maioridade penal no Brasil

De Luiz F. F. Machado. Brasil. 2016. 28 min. Documentário. Sem classificação.

Analisa a possibilidade da redução da maioridade penal, projeto de Emenda Constitucional que tramita no Senado.

Blogspot Twitter