11_17 03 30 ICONOGRAFIA 344, Curadoria de Ylmar Corrêa Neto - obras do artista (3)

ICONOGRAFIA 344

CURADORIA DE YLMAR CORRÊA NETO

TODOS OS ESPAÇOS | DE 30 DE MARÇO A 01 DE JUNHO DE 2017

Do Século XVI ao XIX, inúmeros estrangeiros passaram pela Ilha de Santa Catarina produzindo documentos e obras de arte de inestimável valor histórico. A maior parte desse material foi levada ou concluída na Europa, pois se destinava ao interesse de coleções de reis, nobres, ricos comerciantes e instituições. Mesmo os livros tinham tiragens limitadas e caras, já que suas ilustrações eram feitas com gravuras ou desenhadas e pintadas uma a uma. Muitas obras se perderam em naufrágios e outras tantas ainda hoje circulam incógnitas pelo mundo. Apaixonados pelo tema, alguns colecionadores locais têm rastreado e adquirido esse tesouro em leilões, galerias especializadas e coleções particulares dos cinco continentes, repatriando esse incrível patrimônio. A cuidadosa curadoria do também colecionador Ylmar Corrêa Neto permite ao público conhecer documentos raros, pinturas, desenhos, gravuras, mapas e livros originais que nunca haviam sido expostos. Em contraponto, obras de arte modernas e contemporâneas sobre a Ilha articulam representações entre o presente e o passado.

previous arrow
next arrow
Full screenExit full screen
previous arrownext arrow
Slider

APRESENTAÇÃO

Antes da abertura dos canais de Suez [1869] e do Panamá [1914], a Ilha de Santa Catarina era porto seguro e estratégico para abastecimento e reparos nas viagens para o Rio da Prata e para os oceanos Pacífico e Índico.

Uma série de importantes expedições marítimas com objetivos geopolíticos e científicos aqui aportaram e produziram um conjunto significativo de imagens da ilha. Entre os navegadores franceses que por aqui passaram nos séculos XVIII e XIX salientamos Frezier, Bougainville, La Perouse e Duperrey, além do inglês Anson, e dos russos Krusenstern e Kotzebue.

Hans Staden criou nossa primeira imagem alegórica, Frezier nosso primeiro mapa particular e a primeira documentação de nossa flora, o desenhista de Anson os primeiros contornos da Ilha, Pernetty primeiro retratou nossa fauna, e Duche de Vancy a primeira representação da Vila de Nossa Senhora do Desterro.

Entre os moradores, Victor Meirelles, Bruggemann, Kreplin e Eduardo Dias retrataram a cidade. Martinho de Haro, voltando de seus estudos em Paris, modificou definitivamente a maneira de olhar Florianópolis com novos ângulos, novas cores, valorizando o casario, o mar, o céu e os ocasos raros.

Yara Guasque, Asp, Gaiad, Lindote, Walmor Corrêa e Diego de Los Campos, artistas do século XXI, utilizam a apropriação, a releitura, a assemblagem, a fotografia, a palavra, transferindo as imagens da cidade da retina para uma trama de citações e conceitos.

As obras foram divididas em três agrupamentos: “polis” com imagens da cidade, “vivos” com representações de nossa gente, nossa fauna e nossa flora e, “linhas e nomes” com mapas da região.

Pela nova contagem da idade da cidade, estabelecida pela Lei 9.861 de 2015, que utiliza como marco a chegada de Dias Velho, estamos comemorando 344 anos, daí Iconografia 344. Mais do que um homenagem carinhosa à cidade [filofloripa], esta exposição pretende estimular a descoberta e o colecionismo da iconografia e da arte contemporânea catarinense.

Ylmar Corrêa Neto | Curador

POLIS

“Florianóspi de casaria tranquila
Penteada com ar colonial.
As ruas abraçam a gente:
- Como vais?”

Florianóspi | Raul Bopp | 1928

A primeira imagem conhecida da cidade foi feita por Duche de Vancy | 2 - 21 |, artista da expedição de La Perouse, que aqui esteve entre 6 e 19 de novembro de 1785. Retratou uma vila de cerca de 3000 habitantes. É possível identificar a Igreja Matriz, o Palácio do Governo, o Forte de Santa Bárbara e os navios franceses Bussole e Astrolabe na baia sul.

Vinte anos depois chegou a expedição russa de Krusenstern, comandante dos navios Neva e Nadesha, que nos deixou outra vista da cidade onde observa-se a Igreja de São Francisco em construção | 3 |, uma imagem da festa de réveillon de 1805 em frente à matriz, e uma vista de São Miguel onde os navios se abasteciam de água | 4 |.

A segunda expedição russa de circunavegacão, comandada por Kotzebue, trouxe o artista Choris que fez a bela aquarela da costa em frente à Ilha de Anhatomirim | 5 |, onde o Rurik ficou fundeado.

Debret ainda desenhou a cidade do morro do Menino Deos, com doentes em frente ao hospital | 6 |, mas o crescimento da cidade transferiu o ponto de observação para o Saco do Limões na raríssima litogravura de Brueggemann | 8 |, assim como no desenho de Kreplin, com o porto movimentado | 10 |, de Eduardo Dias com o mar encrespado pelo vento sul | 11 |, e a pintura de Dubut com o molhe do aterro da Prainha e um submarino na baia | 1 |.

Na gravura de Bruggemann também é possível também identificar o antigo Mercado Público e uma procissão no vazio da atual Praça XV de Novembro | 8 |.

Martinho de Haro, a partir de meados do século XX, imortalizou o casario com obras como o Hospital de Caridade e o complexo Ponte Velha, cais Hoepcke, Mercado Público, Alfândega e Miramar | 12 – 13 - 14 |. Reflexão, de Diego de Los Campos, cita Victor Meirelles | 7 |.

Ylmar Corrêa Neto | Curador

[1] Florianópolis, 1915. Alfonse Dubut. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Florianópolis | 1915
A. Dubut
Óleo sobre tela
Coleção Catarina

| 1 |

[2] Vista da Ilha de Santa Catarina, 1785. Gaspar Duche de Vancy [1756-1788]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Vista da Ilha de Santa Catarina | 1785
Gaspar Duche de Vancy [1756-1788]
Gravura em metal
Gravado por Le Pagellet
In: Jean-François de Galaup de La Perouse;
Voyage de La Perouse Autour Du Monde
Paris: Imprimerie de la République, 1797
Coleção Catarina

| 2 |

[3] Vista da Vila de Nossa Senhora do Desterro na Ilha de Santa Catarina, 1805-6. Johann Caspar Horner [1774-1834]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Vista da Vila de Nossa Senhora do Desterro na
Ilha de Santa Catarina | 1805-6

Johann Caspar Horner [1774-1834]
Gravura em metal
Gravado por Iwan W. Tschesky
In: Adam Johann Ritter von Krusenstern; Atlas Zur Reise Um Die Welt Von Ivan Krusenstern in Den Jahren 1803-1806
São Petersburgo: 1814
Coleção Catarina

| 3 |

[4] Festa de negros na Ilha de Santa Catarina, 1806. Wilhelm Gottlieb Tilesius von Tilenau [1769-1857]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Festa de negros na Ilha de Santa Catarina | 1806
Wilhelm Gottlieb Tilesius von Tilenau [1769-1857]
Gravuras em metal
Gravado por Kalpakoff
In: Adam Johann Ritter von Krusenstern; tlas Zur Reise Um Die Welt Von Ivan Krusenstern in Den Jahren 1803-1806
São Petersburgo: 1814
Coleção Catarina

| 4 |

[4] Vista de São Miguel, 1805-6. Wilhelm Gottlieb Tilesius von Tilenau [1769-1857]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Vista de São Miguel | 1805-6
Wilhelm Gottlieb Tilesius von Tilenau [1769-1857]
Gravuras em metal
Gravado por Kalpakoff
In: Adam Johann Ritter von Krusenstern; tlas Zur Reise Um Die Welt Von Ivan Krusenstern in Den Jahren 1803-1806
São Petersburgo: 1814
Coleção Catarina

| 4 |

[5] Brasil, 1815, costa junto a Ilha de Anhatomirim. Louis Choris [1795-1828]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Brasil | 1815, costa junto a Ilha de Anhatomirim
Louis Choris [1795-1828]
Grafite e aquarela sobre papel
Coleção Catarina

| 5 |

[6] Desterro vista do hospital, 1826, erroneamente identificada como Laguna. Jean-Baptiste Debret [1768-1848]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Desterro vista do hospital | 1826, erroneamente identificada como Laguna
Jean-Baptiste Debret [1768-1848]
Pochoir
In: Jean-Baptiste Debret;
Viagem pitoresca e histórica ao Brasil: aquarelas e desenhos que não foram reproduzidos na edição de Firmin Didot-1834
Paris: Raymundo Ottoni de Castro Maya, 1954
Coleção Catarina

| 6 |

[7] Reflexão, 2008. Diego de los Campos [1971]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Reflexão | 2008
Diego de los Campos [1971]
Grafite sobre papel, vidro e madeira | segundo Vista do Desterro de Victor Meirelles de Lima [1851]
Coleção Catarina

| 7 |

[8] Cidade do Desterro, circa 1865. Joseph Bruggemann [circa 1825-circa 1894]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Cidade do Desterro | circa 1865
Joseph Bruggemann [circa 1825 - circa 1894]
Litogravura
Gravado por Joseph Bruggmann
Desterro: Schwarzer e Rohlacher, década de 1860
Coleção Catarina

| 8 |

[9] Hospital de Caridade, 1955-60. Martinho de Haro [1907-1985]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Hospital de Caridade | 1955-60
Martinho de Haro [1907-1985]
Óleo sobre eucatex | segundo Menino de Deos de Joseph Bruggemann [circa 1865]
Coleção Catarina

| 9 |

[10] Nossa Senhora do Desterro, circa 1861. Heinrich Kreplin [1834-1909]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Nossa Senhora do Desterro | circa 1861
Heinrich Kreplin [1834 -1909]
Grafite e aquarela sobre papel
Coleção Catarina

| 10 |

[11] Vista de Florianópolis, circa 1914. Eduardo Dias [1971]. Coleção Particular. Fotografia de Clarice Dantas.

Vista de Florianópolis | circa 1914
Eduardo Dias [1971]
Óleo sobre tela
Coleção Particular

| 11 |

[12] Ponte Hercilio Luz, sem data. Martinho de Haro [1907-1985]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Ponte Hercilio Luz | sem data
Martinho de Haro [1907-1985]
Grafite sobre cartão
Coleção Catarina

| 12 |

[14] Miramar e castelinho, 1980-5. Martinho de Haro [1907-1985]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Miramar e castelinho | 1980-5
Martinho de Haro [1907-1985]
Óleo sobre Eucatex
Coleção Catarina

| 14 |

[15] Desterro, circa 1861. Heinrich Kreplin [1834-1909]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Desterro | circa 1861
Heinrich Kreplin [1834-1909]
Gravura em metal
In: Oscar Canstatt
Brasilien land und leute
Berlin: Ernst Siegfried Mittler und Sohn, 1877
Coleção Catarina

| 15 |

[16] Desterro em S. Catarina 18.. Gravado por Berman. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Desterro em S. Catarina | 18..
Litogravura
Gravado por Berman
In: Franz Hoffmann
Neuer Deutscher Jugendfreund
Stuttgart e Leipzig: von Schmidt & Spring, 1886
Coleção Catarina

| 16 |

[17] Nossa Senhora do Desterro, capital da Província de Santa Catarina 18.. Gravado por Zehrfelf. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Nossa Senhora do Desterro, capital da Província
de Santa Catarina | 18..

Gravura em metal
Gravado por Zehrfelf
Über Land und Meer allgemeine illustrirte Zeitung
Stuttgard: Dt. Verlag-Anst, circa 1879
Coleção Catarina

| 17 |

[18] Consulado alemão em Nossa Senhora do Desterro, Província de Santa Catarina 18.. Coleção Catarina.

Consulado alemão em Nossa Senhora do
Desterro, Província de Santa Catarina | 18..

Gravura em metal
Über Land und Meer allgemeine illustrirte Zeitung
Stuttgard: Dt. Verlag-Anst, circa 1879
Coleção Catarina

| 18 |

[19] Ilha de Santa Catarina, 1549. Theodor de Bry [1528-1598], segundo Hans Staden [circa1525-circa1576]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Ilha de Santa Catarina | 1549
Theodor de Bry [1528-1598], segundo Hans Staden [circa 1525-circa 1576]
Gravura em metal
Gravado por Theodor de Bry
In: Theodor de Bry;
Americae Tertia pars memorabilem provinciae Brasiliae Historam Continens
Frankfurt: Mathew Becker, 1592
Coleção Catarina

| 19 |

VIVOS

“Os habitantes são gentis, mas a escravidão dos negros, as superstições da Inquisição e o despotismo militar são grandes males”
Carta a Charles Pierre Claret de Fleurieu, Ministro da Marinha de Luiz XVI | Jean-Honoré-Robert de Paul, Cavaleiro de Lamanon | Ilha de Santa Catarina, 16.11.1785

O olhar dos viajantes sobre a cidade privilegiou o excêntrico, o não europeu, documentando nossa flora, nossa fauna, nossos índios e nossos negros.

Bry | 19 | e Debret | 20 | documentaram os indígenas catarinenses, suas aldeias e seus barcos. No primeiro vemos o corte do palmito, iguaria local para alimentação, e no segundo índios vestidos com túnicas greco-romanas.

O conjunto de personagens escolhido por Duche de Vancy | 2 - 21 |, composto pela enigmática figura encapuzada, seguido de um mendigo, de um padre conversando com uma mulher branca e de um oficial francês dedicando atenção a uma mulher negra, ambos descalços, demonstra o desconforto dos estrangeiros com o tratamento dispensado aos escravos. A releitura da obra utilizada pelo Visconde de Porto Seguro em seu livro | 41 |, elimina as figuras femininas e transforma o mendigo em um trabalhador, censurando os negros, as mulheres e os pobres.

Choris documentou não apenas os africanos | 22 – 23 – 24 |, mas parte de sua cultura musical na gravura da “kalimba” | 25 |, com seu som doce.

Weingartner, que aqui esteve acompanhando os revolucionários de 1893, também preferiu retratar os habitantes comuns | 28 – 29 |. A mulher branca e seu filho, bem vestidos, e a mulher negra alimentando as galinhas no quintal, é um exemplo da nossa estrutura social da época.

Um nome que permeia o estudo de nossa flora e fauna é de Adelbert von Chamisso que descreveu nosso coqueiro | 33 |, desenhou nossas palmeiras | 30 |, observou nossos vagalumes, aqui revistos por Walmor Corrêa | 26 |. Em 1815 coletou nosso bálsamo amarelo, que recebeu seu nome. Em 1869 Fritz Muller [do Desterro, como Darwin lhe chamava] | 38 – 39 | enviou para a Inglaterra outro exemplar cuja fotografia foi trabalhada por Yara Guasque | 34 |. Chamisso foi conservador do Herbário Real de Berlin, escritor conhecido pela “História maravilhosa de Peter Schlemihl” e teve seus poemas musicados por Robert Schumann [Opus 42: Frauenliebe und Leben].

Em Espólio dos Viajantes | 31 | Lindote coloca em uma floresta úmida a pedra do Morro do Menino Deos de Duche de Vancy | 2 - 21 |, a palmeira de Choris “d’apres” Chamisso | 30 | e a semente coberta de algodão de Frezier | 37 |.

Ylmar Corrêa Neto | Curador

[20] Bugres, Província de Santa Catarina, 1826. Jean-Baptiste Debret [1768-1848]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Bugres, Província de Santa Catarina | 1826
Jean-Baptiste Debret [1768-1848]
Litogravura
Gravado por C. Motte
In: Jean-Baptiste Debret;
Voyage pittoresque et historique au Brésil
Paris: Firmin Didot Frères 1834
Coleção Catarina

| 20 |

[21] Vista da Ilha de Santa Catarina, 1785. Gaspar Duche de Vancy [1756- 1788]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Vista da Ilha de Santa Catarina | 1785
Gaspar Duche de Vancy [1756-1788]
Gravura em metal aquarelada.
Gravado por Le Pagellet
In: Jean-François de Galaup de La Perouse;
Voyage de La Perouse Autour Du Monde
Paris: Imprimerie de la République, 1797
Coleção Catarina

| 21 |

[41] Ilha de Santa Catarina quando visitada por La Perouse. Segundo Gaspar Duche de Vancy [1756-1788]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Ilha de Santa Catarina quando visitada por La Perouse
Segundo Gaspar Duche de Vancy [1756-1788]
Gravura em metal
Gravado por A. F. Lemaitre
In: Francisco Adolfo de Varnhagen, Visconde de Porto Seguro [1816-1878]
Historia Geral do Brazil antes da sua separação e independência de Portugal, 2 Ed
Rio de Janeiro: E. & H. Laemmert, 1862
Coleção Catarina

|41|

[22] Negros desenhados no Brasil, 1815. Louis Choris [1795-1828]. Coleção Catarina. Fotografia de Clarice Dantas.

Negros desenhados no Brasil I | 1815
Louis Choris [1795-1828]
Aquarela sobre papel
Coleção Catarina

| 22 |

[23] Negros desenhados no Brasil II 1815, Louis Choris [1795-1828]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Negros desenhados no Brasil II | 1815
Louis Choris [1795-1828]
Aquarela sobre papel
Coleção Catarina

| 23 |

[24] Negros da costa de Moçambique, 1815. Louis Choris [1795-1828]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Negros da costa de Moçambique | 1815
Louis Choris [1795-1828]
Litogravura aquarelada
Gravado por Louis Choris e Langlumé
In: Louis Choris
Voyage pittoresque autour du monde, avec des portraits de sauvages d’Amérique, d’Asie, d’Afrique, et des îles du Grand océan; des paysages, des vues maritimes, et plusieurs objets d’histoire naturelle
Paris: Imprimerie de Firmin Didot, 1822
Coleção Catarina

| 24 |

[25] Instrumentos musicais dos negros ["kalimba"], 1815. Louis Choris [1795-1828]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Instrumentos musicais dos negros [“kalimba”] | 1815
Louis Choris [1795-1828]
Litogravura aquarelada
Gravado por Louis Choris e Langlumé
In: Louis Choris
Voyage pittoresque autour du monde, avec des portraits de sauvages d’Amérique, d’Asie, d’Afrique, et des îles du Grand océan; des paysages, des vues maritimes, et plusieurs objets d’histoire naturelle Paris: Imprimerie de Firmin Didot, 1822
Coleção Catarina

| 25 |

[26] "na noite dos seus cabelos os grampos são feitos de pirilampos que às estrelas querem chegar viajan

“na noite dos seus cabelos os grampos são feitos de pirilampos que às estrelas querem chegar” / viajantes em Santa Catarina | 2016
Walmor Bittencourt Corrêa [1961]
Tinta acrílica sobre tela e acrílico
Coleção Catarina

| 26 |

[27] Caça aos touros na Ilha de Santa Catarina 18.. Gravado por Bosrodon. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Caça aos touros na Ilha de Santa Catarina | 18..
Gravura em metal
Gravado por Bosrodon [Imprimerie Lessauvagé]
In: Auguste Joseph Duponchel [1774–1846]
Nouvelle Bibliothèque des Voyages Anciens et Modernes
Paris: Paul Duménil e Firmin Didot frères, 1842
Coleção Catarina

| 27 |

[28] Desterro, 1893. Pedro Weingartner [1852-1929]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Desterro | 1893
Pedro Weingartner [1852-1929]
Aquarela
Coleção Catarina

| 28 |

[29] A hora do milho, 1893. Pedro Weingartner [1852-1929]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

A hora do milho | 1893
Pedro Weingartner [1852-1929]
Óleo sobre tela
Coleção Particular

| 29 |

[30] Desenho da natureza de Adelbert de Chamisso, 1815. Adelbert von Chamisso [1781-1838]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Desenho da natureza de Adelbert de Chamisso | 1815
Adelbert von Chamisso [1781-1838]
Litogravura aquarelada
Gravado por Louis Choris e Langlumé
In: Louis Choris
Voyage pittoresque autour du monde, avec des portraits de sauvages d’Amérique, d’Asie, d’Afrique, et des îles du Grand océan; des paysages, des vues maritimes, et plusieurs objets d’histoire naturelle
Paris: Imprimerie de Firmin Didot, 1822
Coleção Catarina

| 30 |

[31] Espólio dos viajantes, 2015-2017. Fernando Otávio Fuentes Lindote [1960]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Espólio dos viajantes | 2015-7
Fernando Otávio Fuentes Lindote [1960]
Óleo sobre tela e EVA
Coleção Catarina

| 31 |

[32] Palmeira, 1815. Louis Choris [1795-1828]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Palmeira | 1815
Louis Choris [1795-1828]
Aquarela sobre papel
Coleção Catarina

| 32 |

[33] Coqueiro do Brasil, 1815. Louis Choris [1795-1828]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Coqueiro do Brasil | 1815
Louis Choris [1795-1828]
Litogravura aquarelada
Gravado por Louis Choris e Langlumé
In: Louis Choris
Voyage pittoresque autour du monde, avec des portraits de sauvages d’Amérique, d’Asie, d’Afrique, et des îles du Grand océan; des paysages, des vues maritimes, et plusieurs objets d’histoire naturelle
Paris: Imprimerie de Firmin Didot, 1822
Coleção Catarina

| 33 |

[35] Algodão, 1712. Amedee Francois Frezier [1682-1773]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Algodão | 1712
Amedee Francois Frezier [1682-1773]
Gravura em metal
Gravado por Nicolas Guérard le Jeune [1680-17..]
In: Amedee Francois Frezier
A Voyage to the South-Sea, and along the Coasts of Chili and Peru in the Years 1712, 1713, and 1714
Londres: Jonah Bowyer, 1717
Coleção Catarina

| 37 |

[36] "Aphelandra chamissoniana" [Bálsamo-amarelo], 2017. Yara Rondon Guasque Araújo [1956]. Coleção da artista. Fonte yara Gasque.

“Aphelandra chamissoniana” [Bálsamo-amarelo] | 2017
Yara Rondon Guasque Araújo [1956]
Fotografia impressa em papel japonês
Coleção da artista

| 34 |

[34] Chalalah, 2007. Walmor Bittencourt Corrêa [1961]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Chalalah | 2007
Walmor Bittencourt Corrêa [1961]
Grafite sobre copia xerográfica e acrílico
Coleção Catarina

| 35 |

[37] Maio em Florianópolis metamorfoses e heterogonia [Sussurros nos ares], 2011. Walmor Bittencourt Corrêa [1961]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Maio em Florianópolis / metamorfoses e heterogonia [Sussurros nos ares] | 2011
Walmor Bittencourt Corrêa [1961]
Vidro, madeira, grafite e pássaro taxidermizado sobre papel
Coleção Catarina

| 36 |

[38] História Natural da Ilha de Santa Catarina, 1763. Abade Jacques Pernetty [1696-1777]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

História Natural da Ilha de Santa Catarina | 1763
Abade Jacques Pernetty [1696-1777]
Gravura em metal
In: Jacques Pernetty
Histoire d’un Voyage aux Isles Malouines, fait en 1763 & 1764
Paris: Saillant & Nyon e Delalain, 1770
Coleção Catarina

| 38 |

[40] Orchestia Darwinii n. Sp Mannchen, 1864. In Fritz Muller (do Desterro) Für Darwin. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Orchestia Darwinii n. Sp Mannchen
In: Fritz Muller (do Desterro)
Für Darwin
Leipzig: Verlag von Wilhelm Engelmann, 1864
Coleção Catarina

| 40 |

LINHAS E NOMES

“Lord Anson, no relato de sua viagem ao redor do mundo, requer em várias ocasiões que os ingleses se estabeleçam no sul do Brasil , clamando que a nação que firmar tal estabelecimento controlará o comércio dos Mares do Sul”
Relatório ao Duque de Choiseul, Secretário de Estado de Luiz XV | Louis de Bougainville | 1764

Nos dois primeiros mapas expostos, os dois primeiros mapas particulares do Brasil | 45 – 46 |, não se encontra a Ilha de Santa Catarina. O estado é re-presentado por São Francisco do Sul.

Posteriormente, a Ilha entrou nos mapas da Província do Rio da Prata onde o Brasil meridional aparece em detalhes | 47 – 48 – 49 – 50 |. Três tribos in-dígenas são tradicionalmente situados em nosso território, “Cipopay, Anniriri e Cariores”. No cartuxo do mapa de Bowen | 49 | o erro comum da colocação da Ilha do Arvoredo ao sul da Ilha de Santa Catarina está presente.

Para traçar seu mapa | 51 |, com as características letras barrocas do Dell’Arcano del Mare, Sir Dudley teve acesso aos Arquivos dos Medici em Florença, permitindo identificar a localização do Porto dos Patos e o do Porto D. Rodrigo, raramente descritos.

