ensaiosobreasnuvens testa

ENSAIO SOBRE AS NUVENS

JANAINA SCHVAMBACH

ESPAÇO FERNANDO BECK | 04 DE MAIO A 21 DE ABRIL DE 2019

Como um grande arquivo, os trabalhos transitam entre diversas apresentações da forma nuvem: a nuvem como uma metáfora que se transforma e se molda como o observador. As imagens capturadas se mesclam em narrativas pessoais da vivência da artista. Infância, sonhos, sentimentos de finitude e impossibilidades permeiam a linha poética do ensaio. Janaina Schvambach é professora do Instituto Federal do Rio Grande do Sul em Lajeado, no Rio Grande do Sul, e cursa doutorado em Artes Visuais na Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc). A mostra integra a Edição 2019 do Circuito Propagações, uma parceria entre a Fundação Cultural BADESC e o Sesc/SC, tendo circulação pelas cidades de Florianópolis, Lages, Joaçaba e Jaraguá do Sul.

previous arrow
next arrow
Full screenExit full screen
previous arrownext arrow
Slider

APRESENTAÇÃO

Espaços de passagem, 2015. Políptico, fotografia digital digital impressa em papel Canson Photo Matte Paper 200gms, 20x30cm cada.

Nuvem. Transitar entre diversas formas, variação que depende essencialmente da natureza, dimensões, número e distribuição espacial das partículas de água que se constituem pelas correntes dos ventos atmosféricos. Diferenças de figuração e cores que se dão através da intensidade da luz que recebe do sol, da lua, dos raios; bem como das posições relativas ocupadas por quem as observa. Para a artista e observadora Janaina Schvambach, capturar nuvens por meio do processo fotográfico é construir um grande arquivo em constante desterritorialização para além da matéria. Nuvem como metáfora atribuída à existência, em que o observador também se transforma e molda-se tal qual a passagem de uma vida, tal qual como um corpo em estado de mudança. Entre a presença e a ausência, entre a matéria e o espírito, entre estar e não ser mais aquilo que se era. Nuvem é sempre processo e sempre uma outra paisagem. Transformação. Lugar de passagem. Arquivo móvel que não captura um instante, pois sabe que não se é imagem congelada. Arquivo que não recusa o esquecimento, pois sabe ser camada, como na constituição da memória, entre lembranças e seus lapsos. Arquivo que desenha e redesenha o tempo, por possíveis existências-nuvens que se formam e se dissipam. Ver, como no ato fotográfico, remete-nos não apenas a uma relação exclusiva com a presença, abarca também uma relação intensiva com a ausência. Construção que molda e desmolda, bordas imprecisas, borramentos, miragens, inquietação do olhar que caça, investiga e, como no arquivo, abandona. As imagens capturadas por Janaina colocam-nos em situações de abertura e brechas, inquietam-nos na medida em que nos interrogam a pensar que “todo olho traz consigo sua névoa, além das informações de que poderia num certo momento julgar-se o detentor”¹ . Registram uma estética dos rastros e do desaparecimento, do “entre”. Imagem-dialética, que sabe colocar os instantes em movimento.

¹ DIDI-HUBERMAN, Georges. O que vemos, o que nos olha. São Paulo: Ed. 34, 1998, p.77.

Juliana Crispe

CIRCUITO PROPAGAÇÕES

Quatro cidades catarinenses, Florianópolis, Lages, Joaçaba e Jaraguá do Sul, receberam em 2019 o Circuito Propagações, parceria entre o SESC em Santa Catarina e a Fundação Cultural Badesc. Janaina Schvambach foi umas das selecionadas deste ano para circular o Estado com sua exposição “Ensaio sobre as Nuvens”, em uma parceria entre as duas instituições.

A prerrogativa do projeto é realizar circulação de exposições de artistas catarinenses, com o objetivo de promover as artes visuais por Santa Catarina.

Em cada Cidade, a exposição ganha uma perspectiva especifica, ao se adequar aos espaços expositivos das Galerias de Arte do SESC e também no Espaço Fernando Beck da Fundação Cultural BADESC. A produção da mostra foi de Francine Goudel.

Abaixo, alguns registros das produções e montagens da exposição pelo Estado.

Convite WEB - ENSAIO SOBRE AS NUVENS, Janaina Schvambach
previous arrow
next arrow
Full screenExit full screen
previous arrownext arrow
Slider

VEJA MAIS

COMPARTILHE ESTE POST: