CINECLUBE 2020

CINECLUBE 2020

MARÇO

CINECLUBE
Dia 03, terça-feira, às 19h
Cine Italiano
Belíssima
(Bellissima) de  Luchino Visconti. 1951. 115 min. Comédia dramática. 12 anos.
Quando um estúdio de cinema anuncia que está à procura de uma atriz infantil, Maddalena tenta conseguir a todo custo o trabalho para a sua filha Maria. Mediação: Silvio Saffaro (CIB).
 
Dia 04,quarta-feira, às 19h
ART7 – Xadrez – Além do Tabuleiro
O Dono do Jogo
(Pawn Sacrifice) de Edward Zwicker. EUA. 2014. 115 min. Biografia/Drama. 12 anos. Com Tobey Maguire, Liev Schreiber e Peter Sarsgaard.
Durante a Guerra Fria, um jogador prodígio de xadrez se vê preso entre duas superpotências e suas próprias lutas.

Dia 05, quinta-feira, às 19h
Cinema Entre Fronteiras
O Novo Mundo
(The New World) de Terrence Malick. EUA e Reino Unido. 2005. 135 min. Biografia/Drama. 12 anos. Com  Colin Farrell, Q’orianka Kilcher e Christopher Plummer.
Baseada na lenda de Pocahontas, o filme aborda a tensão  entre os nativos Powhatan e os invasores Ingleses no séc XVII.

Dia 06, sexta-feira, às 19h
Gênero e Alteridades
Histórias Cruzadas
(The Help) de Tate Taylor. EUA. 2011. 146 min. Drama. 12 anos. Com  Emma Stone, Viola Davis e Octavia Spencer.
A jovem Skeeter vive no Mississipi, nos anos 1960. À frente de seu tempo, ela está determinada  se tornar uma escritora e contar a história das mulheres negras da cidade.

Dia 10, terça-feira, às 19h
Africa no cinema
A Sereia de Faso Fani
(La Sirène de Faso Fani) de Michel K. Zongo. Burkina Faso. 2015. 90 min. Documentário. Sem classificação.
Por muito tempo, Koudougou foi considerada a cidade têxtil de Burkina Faso, e devido à presença de uma fábrica: Faso Fani, que significa “A tanga do país”.
Mediação: Alex Brandão (LEHAf-UFSC).
 
Dia 11,quarta-feira, às 19h
ART7 – Xadrez – Além do Tabuleiro
O Último Lance
(The Luzhin Defence) de Marleen Gorris. Reino Unido e França. 2000. 109 min. Drama/Romance. 12 anos. Com John Turturro, Emily Watson e Geraldine James.
Excêntrico jogador envolve-se, ao chegar à Itália para uma disputa, com uma jovem fascinada por sua genialidade como enxadrista.

Dia 12, quinta-feira, às 19h
Imagens Políticas
Intolerância.doc
De Susanna Lira. Brasil. 2016. 85 min. Documentário. 12 anos.
A jornada da equipe da Delegacia de Crimes de Intolerância em busca de pessoas que transformaram o discurso de ódio em assassinatos cruéis.

Dia 13, sexta-feira, às 19h
Sessão Divã
Matador
De Pedro Almodóvar. Espanha. 1986. 110 min. Drama/Thriller. 18 anos. Com Assumpta Serna, Antonio Banderas e Nacho Martínez.
Diego Montes é um toureiro precocemente aposentado que trocou os touros pelas mulheres. Após se relacionar, matá-las é um modo de reviver a emoção das estocadas.

Dia 17, terça-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
Yãmiyhex: As Mulheres-Espírito 
De Sueli Maxakali e Isael Maxakali. Brasil. 2020. 77 min. Documentário. Sem classificação.
Registro dos preparativos da grande festa de despedida das yãmĩyhex (mulheres-espírito), que se preparam para partir após alguns meses na Aldeia Verde.

Dia 18,quarta-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
DEMARCAÇÃO DAJE KAPAP EYPI 
De Lucineide Saw Munduruku, Rilliete Saw Munduruku, Alcineide Saw Munduruku, Luciane Saw Munduruku e Marunha Saw Munduruku. Brasil. 2015. 10 min. Documentário. Sem classificação.
As guerreiras Munduruku realizaram um filme da autodemarcação de sua terra para mostrar que não estão de braços cruzados perante o descaso do governo.

Dia 18, quarta-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
A voz das mulheres indígenas 
De Glicéria Tupinambá e Cristiane Pankararu. Brasil. 2015. 17 min. Documentário. Sem classificação.
Depoimentos de mulheres indígenas nordestinas acerca de suas trajetórias no movimento indígena.

Dia 18,quarta-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
Nossa Alma Não tem Cor
De Graciela Guarani e Alexandre Pankararu. Brasil. 2019. 22 min. Documentário. Sem classificação.
Os desafios enfrentados pelos povos indígenas no cenário atual, a partir do depoimento de líderes indígenas do Brasil.

Dia 19, quinta-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
Grande Canto 
De Michele Perito Concianza Kaiowá. Brasil. 2019. 22 min. Documentário. Sem classificação.
Filme ritual sobre o Grande Canto Kaiowá.

Dia 19, quinta-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
Ayani por Ayani
De Ayani Hunikui. Brasil. 2010. 20 min. Documentário. Sem classificação.
Ayani, filha de Dani e Agostinho Ika Muru, filma um dia na vida de sua avó Ayani.

Dia 19, quinta-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
Tramas Y Trascendências
De Flor de María Álvarez Medrano. Guatemala. 2014. 13min. Documentário. Sem classificação.
O curta mostra os padrões traumáticos que foram herdados por gerações e como eles afetam a vida de três mulheres e as dificuldades delas para transformar essa realidade.

Dia 20, sexta-feira, às 19h
Mostra Mulheres Indíginas
Até o fim do mundo
(Nakua pewerewerekae jawabelia) de Margarita Rodriguez Weweli-Lukana e Juma Gitirana Tapuya Marruá. Brasil. 2019. 16 min. Experimental. Sem classificação.
Vídeo experimental que mescla as linguagens do documentário e fantasia a partir do encontro das diferenças, na tentativa ritual de sanação das dores coloniais.

Dia 20, sexta-feira, às 19h 
Mostra Mulheres Indíginas
TEKO HAXY – ser imperfeita
De Patrícia Ferreira e Sophia Pinheiro. Brasil. 2018. 39 min. Documentário experimental. Sem classificação.
Encontro íntimo entre duas artista, uma indígena e outra não-indígena,  que se filmam e se descobrem iguais e diferentes na justeza de suas imagens.

Dia 24, terça-feira, às 19h
A hora e a voz da mulher
Que bom te ver viva
De Lúcia Murat. Brasil. 1989. 100 min. Documentário/Drama. 16 anos. Com Irene Ravache, Estrela Toscano, Criméia Schmidt Rosa
O filme articula as fantasias e delírios de uma mulher comum, com depoimentos de oito ex-presas políticas toruradas durante a ditadura brasileira. Mediadoras: Cristina Scheibe Wolff (UFSC) e Alessandra Soares Brandão (UFSC).

Dia 25,quarta-feira, às 19h
ART7 – Xadrez – Além do Tabuleiro
Face a Face Com o Inimigo
(Knight Moves) de Carl Schenkel. EUA, Alemanha e Canadá. 1992. 116 min. Crime/Drama. 16 anos. Com  Christopher Lambert, Tom Skerritt e Codie Lucas Wilbee.
Durante um torneio, o mestre de xadrez Peter Sanderson é o principal suspeito de uma série de assassinatos.

Dia 26, quinta-feira, às 19h
Cine Aliança Francesa
A Grande Sedução
(La grande séduction) de Jean-François Pouliot. Canadá. 2003. 108 min. Comédia. 14 anos. Com David Boutin, Lucie Laurier e Raymond Bouchard.
Na pequena ilha de St. Marie-La-Mauderne, o povoado bola um plano para convencer um médico a se mudar definitivamente para lá.

Dia 27, sexta-feira, às 19h
Psicanálise vai ao Cinema
O Céu Sobre os Ombros
De Sérgio Borges. Brasil. 2011. 72 min. Documentário/Ficção/Drama. 16 anos. Com Everlyn Barbin, Murari Krishna, Lwei Bakongo.
Entre o documentário e a ficção, são retratados os cotidianos da transexual Evelyn, do Hare Krishna Murai e do imigrante africano Já Lwei.

Dia 31, terça-feira, às 17h
Foco em Cinema
Os Passageiros
(Les passagers) de Jean-Claude Guiguet. França. 1999. 93 min. Drama. 16 anos. Com Fabienne Babe, Bruno Putzulu e Véronique Silver.
Numa linha de trem, entrecruzam-se os passageiros. Passam por experiências que logo se vão, como a passageira vida.
Mediação: Bruno Andrade, crítico de cinema.

Dia 31, terça-feira, às 19h
Foco em Cinema
Holy Motors
De Leos Carax. França. 2012. 115 min. Drama. 14 anos. Com Denis Lavant e Kylie Minogue
Do amanhecer ao anoitecer, algumas horas na vida sombria de um homem místico chamado Sr. Oscar.
Mediação: Bruno Andrade, crítico de cinema.

Blogspot Twitter