O mapa de D. Tomaz Lopes Machuca documenta a invasão da Ilha pelos espanhóis em 1777 | 52 |, noticiada pela edição extraordinária da Gazette de Paris | 65 |. Através do Tratado de Santo Ildefonso a Ilha foi devolvida a Portugal em troca das Filipinas, das Marianas e do compromisso de não permitir que navios de nações inimigas da Espanha aqui aportem | 66 |. O Salvo Conduto inglês de 1805 documenta seu secreto descumprimento | 67 |.

O interesse geopolítico pela Ilha aparece nos detalhados mapas das entradas norte e sul | 53 – 54 – 55 – 56 |, também ilustrados pelo desenhista de Anson | 59 – 60 – 61 – 62 – 63 – 64 |. Observando as diversas edições de Anson, muitas delas não autorizadas, é possível eventualmente observar a falta de compromisso com o original.

O mapa de Frezier é o primeiro exclusivo da Ilha de Santa Catarina | 57 |. A falta das lagoas se deve a aversão dos habitantes a estrangeiros desde os assassinatos de Dias Velho e sua família.

No topo da escada o céu do Campeche é pintado e fotografado por Gaiad | 42 |. O Morro das Pedras é representado por Martinho de Haro | 43 | e Asp | 44 |. Imagem ou palavras, qual o meio mais eficaz?

Ylmar Corrêa Neto | Curador

[42] As paredes que me cercam (noturno) [Céu do Campeche], 2003. Paulo Renato Gaiad [1953-2016]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

As paredes que me cercam (noturno) [Céu do Campeche] | 2003
Paulo Renato Gaiad [1953-2016]
Óleo, areia e fotografia sobre tela
Coleção Catarina

| 42 |

[43] Morro das Pedras, 1946. Martinho de Haro [1907-1985]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Morro das Pedras | 1946
Martinho de Haro [1907-1985]
Óleo sobre tela
Coleção Catarina

| 43 |

[44] Landscape SC Ilha, 2005. Carlos Alberto Carneiro Asp [1949]. Coleção Catarina. Fonte Ylmar Corrêa Neto.

Landscape SC Ilha | 2005
Carlos Alberto Carneiro Asp | 1949
Desenho sobre caixa de papel
Coleção Catarina

| 44 |

[47] Brasil, 1556. Giacomo Gastaldi [1500-1566]. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Brasil | 1556
Giacomo Gastaldi [1500-1566]
Xilogravura
In: Giovanni Batista Ramusio [1485-1557]
Delle navigationi et viaggi: Discorso d’un gran capitano di mare francese del lucco di Dieppa sopra le navigationi fatte alle Terra Nuova dell’Indie Occidentali, chiamata la Nuova Francia, da gradi 40 fino a gradi 47 sotto il Polo Arctico, & sopra la terra del Brasil, Guinea, Isola di San Lorenzo,& quelle di Sumatra, fino alle quali hano navigato le caravelle & navi francese
Veneza: Nella Stamperia de Giunti, 1565
Coleção Catarina

| 45 |

[48] Brasil Nuova Tavola, 1561. Girolano Ruscelli [1518-1566], segundo Giacomo Gastaldi. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Brasil Nuova Tavola | 1561
Girolano Ruscelli [1518-1566], segundo Giacomo Gastaldi
Gravura em metal aquarelada
In: Claudius Ptolemaeus [90-168]
La geografia di Claudio Tolomeo alessandrino, nuouamente tradotta di greco in italiano, da Girolamo Ruscelli, con Espositioni del medesimo, particolari di luogo in luogo
Veneza: appresso Vincenzo Valgrisi, 1561
Coleção Catarina

| 46 |

[49] Paraguay, o Prov. de Rio de la Plata: cum adiacentibus Provinciis quas vocant Tucuman, et Sta. Cruz de la Sierra, circa 1600. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Paraguay, o Prov. de Rio de la Plata: cum adiacentibus Provinciis quas vocant Tucuman, et Sta. Cruz de la Sierra | circa 1600
Joannes de Laet [1581-1649], segundo Jacodus Hondius [1563-1612]
Gravura em metal
Leiden: Chez Bonaventure & Abraham Elseviers, 1640
Coleção Catarina

| 47 |

[50] Paraguay o Prov. De Rio De La Plata cum regionibus adiacentibus Tucuman et Sta. Cruz De la Sierra, circa 1600. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Paraguay o Prov. De Rio De La Plata cum regionibus adiacentibus Tucuman et Sta. Cruz De la Sierra | circa 1600
Willem Janszoon Blaeu [1571-1638], segundo Jacodus Hondius [1563-1612]
Gravura em metal
In: Willem Janszoon Blaeu
Theatrvm orbis terrarvm, sive, Atlas novvs : in quo tabvlae et descriptiones omnium regionum
Amsterdam: Iohannem et Cornelium Blaeu, 1640
Coleção Catarina

| 48 |

[51] A new and accurate map of Brazil, 1747. Emanuel Bowen [circa 1694-1767]. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

