Cineclube da Fundação Badesc exibe obra do cineasta Harun Farocki

novembro 1, 2018 | CINECLUBE

 

Na terça-feira (13), a Fundação Cultural Badesc exibe os filmes “A saída dos operários da fábrica” e “Imagens da prisão” do cineasta alemão Harun Farocki, com discussões das características mais comuns de sua produção, em destaque, o interesse pelo gesto humano. Farocki nasceu em 1944,  em Novy Jicin, República Checa, escreveu textos teóricos, roteiros de cinema e televisão.

Após o filme, acontece um debate com Alessandra Brandão, professora do curso de Cinema (UFSC), Flávia Person e Daniel Leão pós-graduandos em Artes Visuais (Udesc). Entrada gratuita.

 

A saída dos operários da fábrica

(Arbeiter verlassen die Fabrik) de Harun Farocki. Alemanha. 1995. 36 min. Documentário. Sem classificação.

Uma montagem com cenas produzidas em 100 anos de história do cinema a partir de um dos primeiros filmes dos irmãos Lumière.

 

 

Imagens da prisão

(Gefängnisbilder) de Harun Farocki. Alemanha. 2000. 60 min. Documentário. Sem classificação.

Experimento que promove diálogo entre imagens dos filmes de Robert Bresson, Jean Genet, documentários do período nazista e imagens descartadas de câmeras de vigilância de penitenciárias de segurança máxima.

 

 

Serviço: cinema de Harun Farocki

Horário: às 15h

Local: Fundação Cultural Badesc – Rua Visconde de Ouro Preto, 216, Centro – Florianópolis/SC

Data: 13 de novembro – terça-feira

Telefone: (48) 3224-8846

Entrada gratuita

 

Tags:

Deixe seu comentário

Blogspot Twitter