A new and accurate map of Brazil | 1747
Emanuel Bowen [circa 1694-1767]
Gravura em metal
Gravado por Emanuel Bowen
In: Emanuel Bowen e Thomas Kitchin
Complete Atlas, or, Distinct View of the Known World
Londres: William Innys e Joseph Richardson, 1752
Coleção Catarina

| 49 |

[52] Carte de la partie meridionale du Bresil, avec les possession espagnoles voisines qui en sont a l'ouest, 1780. Rigobert Bonne [1727-1795]. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Carte de la partie meridionale du Bresil, avec les possession espagnoles voisines qui en sont a l’ouest | 1780
Rigobert Bonne [1727-1795]
Gravura em metal
Gravado por Andre
In: Rigobert Bonne e Guillaume Raynal [1713-1796]
Histoire Philosophique et Politique Des Establissements et Du Commerce Des Europeens Dans Les Deux Indes
Genebra: J. L. Pellet, 1783-4
Coleção Catarina

| 50 |

[53] Carta particolare della Brasilia Australe che comincia dala Poro del Spirito Santo e finisce con il capo Bianco. Sir Robert Dudley [1574-1649]. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Carta particolare della Brasilia Australe che comincia dala Poro del Spirito Santo e finisce con il capo Bianco
Sir Robert Dudley [1574-1649]
Gravura em metal
Gravado por Anton Francesco Lucini [1610-após 1661]
In: Robert Dudley
Dell’Arcano del Mare
Florença: Francesco Onofri, 1645-6
Coleção Catarina

| 51 |

[54] Plano de la Isla y Puerto de Santa Catalina situado en la América Meridional, 1777.Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Plano de la Isla y Puerto de Santa Catalina
situado en la América Meridional | 1777

Tomás Vargas de López Machuca [1730-1802], segundo Cristóval del Canto, 1776, segundo Estevan Álvarez del Fierro, 1757
Gravura em metal
Madrid: 1777
Coleção Catarina

| 52 |

[55] Plan du mouillage situé au Nord Ouest de l'Ile Santa Catharina à la Côte du Brésil levé en 1819 dans la Campagne de la Corvette La Bayadère et du Brick Le Favori, 1822. Coleção Catarina.

Plan du mouillage situé au Nord Ouest de l’Ile Santa Catharina à la Côte du Brésil levé en 1819 dans la Campagne de la Corvette La Bayadère et du Brick Le Favori | 1822
Givry
Gravura em metal
Gravado por Ambroise Tardieu
Paris: Au dépôt Général de la Marine , 1822
Coleção Catarina

| 53 |

[56] Mapa da Ilha de Santa Catarina, 1804. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Mapa da Ilha de Santa Catarina | 1804
Gravura em metal
In: Adam Johann Ritter von Krusenstern; Atlas Zur Reise Um Die Welt Von Ivan Krusenstern in Den
Jahren 1803-1806
São Petersburgo: 1814
Coleção Catarina

| 54 |

[57] Carte de L'Entree Sud du Canal Ste. Catherine depuis L'Ilha do Coral jusqu'a Na. Sa. do Desterro, 1867. E. Mouchez. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Carte de L’Entree Sud du Canal Ste. Catherine depuis L’Ilha do Coral jusqu’a Na. Sa. do Desterro | 1867
E. Mouchez
Gravura em metal
Gravado por J.Geisendorfere
Paris: Lemercier, 1874
Coleção Catarina

| 55 |

[58] Carte particuliere de L’Isle de Ste. Catherine, 1712. Amedee Francois Frezier [1682-1773]. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Carte particuliere de L’Isle de Ste. Catherine | 1712
Amedee Francois Frezier [1682-1773]
Gravura em metal aquarelada
In: Amedee Francois Frezier
A Voyage to the South-Sea, and along the Coasts of Chili and Peru in the Years 1712, 1713, and 1714
Londres: Jonah Bowyer, 1717
Coleção Catarina

| 57 |

[59] Carte de I'Isle de St. Catherine situe a la Coste du Bresil, 1764. Jacques Nicolas Bellin [1703-1772]. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Carte de I’Isle de St. Catherine situe a la Coste du Bresil | 1764
Jacques Nicolas Bellin [1703-1772]
Gravura em metal
Gravado por J. Arrivet [17..-18..]
In: Jacques Nicolas Bellin
Le Petit Atlas Maritime Recueil De Cartes et Plans Des Quatre Parties Du Monde
Paris: Sr Bellin, 1764
Coleção Catarina

| 58 |

[60] A View of the N.E. End of the Island of St. Catherines on the Coast of Brasil, 1740. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

A View of the N.E. End of the Island of St. Catherines on the Coast of Brasil | 1740
Gravura em metal
Gravado por J. Wood
In: George Anson [1697-1762] e Richard Walter [circa 1716-1785]
A Voyage Round the World, in the Years MDCCXL, I, II, III, IV. By George Anson, Esq; Commander in Chief of a Squadron of His Majesty’s Ships, sent upon an Expedition to the South-Seas
Londres: John e Paul Knapton, 1748
Coleção Catarina

| 59 |

[61] A View of the north entrance of the harbour of St. Catherines, 1740. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

A View of the north entrance of the harbour of St. Catherines | 1740
Gravura em metal
Gravado por J. Wood
In: George Anson [1697-1762] e Richard Walter [circa 1716-1785]
A Voyage Round the World, in the Years MDCCXL, I, II, III, IV. By George Anson, Esq; Commander in Chief of a Squadron of His Majesty’s Ships, sent upon an Expedition to the South-Seas
Londres: John e Paul Knapton, 1748
Coleção Catarina

| 60 |

[62] Gezigt van de Noord-Oost Punt van’t Eiland S. Catharina Gezigt van de Nooedelyke Ingang des Havens, 1740. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Gezigt van de Noord-Oost Punt van’t Eiland S. Catharina
Gezigt van de Nooedelyke Ingang des Havens | 1740

Gravura em metal
In: George Anson [1697-1762] e Richard Walter [circa 1716-1785]
Reize rondsom de werreld gedaan in de Jaaren 1740 tot 1744. op een expeditie naar de Zuidzee
Amsterdam: Isaak Tirion, 1748
Coleção Catarina

| 61 |

[63] Vue de la Côte du N. E. De l’Isle de Ste. Catharine sur la Côte de Bresil Vue de l’Entrée Septentrionale du Port de Ste. Catharine, 1740. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Vue de la Côte du N. E. De l’Isle de Ste. Catharine sur la Côte de Bresil Vue de l’Entrée Septentrionale du Port de Ste. Catharine | 1740
Gravura em metal
Gravado por F. de Bakker
In: George Anson [1697-1762] e Richard Walter [circa 1716-1785]
Voyage autour du monde fait dans les annne’es MDCCXL,I,II,III,IV. par George Anson, presentemnt Lord Anson, commandant en chef d’une escadre envoyee par Sa Majesté Britannique dans la Mer du Sud Amsterdam: Arkste’e & Merkus, 1749
Coleção Catarina

| 62 |

[64] Vue de la pointe du Nord Est de l’Isle de Ste. Catharine Vue de l’Entrée Septentrionale du Port, 1740. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Vue de la pointe du Nord Est de l’Isle de Ste. Catharine Vue de l’Entrée Septentrionale du Port | 1740
Gravura em metal
In: George Anson [1697-1762] e Richard Walter [circa 1716-1785]
Voyage autour du monde fait dans les annne’es MDCCXL,I,II,III,IV. par George Anson, presentemnt Lord Anson, commandant en chef d’une escadre envoyee par Sa Majesté Britannique dans la Mer du Sud Genebra: Chez Henri-Albert Gosse, 1750
Coleção Catarina

| 63 |

[65] Vue de la pointe du Nord Est de l’Isle de Ste. Catharine Vue de l’Entrée Septentrionale du Port, 1740. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Vue de la pointe du Nord Est de l’Isle de Ste. Catharine
Vue de l’Entrée Septentrionale du Port | 1740

Gravura em metal
In: George Anson [1697-1762] e Richard Walter [circa 1716-1785]
Voyage autour du monde fait dans les annne’es MDCCXL,I,II,III,IV. par George Anson, commandant en chef d’Escadre de Sa Majesté
Paris: Quillau, 1750
Coleção Catarina

| 64 |

[66] Relato do aprisionamento da Ilha de Santa Catarina, pela Armada do Rei da Espanha, sob as ordens do Capitão Geral Don Pedro de Cevallos, segundo cartas autênticas. Coleção Catarina.
[66] Relato do aprisionamento da Ilha de Santa Catarina, pela Armada do Rei da Espanha, sob as ordens do Capitão Geral Don Pedro de Cevallos, segundo cartas autênticas. Coleção Catarina.

Relato do aprisionamento da Ilha de Santa Catarina, pela Armada do Rei da Espanha, sob as ordens do Capitão Geral Don Pedro de Cevallos, segundo cartas autênticas, na data de 3 de março de 1777.
Paris: Gazette de France, Suplemento de 9 de junho de 1777
Coleção Catarina

| 65 |

[67] Artigo XXIII, 1777. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.
[67] Artigo XXIII, 1777. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Artigo XXIII | 1777
Tratado preliminar de paz, e de limites na América Meridional, relativo aos estados, que nella possuem as Coroas de Portugal e de Hespanha [Tratado de Santo Ildefonso]
Lisboa: Regia Officina Typografica, 1777
Coleção Catarina

| 66 |

[68] Salvo Conduto para Navios Ingleses, circa 1805. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Salvo Conduto para Navios Ingleses | circa 1805
Londres: circa 1805
Coleção Catarina

| 67 |

[69] Plan hydrographique de L’Ile et La Baie de Sainte Catherine, 1843. Coleção Catarina. Fonte: Ylmar Corrêa Neto.

Plan hydrographique de L’Ile et La Baie de Sainte Catherine | 1843
Litogravura
Gravado por J Collon
In: Charles Maximilien Louis van Lede [1801-1875]
De la Colonisation au Bresil, Mémoire historique, descriptif, statistique et commercial sur la province de Sainte- Cathérine
Bruxelles: Librairie Polytechnique D’Aug. Decq, 1843
Coleção Catarina
| 68 |

FOLDER DA EXPOSIÇÃO

VEJA MAIS

COMPARTILHE ESTE POST: